Prefeitura de Castro Alves decide reabrir comércio após recomendação de Rui Costa
Foto: Reprodução / Facebook

A prefeitura de Castro Alves, no Recôncavo Baiano, decidiu suspender, nesta sexta-feira (27), o decreto que determinava o fechamento do comércio no município. Segundo o prefeito Thiancle Araújo (PSD), a decisão está em acordo com a declaração do governador Rui Costa (PT), que afirmou não haver necessidade de impedir atividades comerciais em cidades sem casos confirmados do novo coronavírus.

 

Thiancle justificou a revogação do decreto em uma transmissão ao vivo, pelo Facebook. “O governador e o secretário de Saúde do estado disseram que a recomendação mais técnica era que, neste momento, não existindo caso confirmado de coronavírus na nossa cidade, a gente não tivesse a suspensão das atividades comerciais”, disse.

 

“Essa interrupção do comércio agora pode ser necessária mais na frente. Provavelmente, será. Então a gente precisa esperar o momento adequado para determinar essa suspensão. Porque, se amanhã ou depois, tiver a confirmação de um caso em Castro Alves, provavelmente a gente terá que suspender de forma ainda mais drástica as atividades comerciais, para evitar que a disseminação ocorra”, completou o prefeito.

 

Por outro lado, Thiancle decidiu manter a suspensão das aulas escolares no município. Segundo ele, nas escolas, há uma aglomeração de pessoas muito grande. “Se surgir um caso ali, aquelas pessoas irão transmitir para diversas outras”, explicou.

Histórico de Conteúdo