Sexta, 02 de Agosto de 2019 - 12:00

Salvador vai participar de programa 'Médicos pelo Brasil', confirma ACM Neto

por Rodrigo Daniel Silva / Ailma Teixeira

Salvador vai participar de programa 'Médicos pelo Brasil', confirma ACM Neto
Foto: Rodrigo Daniel Silva / Bahia Notícias

A capital baiana será um dos municípios brasileiros a integrar o "Médicos pelo Brasil", programa lançado pelo governo federal nesta quinta-feira (1º). A confirmação foi feita pelo prefeito ACM Neto, que disse ter conversado com o ministro da Saúde, Luiz Mandetta, por duas vezes nesta semana, e já tem um encontro marcado para a próxima.

 

"É um programa importante. Mostra, primeiro, que o governo federal parte do princípio de reconhecer que hoje o problema de médicos no Brasil é um problema muito sério, especialmente na periferia das grandes cidades e no interior, nos municípios menores, mais longínquos do Brasil", avalia o prefeito durante entrega da nova frota de veículos da Transalvador e da Guarda Municipal.

 

O programa visa implantar 18 mil vagas para médicos, com salários iniciais de até R$ 21 mil. A prioridade é alocar esses profissionais nos municípios mais carentes (saiba mais aqui).

 

Mas, além disso, a Prefeitura de Salvador também planeja seus próprios programas para a área. Segundo Neto, a expectativa é de que, na próxima semana, a gestão lance um programa de médicos residentes específicos para a cidade. "Vai ser o primeiro programa municipal de toda a história que vai permitir a contratação de médicos que estão recém-formados e vai valer como residência, que é uma coisa muito importante, é um estímulo para que esses médicos possam topar entrar na nossa rede", ressalta.

 

Uma das diferenças em relação ao projeto federal é justamente a residência, já que no Médicos pelo Brasil haverá um programa de especialização em Medicina de Família e Comunidade. Já o "Mais Médicos de Salvador" vai disponibilizar 33 vagas para profissionais de saúde da Atenção Básica (saiba mais aqui).

Histórico de Conteúdo