Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Governador e prefeitos discutem principais demandas de policlínicas regionais
Foto: Fernando Vivas / GOVBA

O governador Rui Costa se reuniu nesta terça-feira (30) com os prefeitos presidentes dos consórcios de saúde responsáveis pelas policlínicas do estado. O objetivo do encontro, ocorrido na Governadoria, foi discutir as principais demandas dos equipamentos, como forma de aprimorar o atendimento nas unidades.

 

“Nós estamos refinando para melhorar ainda mais a resolutividade, produtividade e eficiência das policlínicas. Nós tivemos o primeiro desafio, que foi a implantação de 23 unidades, e chegaremos a 26, mas agora nós estamos na segunda etapa, ou seja, de ir cuidando da qualidade, da produtividade dos atendimentos, equalizando e buscando ter um padrão para todas as policlínicas”, afirmou Rui.

 

Presente na reunião, a secretária de saúde do estado, Tereza Paim, frisou que a eficiência do modelo de gestão das policlínicas passa também pela colaboração efetiva dos profissionais médicos. Durante a reunião, os presidentes dos consórcios interfederativos relataram as principais dificuldades.

 

Caso do prefeito de Nova Soure, no Nordeste baiano, Cássio Andrade. Cassinho, como é conhecido, preside o consórcio responsável pela policlínica de Ribeira do Pombal. As policlínicas são custeadas com 40% de verba estadual e 60% dos recursos dos municípios consorciados. 

Histórico de Conteúdo