Presidente da OAB pede para que não se quebre a quarentena em razão da fala de Bolsonaro
Foto: Reprodução / OAB-RO.org

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Felipe Santa Cruz repudiou a fala do presidente Jair Bolsonaro em pronunciamento (relembre aqui) e pediu para que as pessoas não quebrem a quarentena por conta deste que será reconhecido como um dos pronunciamentos políticos mais desonestos da história.

 

Em seu perfil no Twitter, Santa Cruz ainda afirmou que "entre a ignorância e a ciência, não hesite". 

 

Bolsonaro e Felipe já tinham trocado acusações anteriormente. Ao reclamar sobre a atuação da OAB na investigação do caso de Adélio Bispo, autor do atentado à faca do qual foi alvo, o presidente Jair Bolsonaro (Sem partido), disse que poderia explicar ao presidente do órgão, Felipe Santa Cruz, como o pai dele desapareceu durante a ditadura militar (reveja aqui).

 

Histórico de Conteúdo