Lauro: PM interrompe carreata que queria reabertura de comércio em meio à pandemia
Foto: Divulgação / SSP-BA

Um princípio de carreata foi abortado por policiais militares na manhã deste sábado (28) em Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). O ato era a favor da reabertura do comércio em meio à pandemia do novo coronavírus. Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP-BA), ao tomar conhecimento da concentração de veículos e de aglomeração de pessoas em Vilas do Atlântico, os policias foram até o bairro. Ao chegar no local, Avenida Luís Tarquínio Pontes, eles se depararam com oito veículos e com uma aglomeração de pessoas.

 

Ainda segundo a SSP, a liderança do ato foi identificada e após determinação da PM, a carreata foi abortada.  desistiu de continuar a carreata.  "Avisamos que está proibida aglomeração e, se o grupo descumprisse a advertência, seria encaminhado para Delegacia", contou o comandante da 52a CIPM, major Everton Monteiro. O oficial acrescentou que rapidamente os condutores desistiram da ação e abandonaram o local.

 

"Felizmente a maioria está comprometida com as recomendações das instituições de saúde. Estamos trabalhando para que todas as medidas sejam obedecidas, salvando o maior número de vidas", completou Monteiro. Trabalharam na ação equipes da 52ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Lauro de Freitas).

Histórico de Conteúdo