Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Fonoaudiólogos autônomos e idosos que completarão 60 anos são vacinados nesta sexta
Foto: Divulgação/Secom-PMS

Os fonoaudiólogos autônomos e idosos que vão completar 60 anos em 2021, nascidos entre 23 de abril e 23 de julho de 1961, são os novos públicos a serem vacinados contra a Covid-19 em Salvador, nesta sexta-feira (23). Além deles, também prossegue a aplicação da primeira dose para idosos que já completaram 60 anos, pessoas com Síndrome de Down, pacientes em hemodiálise, fonoaudiólogos e demais autônomos, trabalhadores da saúde, trabalhadores da educação e agentes de segurança pública.

 

Continua, ainda, a imunização com a segunda dose para idosos e trabalhadores da saúde. Confira a estratégia para cada público:

 

Idosos que completam 60 anos em 2021 – Os cidadãos nascidos entre 23 de abril e 23 de julho de 1961 poderão receber a primeira dose do imunizante exclusivamente no turno vespertino. Os pontos de imunização são os drives na Arena Fonte Nova – Nazaré, Atakadão Atakarejo – Fazenda Coutos, 5º Centro de Saúde – Barris, Parque de Exposições – Paralela, Fundação Bahiana para o Desenvolvimento das Ciências (FBDC) - Unidade Cabula e Vila Militar – Dendezeiros. 

 

A vacinação também acontece nos pontos fixos da USF Vista Alegre, UBS Nelson Piauhy Dourado, USF Resgate, USF Federação, USF Santa Luiza, USF Plataforma, USF Cajazeiras X, 5º Centro de Saúde – Barris e Colégio da Polícia Militar – Dendezeiros. 

 

Vacina Express – Os idosos com 60 anos ou mais também podem fazer o agendamento da vacinação domiciliar através do Vacina Express, pelo site vacinaexpress.saude.salvador.ba.gov.br.  O serviço é voltado preferencialmente para idosos acamados ou com dificuldades de locomoção.

 

Pessoas com Síndrome de Down – As pessoas com Síndrome de Down seguem sendo imunizadas na capital. Para isso, é preciso estar com o nome cadastrado no site da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), no site www.saude.salvador.ba.gov.br, e apresentar documento oficial de identificação com foto no ato da vacinação. 

 

Os pontos de imunização acontecem das 8h às 16h são os drives na Arena Fonte Nova – Nazaré, Atakadão Atakarejo – Fazenda Coutos, 5º Centro de Saúde – Barris, Parque de Exposições – Paralela, Fundação Bahiana para o Desenvolvimento das Ciências (FBDC) - Unidade Cabula e Vila Militar – Dendezeiros. 

 

A vacinação também acontece nos pontos fixos da USF Vista Alegre, UBS Nelson Piauhy Dourado, USF Resgate, USF Federação, USF Santa Luiza, USF Plataforma, USF Cajazeiras X, 5º Centro de Saúde – Barris e Colégio da Polícia Militar – Dendezeiros.

 

A estratégia para esse público também acontecerá em três instituições da cidade: ION – Instituto de Organização Neurológica, das 8h às 12h; NACPC – Núcleo de Atendimento à Criança com Paralisia Cerebral – 8h às 12h; APAE Salvador – Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – 13h às 16h.

 

Pacientes em hemodiálise - Estes cidadãos devem estar com os nomes cadastrados no site da SMS e, no ato da vacina, apresentar documento oficial de identificação com foto. A vacinação acontece das 8h às 16h, nos drives da Arena Fonte Nova – Nazaré, Atakadão Atakarejo – Fazenda Coutos, 5º Centro de Saúde – Barris, Parque de Exposições – Paralela, Fundação Bahiana para o Desenvolvimento das Ciências (FBDC) - Unidade Cabula e Vila Militar – Dendezeiros. 

 

A vacinação também acontece nos pontos fixos da USF Vista Alegre, UBS Nelson Piauhy Dourado, USF Resgate, USF Federação, USF Santa Luiza, USF Plataforma, USF Cajazeiras X, 5º Centro de Saúde – Barris e Colégio da Polícia Militar – Dendezeiros.

 

Fonoaudiólogos e demais autônomos, trabalhadores da saúde – Para serem beneficiados com a primeira dose, todos devem estar com os nomes cadastrados no site da SMS. Para os fonoaudiólogos, no ato da vacina, será necessária a apresentação de documento oficial de identificação com foto, carteira do conselho de classe e cópia impressa do último Imposto de Renda, ou do comprovante atualizado de pagamento do ISS, ou do contrato de pessoa jurídica ativo ou última nota fiscal. 

 

No ponto de vacinação, os trabalhadores da saúde devem apresentar documento oficial de identificação com foto e cópia do contracheque ou do contrato social. Já os autônomos (médicos, fisioterapeutas, dentistas, enfermeiros, farmacêuticos, auxiliar e técnico de enfermagem, auxiliar e técnico de saúde bucal e nutricionistas) devem levar documento oficial de identificação com foto, carteira do conselho de classe e cópia do último Imposto de Renda, ou cópia do comprovante atualizado de pagamento do ISS, contrato de pessoa jurídica ativo ou última nota fiscal.

 

Por fim, as doulas devem apresentar documento oficial de identificação com foto, além de apresentar cópia do Imposto de Renda, ou do ISS, ou nota fiscal ou contrato de trabalho com firma reconhecida em cartório.

 

A imunização será realizada das 8h às 16h, nos drives e pontos fixos na Fundação Bahiana para o Desenvolvimento das Ciências (FBDC) – Unidade Brotas, Unijorge – Campus Paralela e Universidade Católica de Salvador – Campus Pituaçu.

 

Trabalhadores da Educação e agentes de segurança pública – Podem buscar a vacina os trabalhadores com idade entre 55 e 59 anos, em plena atividade na educação básica das instituições privadas e públicas. Os profissionais devem estar com o nome na lista no site da SMS e, no ato da vacina, apresentar documento oficial de identificação com foto mais cópia impressa do último contracheque ou cópia impressa do contrato de trabalho pessoa jurídica atualizado. 

 

Já os policiais federais, militares, civis e rodoviários federais; bombeiros, guardas municipais, agentes de salvamento e trânsito e agentes penitenciários devem estar em pleno exercício das atividades, lotados em Salvador e ter idade igual ou superior a 49 anos. No ato da vacina deverão apresentar documento oficial de identificação com foto e cópia do último contracheque.

 

A aplicação das doses acontece das 8h às 16h, nos drives e pontos fixos na Fundação Bahiana para o Desenvolvimento das Ciências (FBDC) – Unidade Brotas, Unijorge – Campus Paralela e Universidade Católica de Salvador – Campus Pituaçu.

 

Segunda dose – Para facilitar o acesso à segunda dose, foi ampliado o número de postos voltados exclusivamente para esses públicos. Para tanto é preciso ser observada a data de retorno sinalizada no cartão de vacina recebido na ocasião da primeira aplicação.

 

A imunização acontece das 8h às 16h, nos drive-thrus da FTC Paralela, Faculdade Universo – Campus ACM, Barradão – Canabrava, Centro de Convenções de Salvador – Boca do Rio, Universidade Federal da Bahia – Campus Ondina, USF San Martin III e Shopping Bela Vista – Cabula.

 

Os pontos fixos estão situados no Barradão – Canabrava, FTC Paralela, Clube dos Oficiais – Dendezeiros, UBS Ramiro de Azevedo – Nazaré, UBS Colinas de Periperi, USF Yolanda Pires – Fazenda Grande I, USF Nova Esperança, USF João Roma Filho – Jardim Nova Esperança, USF Vila Nova de Pituaçu e USF Recanto da Lagoa. 

 

Hora Marcada – Também foi ampliado para os idosos e trabalhadores da saúde o acesso à segunda dose através do site Hora Marcada, no site www.vacinahoramarcada.saude.salvador.ba.gov.br, onde é possível agendar data e hora para a vacinação em 21 locais. O serviço funciona de segunda à sexta-feira (exceto feriados), das 8h às 17h.

Após longas filas, prefeitura de Salvador amplia pontos de vacinação da 2ª dose; veja
Foto: Bruno Concha / Secom

Após reclamações envolvendo as longas filas para a segunda dose da vacinação contra a Covid-19, a prefeitura de Salvador ampliou de 11 para 17 o número de pontos de imunização na capital. Segundo comunicado emitido nesta quinta-feira (22), a medida inicia nesta sexta (23).

 

Os pontos, ao todo, são divididos em drives e fixos. Portanto, há locais que recebem as duas modalidades do serviço de vacinação contra o novo coronavírus. Nesta etapa de segunda dose, são vacinados idosos e profissionais de saúde. 

 

A prefeitura adicionou na lista de drives a USF San Martins III e, nos pontos fixos, foram incluídos as USFs Yolanda Pires (Fazenda Grande I), Nova Esperança, João Roma Filho (Jardim Nova Esperança), Vila Nova de Pituaçu e Recanto da Lagoa. 

 

CONFIRA A LISTA: 

 

DRIVES:

1. Barradão - Canabrava
2. FTC Paralela
3. Shopping Bela Vista – Cabula 
4. Faculdade Universo – Avenida ACM
5. Centro de Convenções de Salvador – Boca do Rio
6. Universidade Federal da Bahia – Campus Ondina
7. USF San Martim III

 

FIXOS:

8. Clube dos Oficiais 
9. UBS Ramiro de Azevedo
10. USF Colinas de Periperi
11. USF Yolanda Pires (Faz. Grande I)
12. USF Nova Esperança 
13. USF João Roma Filho (Jardim Nova Esperança)
14. USF Vila Nova de Pituaçu
15. USF Recanto da Lagoa 
16. Barradão - Canabrava
17. FTC Paralela 

 

Além dos pontos acima, a prefeitura oferece o serviço de hora marcada que funciona de segunda a sexta-feira (exceto feriados), das 8h às 17h. A marcação é feita através do site da Secretaria Municipal de Saúde (veja aqui). O interessado pode agendar dia, horário e local da vacinação. No total, são 21 unidades disponíveis para o público com 60 anos ou mais.

 

LISTA DE POSTOS CADASTRADOS PARA HORA MARCADA

Distrito Sanitário Barra/Rio Vermelho: USF da Federação.

Distrito Sanitário Boca do Rio: USF Parque de Pituaçu.

Distrito Sanitário Brotas: UBS Mario Andrea e UBS Manoel Vitorino.

Distrito Sanitário Cabula/Beiru: UBS CSU Pernambués, UBS Eunisio Coelho Teixeira, USF Fernando Filgueiras e USF Mata Escura.

Distrito Sanitário Cajazeiras: USF Cajazeiras V e USF Yolanda Pires.

Distrito Sanitário Centro Histórico: UBS Péricles Esteves Cardoso e USF Dona Iraci Isabel da Silva – Gamboa.

Distrito Sanitário Itapagipe: Joanes Centro Oeste.

Distrito Sanitário Itapuã: USF Professor Eduardo Mamede, USF Alto do Coqueirinho e USF Nova Esperança.

Distrito Sanitário Liberdade: UBS Professor Bezerra Lopes.

Distrito Sanitário Pau da Lima: UBS Castelo Branco, USF João Roma Filho e USF Vila Nova de Pituaçu.

Distrito Sanitário São Caetano/Valéria: UBS Marechal Rondon, USF Antonio Lazzarotto e USF Recanto da Lagoa.

Distrito Sanitário Subúrbio Ferroviário: USF Tubarão e USF Fazenda Coutos III.

DRIVE THRU: Faculdade Maurício de Nassau – Campus Pituba.

 

Atualmente, a capital baiana está vacinando pessoas com síndrome de Down e psicólogos autônomos, abalhadores da educação entre 55 anos e 59 anos; trabalhadores da saúde e profissionais autônomos (médicos, fisioterapeutas, dentistas, enfermeiros, farmacêuticos, auxiliares e técnicos de enfermagem, auxiliares e técnicos de saúde bucal e nutricionistas); doulas; pacientes em hemodiálise; agentes da segurança e salvamento (policiais federais, militares, civis e rodoviários federais; bombeiros, guardas municipais, agentes de salvamento, trânsito e penitenciários) com 49 anos ou mais; idosos a partir dos 60 anos continuarão a ser vacinados.

Bahia recebe mais 222,5 mil doses de vacinas contra a Covid-19
Foto: Divulgação / Sesab

Uma nova remessa com 222.500 doses de vacinas contra a Covid-19 chegou à Bahia no fim da tarde desta quinta-feira (22), conforme informações da Secretaria Estadual da Saúde (Sesab). Do total, 180.500 foram produzidas pela Fiocruz/Astrazeneca/Oxford e 42.000 pelo Butantan/Sinovac. Com esta nova carga, a Bahia chega ao total de 3.893.450 doses de vacinas contra a Covid-19 recebidas.

 

As doses serão remetidas exclusivamente aos municípios que aplicaram 85% ou mais das doses anteriores, através de aeronaves Grupamento Aéreo (Graer) da Polícia Militar e da Casa Militar do Governador. Esta foi uma decisão da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), que é uma instância deliberativa da saúde e reúne representantes dos 417 municípios e do governo do estado.

 

Com a nova remessa, o estado pretende continuar imunizando os idosos acima de 60 anos, de forma escalonada, profissionais de saúde, população quilombola, pessoas com doença renal crônica em tratamento de hemodiálise, profissionais das forças de segurança e trabalhadores da educação com 55 anos ou mais.

 

Os municípios que conseguiram concluir a vacinação dos idosos podem também começar a aplicar as doses na população com comorbidades.

 

Na avaliação do secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, “a chegada de mais doses de vacinas representa uma esperança para a sociedade”.

 

Vilas-Boas ainda destaca que a “Bahia continua aguardando a liberação da Anvisa para importação da vacina Sputnik V, adquirida pelo governador Rui Costa, para avançarmos mais rápido na imunização”.

Quinta, 22 de Abril de 2021 - 17:40

Covid: Números apontam estabilidade da pandemia na BA; estado tem 113 novas mortes

por Rebeca Menezes / Lula Bonfim

Covid: Números apontam estabilidade da pandemia na BA; estado tem 113 novas mortes
Foto: Paula Fróes / GOVBA

Os números da pandemia de Covid-19 na Bahia têm apresentado estabilidade nos últimos dias, sem grandes variações para mais ou para menos. Nesta quinta-feira (22), conforme informações da Secretaria Estadual da Saúde (Sesab), o estado registrou 2.160 novos casos do novo coronavírus e 113 mortes em decorrência da infecção, dados que não diferem muito dos apresentados diariamente nas duas últimas semanas.

 

A média móvel de novos casos varia entre 3.000 e 4.000 desde o dia 10 de abril, chegando ao seu ponto mais baixo do período nesta quinta, com 3.053.

 

O número de mortes por Covid-19 confirmadas no período de 24 horas, após alcançar o recorde de 189 em 7 de abril, tem se mantido estável em um patamar superior ao ápice da primeira onda, mas sem se aproximar dos dados mais altos registrados em 2021.

 

Do dia 11 de abril para cá, a quantidade de casos ativos se mantém entre 15.000 e 17.000, caindo um pouco em dias de baixo registro de novas contaminações, geralmente nos finais de semana; e subindo quando o estado notifica um volume maior de diagnósticos, especialmente no meio da semana. Nesta quinta, a Sesab aponta para 15.504 contaminados.

 

No caso do número de internados com casos graves da Covid-19, ele se mantém acima de 1.250 desde 3 de abril, alcançando o recorde de 1.316 no último dia 12, e retornando para 1.278 nesta quinta-feira (22), um a mais do que o registrado no feriado de Tiradentes (21).

 

A taxa de ocupação dos leitos de terapia intensiva, considerando tanto as unidades para adultos quanto as para crianças, também se mantém estável nas duas últimas semanas, sempre variando entre 79% e 84%. Atualmente, a Sesab contabiliza 79,68% de vagas ocupadas no estado.

 

No total, desde o início da pandemia do novo coronavírus, a Bahia acumula 873.832 casos confirmados da Covid-19 e 17.687 óbitos em decorrência da doença.

Bahia tem 21.628 pessoas com 2ª dose da vacina contra Covid pendente
Foto: Bruno Concha/Secom

Um levantamento feito pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia identificou  que 21.628 pessoas habilitadas no estado ainda não retornaram às unidades de saúde para aplicação da segunda dose da vacina contra a Covid-19, e, portanto, não completaram o esquema vacinal.

 

Os dados contabilzam os faltosos até esta nesta quinta-feira (22) e foram divulgados no portal da Sesab. 

 

O número representa cerca de 1% do total de vacinados com a primeira dose.

 

O secretário da Saúde, Fábio Vilas-Boas, reforçou a necessidade de completar o esquema vacinal contra a Covid-19. “Por mais que a primeira dose já dê um pouco de proteção, essa taxa não está dentro dos parâmetros estabelecidos pelos fabricantes e agências sanitárias, sendo necessária a segunda dose para a imunização aferida nos testes clínicos”, alertou o secretário.

 

De acordo com Vilas-Boas, o assunto está sendo tratado em reuniões colegiadas com os 417 municípios. “É preciso um esforço adicional para sensibilizar a população sobre a importância da segunda dose e, em último caso, as prefeituras realizarem uma busca ativa, o que significa que vão ligar, enviar mensagens para os celulares e até ir em casa”, afirma o titular da pasta estadual da Saúde.

 

A Bahia soma 2.143.424 vacinados com a primeira dose contra a Covid-19. Desse total, 728.608 receberam também a segunda dose até as 15 horas desta quarta-feira (21).

Ministério da Saúde adia prazo para fim de imunização contra Covid do grupo prioritário
Foto: Rodrigo Nunes/MS

O Ministério da Saúde fez mudanças nos prazos para vacinação contra a Covid-19. O titular da pasta, Marcelo Queiroga, revisou o calendário e adiou o fim de imunização do grupo prioritário em quatro meses, de maio próximo para setembro. A informação foi divulgada em entrevista coletiva nesta quarta-feira (21).

 

O grupo prioritário, de acordo com o Ministério, inclui 77,2 milhões de pessoas no Brasil.

 

Segundo Queiroga, o adiamento do fim do prazo não significa que essa parcela da população só vai ser vacinada em setembro. Ele ressaltou que o plano é que a imunização dessas pessoas ainda ocorra antes.

 

“A previsão é que isso ocorra antes, até porque o esforço [em obter mais contratos] deve resultar em novas doses de vacina. Não posso dizer taxativamente que tenhamos 40 milhões, 3, milhões e 45 milhões em maio porque depende da chegada de insumos no Brasil”, argumentou

Covid-19: Johnson publica dados de vacina em revista científica; eficácia chega a 85%
Foto: Rodrigo Nunes/MS

O laboratório Janssen, braço farmacêutico da Johnson & Johnson, publicou dados sobre a eficácia da sua vacina contra a Covid-19 na revista especializada "New England Journal of Medicine", nesta quarta-feira (21). A publicação é um processo importante em pesquisas científicas. 

 

O imunizante Johnson apresentou  eficácia de 66% na prevenção de casos moderados e graves de Covid-19, 28 dias após a aplicação. 

 

Os dados, preliminares, já haviam sido divulgados em janeiro, mas só foram publicados em revista agora. 

 

Reportagem do portal Bem Estar, do G1, ressalta que considerados apenas os casos graves, o nível de proteção chegou a 85,4%. Nenhuma pessoa vacinada morreu de Covid.

 

Entre os imunizantes em uso no mundo, é da Johnson é o único aplicado em uma só dose. 

Chega a quatro número de crianças mortas por síndrome pediátrica pós-Covid na Bahia
Foto: Marcello Casal Jr./ Agência Brasil

Chegou a quatro o número de mortos na Bahia pela Síndrome Inflamatória Multissistêmica Pediátrica (SIM-P), que atinge crianças e adolescentes diagnosticados com Covid-19. Segundo a Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), a última vítima foi uma bebê de 1 ano e 11 meses que vivia na cidade de Ubatã. O óbito ocorreu em 22 de março.

 

Boletim epidemiológico divulgado pela pasta nesta quarta-feira (21) aponta que 72 casos desta condição foram confirmados até terça (20) no estado.

 

Sobre o perfil epidemiológico dos diagnosticados com a síndrome, 40 casos (55,56%) ocorreram em pacientes do sexo masculino e 32 (44,44%) em pacientes do sexo feminino. Em relação à faixa etária, as crianças de 5 a 9 anos foram as mais acometidas pela SIM-P, o equivalente a 34,72% dos casos confirmados.

 

Em relação à Covid-19, principal doença associada à síndrome, 34.257 casos foram confirmados em crianças entre 0 e 9 anos no estado.

 

O QUE É A SIM-P?
Rara, a síndrome é um processo inflamatório do organismo relacionado a uma resposta da infecção pelo Sars-CoV-2.

 

Os primeiros sintomas da condição podem aparecer de três a cinco semanas depois de crianças e adolescentes de zero a 19 anos se infectarem com o coronavírus, mesmo quando o quadro de covid-19 foi leve ou assintomático. Os sintomas incluem febre, manchas vermelhas na pele, olhos vermelhos, conjuntivite, edema nas extremidades, irritação das membranas mucosas orais, sintomas gastrointestinais intensos (náuseas, vômitos, diarreia, dor abdominal), dor de cabeça, queda de pressão arterial, taquicardia, respiração acelerada, falta de ar, convulsões, confusão mental e linfonodos aumentados.

Novo lote com 222,5 mil doses de vacina contra Covid-19 chega nesta quinta na Bahia
Foto: Fernando Vivas/GOVBA

Um novo lote com 222.500 doses de vacinas contra a Covid-19 está previsto para chegar na Bahia nesta quinta-feira (22). O voo com 21 caixas de vacinas deve pousar em Salvador às 16h50. A informação foi compartilhada pelo secretário da Saúde, Fábio Vilas-Boas, na manhã desta quinta, através do Twitter. 

 

Dessas 222,5 mil doses previstas para chegar na Bahia, 42 mil doses são da vacina Coronavac, produzidas pelo Instituto Butantan, e 180,5 mil doses do imunizante Oxford/Astrazeneca, produzido pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). 

 

Até o momento a Bahia distribuiu 2.276.072 doses de vacina para os 417 municípios. 

 

Até esta quinta, 2.143.424 primeiras doses foram aplicadas nos baianos. 

Pessoas com síndrome de down e psicólogos serão vacinados nesta quinta em Salvador
Foto: Bruno Concha/ Secom PMS

Com o avanço da vacinação para novos públicos, a Prefeitura de Salvador começará a vacinar contra a Covid-19 pessoas com síndrome de down e psicólogos autônomos nesta quinta-feira (22).

 

Além deles, trabalhadores da educação entre 55 anos e 59 anos; trabalhadores da saúde e profissionais autônomos (médicos, fisioterapeutas, dentistas, enfermeiros, farmacêuticos, auxiliares e técnicos de enfermagem, auxiliares e técnicos de saúde bucal e nutricionistas); doulas; pacientes em hemodiálise; agentes da segurança e salvamento (policiais federais, militares, civis e rodoviários federais; bombeiros, guardas municipais, agentes de salvamento, trânsito e penitenciários) com 49 anos ou mais; e idosos a partir dos 60 anos continuarão a ser vacinados.

 

Os horários e locais variam de acordo com o público. Da mesma forma, os critérios também são específicos para cada grupo prioritário. Confira abaixo:

 

1ª DOSE PARA PESSOAS COM SÍNDROME DE DOWN - DAS 13H ÀS 16H

Precisam ter o nome cadastrado na lista disponível no site da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) (veja aqui) e apresentar documento com foto no ato da vacinação.

 

Imagens: Secom PMS (Clique para ampliar)

 

1ª DOSE PARA PSICÓLOGOS AUTÔNOMOS - DAS 13H ÀS 16H

Precisam ter o nome cadastrado na lista disponível no site da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e apresentar documento oficial com foto, carteira do conselho de classe e cópia do último Imposto de Renda, ou cópia do comprovante atualizado de pagamento do ISS, contrato de Pessoa Jurídica ativo ou última nota fiscal.

 

 

1ª DOSE PARA TRABALHADORES DA EDUCAÇÃO - DAS 8H ÀS 16H

Estão sendo contemplados os trabalhadores da educação infantil da rede privada e da educação básica das redes municipal e estadual entre 55 anos e 59 anos. Todos devem estar em pleno exercício das atividades. 

 

Precisam também estar com nome na lista no site da SMS no ato da vacina e apresentar documento oficial com foto mais cópia impressa do último contracheque ou cópia do contrato de Pessoa Jurídica atualizado.

 

 

1ª DOSE PARA TRABALHADORES DA SAÚDE E PROFISSIONAIS AUTÔNOMOS DA SAÚDE - DAS 8H ÀS 16H

Além dos psicólogos, já estão sendo contemplados médicos, fisioterapeutas, dentistas, enfermeiros, farmacêuticos, auxiliares e técnicos de enfermagem, auxiliares e técnicos de saúde bucal e nutricionistas.

 

Os trabalhadores regulares precisam estar com nome na lista no site da SMS e apresentar documento oficial com foto, levar cópia do contracheque ou cópia do contrato de Pessoa Jurídica. Já os autônomos, além do nome no site e do documento com foto no ato da vacina, precisam apresentar carteira do conselho de classe e cópia do último Imposto de Renda ou cópia do comprovante atualizado de pagamento do ISS, contrato de Pessoa Jurídica ativo e/ ou última nota fiscal.

 

 

1ª DOSE PARA DOULAS - DAS 8H ÀS 16H

Precisam estar com nome na lista da SMS e apresentar documento com foto, cópia do Imposto de Renda, ou do ISS, ou nota fiscal ou contrato de trabalho com firma reconhecida em cartório.

 

 

1ª DOSE PARA PACIENTES EM HEMODIÁLISE - DAS 8H ÀS 16H

Precisam apenas estar com nome cadastrado no site da SMS e apresentar documento de identificação com foto no ato da vacina.

 

 

1ª DOSE PARA AGENTES DA SEGURANÇA E SALVAMENTO - DAS 8H ÀS 16H

Estão sendo contemplados policiais federais, militares, civis e rodoviários federais, bombeiros, guardas municipais, agentes de salvamento, de trânsito e penitenciários a partir dos 49 anos. Eles precisam estar em pleno exercício das atividades e ser lotados em Salvador.

 

Também precisam estar com nome na lista no site da SMS, apresentar documento oficial com foto e cópia do último contracheque

 

 

1ª DOSE PARA IDOSOS - DAS 8H ÀS 16H

Continuam a ser contemplados os idosos a partir dos 60 anos, último grupo prioritário, segundo o critério de idade (entenda aqui).

 

Eles precisam estar na lista no site da SMS. Caso o nome não esteja lá, devem fazer o recadastramento no site (veja aqui) ou se direcionar ao 5º Centro de Saúde, onde já poderão ser imunizados.

 

Os idosos nessa faixa etária também podem agendar a vacinação domiciliar através do site Vacina Express (veja aqui). O serviço é preferencial para pessoas acamadas ou com dificuldade de locomoção. Para a segunda dose, não será necessária a reinscrição, pois o agente de saúde irá ao domicílio na data programada.

 

 

SEGUNDA DOSE - DAS 8H ÀS 16H

Como metade das doses têm sido reservadas para garantir que as pessoas recebam a dose de reforço, os públicos já aptos, como idosos e trabalhadores da saúde, podem se dirigir a um dos postos e completar o esquema vacinal. São diversos pontos fixos e de drive thru, muitos inclusive com hora marcada.

 

Para receber a vacina, todos precisam apresentar um documento oficial de identificação por foto e o cartão de vacina que ganhou no momento da primeira aplicação. (Atualizada às 7h29 para acrescentar informações sobre a segunda dose).

 

Clique em cada uma para ampliar

Histórico de Conteúdo