Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Terça, 28 de Setembro de 2021 - 11:41

Médico do Bahia detalha lesão de Rossi e prevê tratamento por mais 30 dias

por Ulisses Gama

Médico do Bahia detalha lesão de Rossi e prevê tratamento por mais 30 dias
Foto: Matheus Landim / EC Bahia

O atacante Rossi ainda vai demorar mais tempo para se recuperar de um estiramento grau 2 na coxa. Em entrevista realizada na manhã desta terça-feira (28), o médico do Bahia, Luiz Sapucaia, explicou a lesão do camisa 7 e indicou que o tratamento deve durar por mais 30 dias.

 

"O Rossi teve uma lesão importante. Ele lesionou o adutor magno da coxa e o reto anterior do abdômen. Ambos se inserem na sínfise púbica. Isso acaba por demandar um pouco mais de cuidado. Rossi deve levar mais 30 dias de tratamento. É uma lesão importante, mas vamos acompanhar", disse.

 

Sapucaia também falou sobre o meia Rodriguinho, que deixou o campo no jogo contra o Internacional no último domingo (26) por conta de uma pancada na costela. Ele vai passar por um exame de imagem ainda nesta terça.

 

"Num lance anterior, ele tomou um trauma direto na costela e incomodou muito, sentiu muita dor. Imobilizamos e vamos fazer exame de imagem hoje à tarde. Para sábado, a gente não possa contar com ele", indicou o profissional, que indicou a evolução positiva do zagueiro Conti, que ficou fora por um estiramento na coxa.

 

"Conti sofreu um estiralmento do reto femoral no treino, mas evolui bem. Essa semana vamos reavaliar para treinar com bola, mas treina muito bem", pontuou.

 

Luiz Sapucaia também falou sobre outros atletas. Confira:

 


DANILO FERNANDES E ÍNDIO RAMIREZ

"Danilo teve uma fratura do arco costal, mas já consolidou. O Ramírez vem da lesão do ligamento cruzado, vem treinando e está à disposição do técnico"

 

MARCELO CIRINO

"Cirino vem de uma lesão de ligamento cruzado, recompondo massa muscular. Ainda não dá para prever, mas vem trabalhando bem fazendo isocinético, pessoal da fisioterapia vem recuperando o grupo muscular o mais rápido possível para que a gente possa contar com esse atleta em breve".

 

Luiz Sapucaia, médico do Bahia | Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

Histórico de Conteúdo