Bolsonaro assina MP que permite empresas de capital aberto publicar balanços online
Foto: Reprodução / G1

O presidente Jair Bolsonaro assinou uma Medida Provisória (MP) que deixa as empresas de capital aberto publicarem os balanços no site da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) ou do Diário Oficial (DO), em vez de veículos impressos, nesta terça-feira (6).

 

Durante seu discurso em São Paulo, Bolsonaro fez o anúncio da medida e questionou se a "imprensa de papel" iria publicar a assinatura.

 

"Ontem assinei uma medida provisória que fala sobre publicação de balanços referentes às empresas de capital aberto", afirmou.

 

Ele disse que esses balanços, que são pagos pelas empresas aos jornais, ocupam diversas páginas da mídia impressa. Citou, como exemplo, a Petrobrás.

 

"Para ajudar a imprensa de papel para facilitar a vida de quem produz também, a nossa medida provisória faz com que os empresários possam publicar seus balanços a custo zero em sites da CVM ou no Diário Oficial da União", acrescentou.

 

"As grandes empresas gastavam com jornais em média R$ 900 mil por ano. Vão deixar de gastar isso aí. Eu tenho certeza que a imprensa vai apoiar isso aí. Obra de uma caneta BIC ou Compactor".

 

Bolsonaro disse que o quer da imprensa "é a verdade". "Eu quero que a imprensa venda a verdade para o povo brasileiro e não faça política partidária, como vêm fazendo alguns órgãos de imprensa".

 

O presidente ainda ironizou o jornal Valor Econômico, atacando a comparação que o jornal fez de seu programa econômico na campanha do ano passado com o da ex-presidente Dilma Rousseff. O Valor Econômico, por ser veículo dedicado à cobertura econômica, recebe um volume maior de balanços das empresas.

 

Sobre a cobertura crítica, ele ainda ironizou: "Eu espero que o Valor Econômico sobreviva à medida provisória de ontem".

Histórico de Conteúdo