Segunda, 15 de Abril de 2019 - 17:56

Rosemberg nega insatisfação na base de Rui e culpa oposição por queda de sessão

por Lucas Arraz / Jade Coelho

Rosemberg nega insatisfação na base de Rui e culpa oposição por queda de sessão
Foto: Lucas Arraz / Bahia Notícias

O líder do governo na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), Rosemberg Pinto (PT), negou que a queda da sessão desta segunda-feira (15) (leia aqui), tenha relação com insatisfação da base aliada ao governador Rui Costa, como sugerido pelo líder da oposição Targino Machado (DEM) (veja aqui).

 

Rosemberg ainda garantiu que a responsabilidade pela queda da sessão era dele: "não tem erro de cálculo e nem insatisfação, nós não temos tradição de votar na segunda-feira".

 

Segundo o petista, a sessão desta segunda, que tinha na pauta o projeto do Executivo que autoriza a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) a contrair empréstimo com o banco alemão KFW Entwicklungsban, aconteceu a partir de um esforço dele.

 

"Foi um esforço meu porque na Semana Santa eu queria liberar os deputados, até porque amanhã vários deputados vão a Brasília e na quarta-feira já inicia a Semana Santa", esclareceu Rosemberg. 

 

O líder do governo na AL-BA ainda ressaltou que os deputados "estavam comprometidos a chegar às 17h30, mas a oposição derrubou a sessão principal no início e com isso antecipou a ordem do dia". "A estratégia que prevaleceu foi estratégia da oposição", disparou.  

Histórico de Conteúdo