Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Quinta, 02 de Dezembro de 2021 - 10:20

Juazeiro: Juiz inocenta ex-diretor de abastecimento em acusação de homicídio

por Francis Juliano

Juazeiro: Juiz inocenta ex-diretor de abastecimento em acusação de homicídio
Foto: Reprodução / Rede GN

O ex-diretor do Serviço de Água e Saneamento Ambiental (Saae) de Juazeiro, no Sertão do São Francisco, Joaquim de Medeiros Neto, foi inocentado no caso do homicídio do ex-diretor da Defesa Civil local, Adalberto de Carvalho Gonzaga. A decisão foi tomada pelo juiz Paulo Ney de Araújo.

 

Na mesma sentença, o magistrado também rechaçou a acusação de homicídio contra Gabriel Gomes Amaral e extinguiu a pena a David Roger Paixão Reis, já falecido. Gonzaga foi morto a tiros na noite do dia 23 de fevereiro de 2017. Dois homens a bordo de uma moto chegaram até a frente da residência da vítima e dispararam.

 

Joaquim Neto foi acusado de ser o mandante do crime e os outros dois como executores (lembre aqui). Segundo o Ministério Público do Estado (MP-BA), Gonzaga teria sido morto após fazer denúncias contra o então diretor do Saae, o que foi rechaçado pelo juiz. Cabe recurso da decisão.

Histórico de Conteúdo