Quinta, 19 de Dezembro de 2019 - 17:00

Cuidados com a pele: do eterno ao instantâneo

por Marília Acioli

Cuidados com a pele: do eterno ao instantâneo
Foto: Divulgação

A pele é o maior órgão do corpo humano e seguir uma cartilha de cuidados com ela devia fazer parte da rotina de todos nós. Nessa lista, encontram-se dois tipos de cuidados: os eternos, que devem estar na ordem do dia e realizados sempre, e os instantâneos, aqueles mais pontuais, feitos esporadicamente.


Costumo brincar e fazer uma analogia dos cuidados voltados para a pele com o mundo fashion e seus estilos que nunca saem de moda e aqueles que são específicos para um determinado período ou estação. Um dos principais cuidados eternos, por exemplo, é o uso de protetor solar. Esse é praticamente um mantra da área dermatológica e não é por acaso.


Ao bloquear a ação dos raios UVA e UVB, o protetor atua tanto impedindo o envelhecimento precoce quanto diminuindo a possibilidade de câncer de pele. Uma dica para aqueles que esquecem a fotoproteção ou não fazem do uso do produto um hábito é se condicionar para aplicá-lo todos os dias antes de sair de casa e reaplica-lo pelo menos uma vez ao dia.


Essa reaplicação pode ser feita na hora do almoço, por exemplo, após escovar os dentes. Para lembrar, você pode deixar o produto já no banheiro ou na nécessaire ao lado da escova. Para aqueles que trabalham em áreas externas e permanecem muito tempo expostos ao sol, o cuidado deve ser redobrado e o protetor solar reaplicado a cada duas horas.


Quem tem dúvidas quanto à quantidade correta a ser aplicada, o indicado é passar o equivalente a uma colher de chá nas áreas a serem protegidas. Outro cuidado permanente quando se fala em pele diz respeito à remoção da maquiagem.


Esse momento não deve ser negligenciado e vale apostar em alguns produtos para dar uma mãozinha nessa missão. São eles: sabonete adequado para uso facial, demaquilantes antes de lavar o rosto e água micelar. Fazer essa limpeza de modo correto é muito importante porque resíduos de maquiagem podem obstruir os poros e causar a temida acne.


Combinado a esses cuidados básicos, frequentar o dermatologista é essencial. A visita periódica e regular ao especialista ajuda a identificar eventuais problemas, pontos de atenção e necessidade de tratamento.


Os próprios cuidados mais pontuais são indicados e acompanhados pelo dermatologista. É ele quem vai avaliar a necessidade de preenchimentos, botox ou da aplicação de lasers para tratar os problemas de pele identificados ou até mesmo preveni-los.


Muitas vezes, por exemplo, o paciente chega no consultório com uma queixa, mas a avaliação dermatológica mostra que a prioridade é outra. Assim, combinando cuidados eternos e instantâneos com a pele, a beleza e a saúde desse que é um dos órgãos vitais do corpo humano agradecem.


*Marília Acioli é dermatologista da Clínica Osmilto Brandão e professora da Unifacs

 

*Os artigos reproduzidos neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do Bahia Notícias

Histórico de Conteúdo