Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Após registrar menor taxa do ano, transmissão da Covid cresce e é maior desde junho
Foto: Divulgação/Sesab

Depois de na semana passada registrar menor taxa de transmissão da Covid-19 no ano (leia aqui), o Brasil registrou nesta terça-feira (21) o índice mais alto desde 22 de junho. Conforme acompanhamento do Imperial College de Londres, a taxa de transmissão (Rt) subiu para 1,03.

 

Na semana passada a taxa era a menor desde novembro de 2020, e estava em 0,81. Na semana anterior estava em 0,92.

 

O fator Rt (taxa de transmissão) corresponde a quantidade de pessoas que podem ser infectadas a partir de um único indivíduo diagnosticado com o novo coronavírus, além de indicar a evolução da pandemia nos países.

 

No Brasil, o Rt atual significa que cada 100 pessoas contaminadas transmitem a doença para outras 103 pessoas. Quando está acima de 1, a taxa de contágio indica que o vírus avança sem controle.

 

Dentro da margem de erro calculada pela universidade britânica, o índice brasileiro atual pode variar de 0,91 a 1,22.

Histórico de Conteúdo