Guedes diz que Bolsonaro assinou documento que atesta sua concordância com plano
Foto: Divulgação

O economista Paulo Guedes tem dito aos interlocutores que só permitiu ao candidato a presidente da República pelo PSL, Jair Bolsonaro, que anunciasse seu nome como ministro da Fazenda depois que o deputado assinou um documento atestando sua concordância com o plano econômico proposto por ele, de acordo com a revista Exame.

Depois dos encontros com Guedes durante peregrinação pelos bancos e gestoras de investimentos da região da Avenida Faria Lima, em São Paulo, os representantes do mercado financeiro têm se mostrado mais favoráveis à ideia de ver Bolsonaro liderando o país.

Histórico de Conteúdo