Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Setor de eventos pede celeridade ao governo e prefeitura na definição do Carnaval de 2022
Foto: Reprodução / Divulgação

Por meio de uma carta aberta divulgada na terça-feira (26), as associações representativas ligadas ao setor de entretenimento, em especial do Carnaval, pediram celeridade na definição da festa para 2022 ao Governo do Estado e a Prefeitura de Salvador.

 

No documento, assinado por mais de 20 associações, entre elas o Conselho do Carnaval (COMCAR), é solicitado que seja criada uma "Agenda Positiva Unificada para Recuperação do Setor", para reerguer o setor, que parou por 18 meses durante a pandemia.

 

"Estamos no final do segundo semestre e no Brasil, diversas cidades já confirmaram o interesse na realização do Carnaval. Em Salvador, berço cultural da festa, os segmentos envolvidos com o evento precisam se organizar e planejar os trabalhos. Estamos com um tempo curto, mas acreditamos na competência dos diversos atores envolvidos, na festa que é o grande ativo do Estado na atração de turismo, emprego e renda".

 

O último pronunciamento do prefeito Bruno Reis (DEM) sobre a festa foi feito na terça-feira (26), na qual ele informou que até o final do mês de novembro teria uma resposta sobre a realização tanto do Réveillon quanto do Carnaval (leia aqui).

Histórico de Conteúdo