Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Hospitais estaduais atenderam mais de 50 vítimas de queimaduras durante São João
Foto: Reprodução / SESAB

Um total de 53 pessoas foram atendidas nos hospitais Geral do Estado (HGE), Regional de Santo Antônio de Jesus (HRSAJ) e do Oeste, entre os dias 20 e 26 últimos, vítimas de acidentes com fogos de artifício e fogueiras. No HGE, foram 39 atendimentos, 13 no HRSAJ e 1 no HO.

 

Depois de dois anos sem a programação de festejos juninos, em função da pandemia, a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) reforçou o atendimento nas unidades de referência para assistência a queimados, além de ter alertado à população para que aproveitasse as festas sem esquecer os riscos de acidentes com fogos de artifício e fogueiras.

 

Dados das duas principais unidades hospitalares especializadas em tratamento de queimados da rede estadual, o Hospital Geral do Estado (HGE) e o Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus (HRSAJ), referentes aos últimos 4 anos, mostraram um acréscimo no número de acidentes no período entre 20 e 30 de junho, quando comparados os dois anos com festejos (2018 e 2019) e os dois sem festejos e com pandemia (2020 e 2021).

 

Na Bahia, existem três unidades com CTQ (Centro de Tratamento de Queimados) que ganharam reforço nos plantões durante o período: o HGE, o HRSAJ e o HO – Hospital do Oeste. O CTQ é uma espécie de UTI com médicos plantonistas, enfermeiros, técnicos de enfermagem e fisioterapeutas 24 horas.

Histórico de Conteúdo