Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 05:41

Saiba como planejar e economizar com a compra do material escolar 

por Caco Santos

Saiba como planejar e economizar com a compra do material escolar 



O começo do ano é o momento mais complicado para o planejamento financeiro das famílias brasileiras. Além das despesas mensais normais, entram na ordem do dia os pagamentos de impostos como IPVA e IPTU, as pesadas faturas de cartão de crédito com as compras de final de ano e a “temida” lista de material escolar. A compra do material escolar é um dos principais desafios financeiros dos pais no início do novo ano. A variação de preços entre as lojas -- físicas e online -- é enorme e a melhor forma de economizar continua sendo pesquisar antes de ir às compras. 

Importante frisar que, antes de sair comprando a lista que a escola envia, os pais devem fazer uma crítica minuciosa. Primeiro, o que seu filho já tem e consegue continuar usando, ou o que pode ir de um irmão para outro. Nesse caso vale destacar a recomendação para os filhos, durante todo o ano, de cuidarem de seus materiais.

Segundo, com a lista de materiais em mãos, verificar se tudo o que a escola pede é realmente necessário e nas quantidades indicadas? Por exemplo, conheci um caso que uma escola que solicitou “um bloco de papel canson”, produto caríssimo. Entretanto, os alunos utilizaram apenas uma folha do papel canson durante o ano todo. Ou seja, um bloco poderia ter sido utilizado para a sala toda. O bloco foi solicitado de maneira desnecessária e encareceu as listas dos pais.
Os pais, com a lista dos materiais que realmente precisam ser adquirido em mãos, devem realizar uma pesquisa minuciosa. Não devem deixar de ir aos estabelecimentos perto de sua residência e abusar das oportunidades de pesquisa online. Neste começo de ano, por exemplo, o Procon de São Paulo constatou que a diferença de preços dos materiais escolares pelas lojas podem chegar até 333%. A maior variação ocorreu na venda da borracha látex branca da Faber Castell, que em um estabelecimento foi encontrado por R$ 2,60 e no outro, por R$ 0,60. Realmente são números que chamam a atenção, mas o consumidor deve ter cuidado com essa medida, pois o preço menor está sendo praticado pode ser de uma loja longe de sua residência e, só por esse item, pode não valer a pena percorrer uma longa distância.

O ideal é calcular o valor total em reais que irá economizar se fizer as compras em lugares diferentes, levando em conta quanto tempo e dinheiro custaria para ir a cada lugar, pois a conveniência pode sair barato ou não. 

Outra dica importante é participar ou organizar de um grupo de mães e pais para realizar uma compra, do que for possível, em lojas de atacado. Importante ressaltar que é necessária uma pesquisa para indicar se vale a pena comprar no atacado, para que as famílias dividam os valores e os produtos.

Uma outra vantagem do grupo de pais e mães é a possível troca de livros didáticos e paradidáticos. Em algumas escolas, as associações de pais fazem esse trabalho há anos, com esquemas de pontuação maior e prioridade para quem doa livros em bom estado. Neste item estamos falando de potenciais centenas de reais de economia. Vale destacar também que os pais e alunos podem verificar se os livros paradidáticos estão disponíveis em bibliotecas públicas, ou na própria biblioteca da escola. Visitas a sebos (online ou de rua) podem também render boas pechinchas. 

Os pais devem ter cuidado com os pedidos das crianças por itens de marca. É comum eles quererem a mochila da marca x, estojo da marca y, canetinhas caríssimas, etc.. Cabe, então, aos pais educar seus filhos sobre o valor versus o custo das coisas, e saber o que faz sentido pra você e para seu filho. Já que a educação financeira ainda não faz parte oficialmente do currículo escolar, esse é um bom momento para discutir sobre a economia da família com os filhos. 

*Caco Santos é planejador financeiro com certificação CFP (Certified Financial Planner),sócio da GFAI -- Empresa Especializada em Planejamento Financeiro , formado em Administração de Empresas pela FEA-USP e MBA em Finança pela FIA --USP e produtor e apresentador do podcast “Planejamento Financeiro” 
 

Bahia Notícias envia notícias e boletins também pelo WhatsApp

Já pensou usar o WhatsApp para ficar por dentro das principais notícias do dia? Para auxiliar os leitores a se manterem bem informados sobre os assuntos do momento, o Bahia Notícias possui um serviço que utiliza o aplicativo para enviar as notícias mais importantes de Salvador, da Bahia e do Brasil e ainda um resumo diário com os principais assuntos debatidos na imprensa. Para ter acesso aos boletins, o leitor precisa apenas salvar o número do nosso WhatsApp (71 99676-0059) na agenda de contatos e enviar o nome completo, e-mail e cidade. Diariamente a equipe do Bahia Notícias vai encaminhar as notícias mais importantes pelo aplicativo e o leitor vai se manter ainda mais atualizado sobre o que acontece no mundo!

Segunda, 20 de Janeiro de 2020 - 09:05

As mules voltaram para ficar!

As mules voltaram para ficar!

 


Caracterizada pela parte da frente fechada e a de trás aberta, a mule voltou com tudo e promete permanecer no radar das fashionistas por muito tempo. Além de confortável, este modelo de calçado traz um ar despojado e ao mesmo tempo elegante.

 

Confira dicas de Karen Furtado, Consultora de Imagem e Estilo, parceira da PICCADILLY, para arrasar com produções estilosas!

De acordo com Karen, hoje em dia é possível encontrar o calçado nas mais variadas versões, como lisos, texturizados, estampados, com ou sem salto.

 

:: DO TRABALHO AO HAPPY HOUR! EXPLORE PEÇAS EM ALFAITARIA 
 

As peças de alfaiataria, combinadas com mules, são perfeitas para a composição de um look versátil e cai bem em situações formais e informais. Além disso, são ideais para mulheres que possuem muitas tarefas durante o dia e precisam de conforto nos pés. ‘’Em situações como essa é possível explorar sem medo looks com calças de alfaiataria estilo cenoura, em conjunto com t-shirts básicas e jaquetas jeans. Dessa forma é possível imprimir um visual arrumado, sem deixar de lado o conforto necessário’’, destaca. 

:: COOL & FASHION! USE E ABUSE DO JEANS 

Para as que não abrem mão do jeans, a consultora aponta que a mule também pode ser destaque em produções com o tecido. ‘’Uma opção bacana é usar e abusar das calças com modelagem mom, que estão super em alta; ou então apostar na combinação coringa: jeans e camiseta’’, indica. 

Karen conta que existem truques de styling simples e que fazem a diferença na composição visual dos looks. ‘’Sempre que for usar jeans com mules, não se esqueça de dobrar as barras das calças para mostrar um pedacinho das pernas. Além de valorizar o calçado, esse truque mega simples nos faz ‘ganhar’ uns centímetros a mais. E claro, mules de bico fino e em tons nude também garantem a sensação de sermos mais altas’’. 

:: LIVRE, LEVE E SOLTA! APOSTE EM SAIAS E VESTIDOS 

Composições com saias e vestidos também são ideais para arrasar, mas é preciso se atentar a um detalhe que faz toda a diferença: o comprimento das peças. Por se tratar se um calçado fechado, a mule pode passar impressão de ‘’achatar’’. ‘’Mulheres mais altas, por exemplo, podem apostar em modelos midis. Para as mais baixas, a dica é apostar em um look monocromático, pois ele ‘alonga’ a mulher visualmente’’, explica. 

:: DESPOJADA E AUTÊNTICA! ESCOLHA OS SHORTS 

Ainda refletindo versatilidade, as mules também se adaptam perfeitamente a looks com shorts. ‘’Para garantir um look despojado e autêntico, a aposta vai para o combo de shorts jeans e blazer ou então shorts de alfaiataria combinado com camisetas básicas ou de linho. Fica super atual e elegante’’, destaca a consultora. 

Em entrevista para o BN Mulher: 'Se fosse dirigente esportivo apostaria mais nas meninas'

 

Um dos atletas brasileiros que mais acumula vitórias, Robert Scheidt já ganhou cinco medalhas olímpicas na vela sendo duas de ouro.

 

Confira os títulos de Scheidt:


Cinco medalhas:
Ouro : Atlanta/96 e Atenas/2004 (ambas na Classe Laser)
Prata : Sidney/2000 (Laser) e Pequim/2008 (Star)
Bronze : Londres/2012 (Star) 

181 títulos - 89 internacionais e 92 nacionais.

A editora do Bahia Noticias Mulher, Iga Bastianelli, acompanhou a 48o Campeonato Brasileiro de Optmist em Porto Alegre no Clube Veleiros do Sul e conseguiu entrevistar Robert Scheidt. Confira:

Eventos como este são importantes pois fortalecem a vela, certo? E para quem não conhece ainda muito sobre este esporte poderíamos comparar o Campeonato Brasileiro de Optmist com as divisões de base do futebol, aqui está o futuro da vela?

 

Sem dúvida a classe Optmist é a classe formadora, a classe mais numerosa do Brasil nos campeonatos regionais, estaduais e brasileiro, temos cerca de 170 jovens velejadores aqui de diversos estados. É a geração que vai estar disputando os jogos olímpicos e diversas competições importantes mundiais daqui a 6 e 10 anos. Então incentivar esta modalidade, esta classe é essencial para atrair cada vez mais gente. Estimular o esporte não só para competição e sim contribuir com a formação do caráter desta juventude, é um esporte extremamente educador pois interagimos o tempo todo com a natureza, é um esporte onde usamos a força do vento e a natureza.

 

 

O que precisa ser feito para incentivar mais ainda a Vela no país?

Eu acho que uma das coisas importantes a se falar não é só do esporte olímpico, mas a vela como meio de inserção social. Dar a chance da criança praticar uma atividade física é fortalecer o esporte na escola, acho que a é na escola onde pode ser plantada a semente ... não são todas as crianças que tem a chance de frequentar os clubes, que hoje em dia são os maiores formadores do esporte nacional, o esporte na escola tem que ter mais estrutura, mais profissionais, é preciso incentivar a pratica esportiva nas escolas.

 

Como tornar o esporte Vela mais acessível? É um esporte caro?

Acho que é caro em termos de competição, quando a criança começa a participar de campeonatos fora do Brasil ... mas para aprender não é tão caro ... existem escolas de vela no Brasil inteiro. Eu falo de São Paulo, por que sou de São Paulo, a gente tem na represa Guarapiranga diversas escolas de vela, onde você pode, sem ser sócio fazer um curso e aprender a velejar com 12 horas de treinamento. A partir deste momento você já pode comprar um barco usado e praticar este esporte, caro é o alto nível técnico, a formação de base não.

 

Como avalia o esporte Vela hoje no Brasil?

A Vela hoje depende muito do esforço que tem sido feito nos clubes e da CB Velas, e o apoio do Comitê Olímpico Brasileiro. Eu mesmo tenho muita gratidão de empresas que apostaram em mim, me deram a chance de ter o esporte da Vela como atividade fim na minha vida. No meu caso hoje tenho o apoio do Banco do Brasil e da Rolex.

Acho que para a Vela como um todo, atitudes como a entrada da CBC é muito saudável e ajuda na compra de equipamentos, contratação de profissionais, investe no nível técnico, é um fortalecimento para os clubes e para as escolas de Vela. Importante cada vez mais as crianças terem a chance de velejar. É o que acontece muito em Ilhabela.  Hoje em dia a gente tem a Escola de Vela de Ilhabela, numa escola municipal, que deu a chance para crianças do ensino público ... temos aqui nesta competição 10 crianças da EVI – Escol ade Vela de Ilhabela, com total apoio do município participando deste campeonato Brasileiro.

 

Em campeonatos como este podemos ver a participação ativa dos pais ... como atleta, que conselhos você poderia dar aos pais?

Até uma certa idade a presença dos pais faz a criança se sentir segura, ela está num local diferente, temperatura diferente, ajudar ela a se sentir segura e tranquila. Ponto muito importante. Meu filho Érick está competindo e no meu caso eu procuro não interferir na parte técnica ... é difícil, pois existe um envolvimento emocional forte, mas deixo na mão do técnico e confio nele, acho que no final o atleta aprende muito é através dos seus próprios erros.

 

Como de fato os pais podem contribuir? 

Dedicação, disciplina, acima de tudo gostar, ter prazer ... me deixa feliz ver meu filho ir para água com um sorriso no rosto, não é uma atividade pesada para ele, tendo esta visão, a criança vai evoluir e naturalmente os resultados vão aparecer.

Acho que o excesso de informação vindo dos pais atrapalha. A criança tem capacidade de acompanhar alguns pontos, não consegue assimilar muita informação. Com meu filho  tento não encher ele de informações, porque na verdade mais atrapalha do que ajuda, estou tranquilo que ele está em ótimas mãos. O técnico dele aqui é o Alexandre Paradeda, um companheiro meu da época que velejei de Optimist, ele é qualificado e sei que está em ótimas mãos.

 

O que diferencia um campeão olímpico? Como se tornar um campeão olímpico?

O ponto inicial é a criança ter este sonho, eu despertei este sonho dentro de mim quando comecei a velejar melhor com 13 ou 14 anos, quando comecei a assistir aos jogos olímpicos pela televisão daí eu vi o Joaquim Cruz, o Torben Grael ganhar uma medalha olímpica! O sonho não era do meu pai, da minha mãe, nem do meu irmão, era meu o sonho ...um desejo forte dentro de mim e comecei a persegui-lo, ter um propósito, disciplina dedicação ... sem um objetivo claro fica difícil alcançar, uma pitadinha de sorte também é muito importante para alavancar resultados. Ter prazer e a vontade de ser melhor a cada dia ... não se contentar, sempre buscar evoluir ... ser humilde não se achar melhor, mas ao mesmo tempo não se achar pior, acreditar, ter auto confiança, um aspecto muito importante para um atleta. Ele precisa saber que é capaz de superar qualquer barreira ... é um processo longo e árduo, mas se não fosse tão longo e árduo não seria tão gratificante!

 

Fale um pouco sobre a equipe brasileira de Vela que irá para olimpíadas este ano:

Acho que é uma equipe forte, as preferidas são Martina e Kaiena como grande favoritas. A Fernanda Oliveira e a Ana no 470 também. O Samuel e Gabriela aqui no Nakra, Jorginho, Patrícia e eu no Laser, uma equipe forte, uma mistura de gerações com jovens que estão participando da segunda olimpíada. Mas nas olimpíadas nunca temos certeza de coisa nenhuma, é a execução daquela semana que vai valer !

 

As meninas vem supreendendo? As vagas para meninas ainda são poucas comparadas com as dos meninos?

De uns anos para cá, cerca de 10 a 15 anos atrás, era 70 % das vagas para os homens e 30 % para as mulheres. Hoje em dia o Comitê Olímpico Internacional está buscando a paridade de 50%. E vamos ter esta paridade de novo nos jogos de Tóquio.

Existe muito mais possibilidade hoje das meninas participarem e fazerem parte da equipe olímpica. A gente tem classes mistas, como é o caso do Nakra o 470 que vai virar misto em 2024.

Então se eu fosse um dirigente esportivo apostaria muito nas meninas, nicho importante para conseguir formar uma geração de medalhistas no futuro!

Atuação da Câmara da Mulher Empresária será ampliada para o interior do estado

O apoio da Federação do Comércio à Câmara da Mulher Empresária será ampliado e ganha alcance estadual, com a expansão por regiões do interior. A empresária Rosemma Maluf passa a coordenar estas ações estaduais, deixando na Câmara de Salvador um resultado de capacitação de cerca de 600 mulheres a partir de um grupo inicial de apenas 15 empreendedoras.

As lideranças femininas da Fecomércio pretendem incentivar parcerias com associações comerciais e câmaras de dirigentes lojistas, fortalecendo a presença das empresárias em cidades como Feira de Santana, Santo Antônio de Jesus e Teixeira de Freitas, entre outras em desenvolvimento. “Agora iniciamos uma nova fase para interiorizar a nossa CME na perspectiva de que o nosso propósito de fortalecer a cultura associativista e o empreendedorismo feminino é de extrema importância para as entidades, para o ambiente de negócios e para uma sociedade com mais equidade”, revelou Rosemma Maluf.

Já a Câmara de Salvador passa a ser coordenada por  Sueli de Paula, economista e professora da Fundação Visconde de Cayru, com 30 anos de experiência em gestão de negócios no Sebrae.

O objetivo é ir além da capacitação da mulher e acompanhar a obtenção de resultados práticos na gestão do negócio. Não faz sentido preparar a mulher para conhecer bem o seu negócio se ela não tiver a autonomia para as vendas darem certo” ressaltou a nova coordenadora da Câmara da Mulher Empresária de Salvador. Entre os segmentos de maior presença feminina, estão o de beleza, com o popular ‘salão’, química estética, advocacia, academia de ginástica, seguros e o ramo de alimentação.

Robert Scheidt treina para Olimpíada e é inspiração para garotada do Campeonato Brasileiro de Optmist
Foto: Daniel Nunez

Um dos atletas que mais acumula vitórias no esporte brasileiro, Robert Scheidt já ganhou cinco medalhas olímpicas, sendo duas de ouro. Atualmente ele é inspiração para os cerca de 140 velejadores com idades entre 9 e 14 anos que andam pelo Clube Veleiros do Sul e participam do 48º Campeonato Brasileiro da Classe Optimist. O evento que começou em 04 de janeiro e vai até o dia 14, acontece nas raias do Rio Guaíba, em Porto Alegre.  O “Mito”, como é carinhosamente chamado pela garotada, circula entre eles e segue dando exemplo de persistência e dedicação durante os treinos. Para quem não sabe Robert Scheidt começou no tênis e depois passou para a Vela. “A prática do tênis foi muito importante para mim porque tem um aspecto mental muito forte, muita força mental. Este aspecto da competição e treinamento diário me ajudaram muito quando eu mudei para vela”, disse ele. 

 

Confira os títulos de Scheidt:
5 medalhas olímpicas:
Ouro : Atlanta/96 e Atenas/2004 (ambas na Classe Laser)
Prata : Sidney/2000 (Laser) e Pequim/2008 (Star)
Bronze : Londres/2012 (Star) 

181 títulos - 89 internacionais e 92 nacionais.

 

“A raia aqui em Porto Alegre, nesta época do ano, tem bons ventos e o tempo quente. Vai ser muito bom para acostumar a velejar no calor, pois é o que devo encontrar na Austrália, em fevereiro, durante o Campeonato Mundial de Laser e nas Olimpíada no Japão, em julho”, disse ele.

 

Além de treinar para a sétima olimpíada dele que acontece em Tóquio, Scheidt acompanha o filho Erick que é um dos  veteranos da competição na classe Optmist. Ano passado, em Ilhabela, o garoto conquistou o título nacional entre os estreantes.

 

A Bahia, representada pelos atletas do Yacht Clube, levou para Porto Alegre com o apoio da CBC Vela 29 velejadores, quase todos decidiram pelo apoio, e mais 2 técnicos de vela Kim Vidal e Ícaro Felipe e o fisioterapeuta Vinícius Lago. Na categoria estreante que aconteceu de quatro a seis de janeiro o vice campeão foi o baiano João Roberto de Souza. O pequeno João surpreendeu pelo pouco tempo de vela e conquistou a todos da Flotilha Ogum Marinho do Yacht Clube. Participaram como estreantes: Bernardo Pauletti, Caio Britto, Carlos Henrique Krempser, Daniel Lopes, Daniel Solis Jacobina, Guilherme Costa Amaral, Henrique Campos, Jacques Prestes, João Roberto de Souza, Juliano Solis, Lavínia de Oliveira, Magno Macário, Maria Julia Chaves, Maria Luiza Scardino, Samuel Orrico e Sophia Borges.

 

Agora é a vez dos veteranos que já estão correndo as regatas e tentam garantir mais vagas no pódio até 14 de janeiro. Representando a Bahia estão entre os atletas veteranos de todo o Brasil: Catarina Robatto, João Britto, João Pedro de Carvalho, Juliana Borba Bastianelli, Maria Luiza Santos, Maria Martins Pontes, Pedro Araújo, Rafael Gordilho, Rafael Vial, Valentina Cunha, Victor Fontaine, Vitor Bahia, Vitor Fiuza.

 

De acordo com o diretor de vela do Yacht Clube da Bahia, Mauricio Cunha, este é um momento muito importante, “Se não me falha a memória foi a primeira vez que conseguimos levar tantos atletas para disputar um Campeonato Brasileiro de Optmist. Isto se deve a postura da nova diretoria do clube da qual faço parte em pensar em conjunto. Como velejador acredito que nosso nível técnico evolui quando estamos inseridos em grande flotilhas. Temos hoje uma das maiores flotilhas do Brasil e a Ogum Marinho está num novo momento de crescimento, amadurecimento e trará mais vitórias para a Bahia ” disse Maurício Cunha, diretor de Vela do Yacht Clube.

 

A editora do Bahia Noticias Mulher, Iga Bastianelli, que acompanha a competição conseguiu entrevistar Robert Scheidt nos intervalos dos treinos. Confira:
 


Eventos como este são importantes pois fortalecem a vela, certo? E para quem não conhece ainda muito sobre este esporte poderíamos comparar o Campeonato Brasileiro de Optmist com as divisões de base do futebol, aqui está o futuro da vela?

 

Sem dúvida a classe Optmist é a classe formadora, a classe mais numerosa do Brasil nos campeonatos regionais, estaduais e brasileiro, temos cerca de 170 jovens velejadores aqui de diversos estados. É a geração que vai estar disputando os jogos olímpicos e diversas competições importantes mundiais daqui a 6 e 10 anos. Então incentivar esta modalidade, esta classe é essencial para atrair cada vez mais gente. Estimular o esporte não só para competição e sim contribuir com a formação do caráter desta juventude, é um esporte extremamente educador pois interagimos o tempo todo com a natureza, é um esporte onde usamos a força do vento e a natureza.

 

 

O que precisa ser feito para incentivar mais ainda a Vela no país?

Eu acho que uma das coisas importantes a se falar não é só do esporte olímpico, mas a vela como meio de inserção social. Dar a chance da criança praticar uma atividade física é fortalecer o esporte na escola, acho que a é na escola onde pode ser plantada a semente ... não são todas as crianças que tem a chance de frequentar os clubes, que hoje em dia são os maiores formadores do esporte nacional, o esporte na escola tem que ter mais estrutura, mais profissionais, é preciso incentivar a pratica esportiva nas escolas.

 

Como tornar o esporte Vela mais acessível? É um esporte caro?

Acho que é caro em termos de competição, quando a criança começa a participar de campeonatos fora do Brasil ... mas para aprender não é tão caro ... existem escolas de vela no Brasil inteiro. Eu falo de São Paulo, por que sou de São Paulo, a gente tem na represa Guarapiranga diversas escolas de vela, onde você pode, sem ser sócio fazer um curso e aprender a velejar com 12 horas de treinamento. A partir deste momento você já pode comprar um barco usado e praticar este esporte, caro é o alto nível técnico, a formação de base não.

 

Como avalia o esporte Vela hoje no Brasil?

A Vela hoje depende muito do esforço que tem sido feito nos clubes e da CB Velas, e o apoio do Comitê Olímpico Brasileiro. Eu mesmo tenho muita gratidão de empresas que apostaram em mim, me deram a chance de ter o esporte da Vela como atividade fim na minha vida. No meu caso hoje tenho o apoio do Banco do Brasil e da Rolex.

Acho que para a Vela como um todo, atitudes como a entrada da CBC é muito saudável e ajuda na compra de equipamentos, contratação de profissionais, investe no nível técnico, é um fortalecimento para os clubes e para as escolas de Vela. Importante cada vez mais as crianças terem a chance de velejar. É o que acontece muito em Ilhabela.  Hoje em dia a gente tem a Escola de Vela de Ilhabela, numa escola municipal, que deu a chance para crianças do ensino público ... temos aqui nesta competição 10 crianças da EVI – Escol ade Vela de Ilhabela, com total apoio do município participando deste campeonato Brasileiro.

 

Em campeonatos como este podemos ver a participação ativa dos pais ... como atleta, que conselhos você poderia dar aos pais?

Até uma certa idade a presença dos pais faz a criança se sentir segura, ela está num local diferente, temperatura diferente, ajudar ela a se sentir segura e tranquila. Ponto muito importante. Meu filho Érick está competindo e no meu caso eu procuro não interferir na parte técnica ... é difícil, pois existe um envolvimento emocional forte, mas deixo na mão do técnico e confio nele, acho que no final o atleta aprende muito é através dos seus próprios erros.

 

Como de fato os pais podem contribuir? 

Dedicação, disciplina, acima de tudo gostar, ter prazer ... me deixa feliz ver meu filho ir para água com um sorriso no rosto, não é uma atividade pesada para ele, tendo esta visão, a criança vai evoluir e naturalmente os resultados vão aparecer.

Acho que o excesso de informação vindo dos pais atrapalha. A criança tem capacidade de acompanhar alguns pontos, não consegue assimilar muita informação. Com meu filho  tento não encher ele de informações, porque na verdade mais atrapalha do que ajuda, estou tranquilo que ele está em ótimas mãos. O técnico dele aqui é o Alexandre Paradeda, um companheiro meu da época que velejei de Optimist, ele é qualificado e sei que está em ótimas mãos.

 

O que diferencia um campeão olímpico? Como se tornar um campeão olímpico?

O ponto inicial é a criança ter este sonho, eu despertei este sonho dentro de mim quando comecei a velejar melhor com 13 ou 14 anos, quando comecei a assistir aos jogos olímpicos pela televisão daí eu vi o Joaquim Cruz, o Torben Grael ganhar uma medalha olímpica! O sonho não era do meu pai, da minha mãe, nem do meu irmão, era meu o sonho ...um desejo forte dentro de mim e comecei a persegui-lo, ter um propósito, disciplina dedicação ... sem um objetivo claro fica difícil alcançar, uma pitadinha de sorte também é muito importante para alavancar resultados. Ter prazer e a vontade de ser melhor a cada dia ... não se contentar, sempre buscar evoluir ... ser humilde não se achar melhor, mas ao mesmo tempo não se achar pior, acreditar, ter auto confiança, um aspecto muito importante para um atleta. Ele precisa saber que é capaz de superar qualquer barreira ... é um processo longo e árduo, mas se não fosse tão longo e árduo não seria tão gratificante!

 

Fale um pouco sobre a equipe brasileira de Vela que irá para olimpíadas este ano:

Acho que é uma equipe forte, as preferidas são Martina e Kaiena como grande favoritas. A Fernanda Oliveira e a Ana no 470 também. O Samuel e Gabriela aqui no Nakra, Jorginho, Patrícia e eu no Laser, uma equipe forte, uma mistura de gerações com jovens que estão participando da segunda olimpíada. Mas nas olimpíadas nunca temos certeza de coisa nenhuma, é a execução daquela semana que vai valer !

 

As meninas vem supreendendo? As vagas para meninas ainda são poucas comparadas com as dos meninos?

De uns anos para cá, cerca de 10 a 15 anos atrás, era 70 % das vagas para os homens e 30 % para as mulheres. Hoje em dia o Comitê Olímpico Internacional está buscando a paridade de 50%. E vamos ter esta paridade de novo nos jogos de Tóquio.

Existe muito mais possibilidade hoje das meninas participarem e fazerem parte da equipe olímpica. A gente tem classes mistas, como é o caso do Nakra o 470 que vai virar misto em 2024.

Então se eu fosse um dirigente esportivo apostaria muito nas meninas, nicho importante para conseguir formar uma geração de medalhistas no futuro!

Barcelona contrata Núbia Santos que se torna a 1ª brasileira no atletismo do clube
Foto: Reprodução / Instagram

O FC Barcelona, da Espanha, contratou a saltadora Núbia Soares. Aos 23 anos, ela se tornou a primeira brasileira a fazer parte da equipe de atletismo do clube catalão.

 

Nascida em Lagoa da Prata, interior de Minas Gerais, Núbia chegou a figurar entre as três melhores saltadoras do mundo há dois anos. Porém, problemas médicos tem deixado a brasileira fora das principais competições mundiais. A última grande lesão dela foi no tendão de Aquiles, que a impediu de disputar o Pan-Americano e o Mundial ambos no ano passado.

 

Núbia Soares estreou com tudo pelo Barça. Neste domingo (12), ela foi campeã no salto triplo no torneio em pista coberta disputado em Madri, promovido pela Real Federação Espanhola de Atletismo. A brasileira saltou 13,46 m, longe das suas melhores marcas no passado, como 14 metros em prova indoor, e 14,49 m em pista descoberta.

 

Além do futebol e agora no atletismo, o Barcelona já contou com brasileiros nas suas equipes em outros esportes. No basquete, o clube catalão tinha até pouco tempo Marcelinho Huertas, no futsal, há muito tempo, tinha alguns destaques, dentre eles Ferrão. Na equipe de handebol, os catalães contam com Thiagus Petrus, capitão da seleção brasileira. No vôlei, a central Flavia Gimenes veste a camisa azul-grená há três meses.

Sábado, 11 de Janeiro de 2020 - 11:05

Economia circular e moda sustentável: você pode fazer parte desta mudança!

por Por Luanna Toniolo

Economia circular e moda sustentável: você pode fazer parte desta mudança!

 

O posicionamento radical do certo x errado nos afasta das mudanças simples e de hábitos mais conscientes que podemos incluir sem dificuldade no nosso dia a dia. Ou seja, você não precisa vender seu carro para ser eco-friendly, ou então, não precisa se tornar vegano e se privar de momentos que te dão prazer - como a comida - se ainda não se sente preparado para isto. 

Existem práticas fáceis que, infelizmente, só se tornam uma opção quando combinadas com a apresentação de números alarmantes sobre o meio ambiente. Segue abaixo alguns exemplos: 

• Segundo pesquisa realizada em 2017 pela Fundação Ellen MacArthur, instituição que tem como missão acelerar a economia circular, as pessoas estão comprando duas vezes mais roupas e usando-as apenas a metade do tempo. 

• Além disso, outros dados alarmantes do mesmo estudo demonstram que o futuro da Moda é se reinventar: o equivalente a um caminhão de lixo de têxteis é depositado em aterro ou incinerado a cada segundo no mundo, 108 milhões de toneladas de recursos não renováveis são usados a cada ano para produzir roupas e a indústria têxtil será responsável por 25% da emissão mundial de carbono até 2050 (atualmente equivale a 10%). 

Impacta, não é? 

Ainda sobre o universo de possíveis novos hábitos, te pergunto: Seria mesmo tão difícil optar por potes de vidro ao invés de potes de plástico? Ainda, haveria alguma complexidade em não descartar pilhas no lixo comum? Ou então, não faz todo sentido trabalharmos com coisas já produzidas, utilizando-as ao invés de gerar mais resíduos no mundo? 

Essa última questão se explica para os mais diversos segmentos, desde o simples uso de ecobag para substituir as sacolinhas de plástico no mercado. Mas, funciona ainda mais ao falar de moda, minha grande paixão. Sabemos que existe roupa produzida para os próximos 200 anos no mundo. Que tal dar uma chance para a roupa usada? Se você ainda não se sente confortável e acha que não está preparado, por que não começar por um acessório que já foi de outra pessoa e hoje não está sendo mais utilizado? 

Antes de trabalhar com esse segmento eu não era uma usuária do second hand e agora 90% do meu guarda roupa é composto por peças que já foram usadas por outras pessoas. Isso aconteceu porque eu me conscientizei e aprendi mais duas coisas importantes: 

• Histórias: a maioria das peças que temos no guarda roupa carregam alguma história marcante. Seja porque você usou ela em um momento especial, ou uma situação difícil e, até mesmo, aquelas que te lembram alguém. Sempre que eu compro uma nova peça usada eu faço o exercício de imaginar como a antiga dona deve ter vivido bons momentos com aquela peça.

• Oportunidade de preço - quem nunca desejou uma peça de luxo e pensou que nunca teria condições de comprá-la que atire a primeira pedra. As peças usadas são, em média, 80% mais baratas do que as vendidas nas lojas. 

O meu desafio para você é marcarmos um encontro daqui um ano e analisarmos quais foram os avanços que conquistamos. Eu acredito que o nosso futuro é se tornar mais sustentáveis e imagino que 2020 trará muitas oportunidades para quebrar paradigmas e ter novos hábitos mais conscientes. Eu desejo que possamos ser mais flexíveis neste novo ano e que o extremismo ecochato não exista. Afinal, pensar no futuro de todos é cool, este é o futuro! 

Sobre Luanna Toniolo Domakoski 
Luanna Toniolo Domakoski (32) é mãe, empreendedora e fundadora da TROC, plataforma que conecta pessoas que querem vender e comprar roupas, bolsas, sapatos e acessórios usados das melhores marcas e em perfeito estado. Luanna é advogada e especialista em Direito Tributário, mas sempre foi apaixonada pelo universo da Moda. Em 2015, ela e o marido, Henrique Domakoski, foram morar em Boston, nos EUA, para realizar uma especialização. Ela de Gestão de Marketing em Harvard e ele focado em Gestão, Estratégia e Empreendedorismo no MIT. No final do curso, eles decidiram que deveriam empreender e começaram a analisar o mercado. Foi então que surgiu a ideia de criar a TROC. Mais do que permitir que todas as usuárias tenham acesso aos produtos que sempre sonharam, a startup tem como objetivo educar as brasileiras para que cada vez mais apostem na economia circular.

 

Quinta, 09 de Janeiro de 2020 - 17:05

Veja as principais tendências de decoração para 2020 

Veja as principais tendências de decoração para 2020 


 

Quando o assunto é decoração há muitas apostas para 2020, uma delas, por exemplo é priorizar o bem-estar em todos os ambientes. Por isso, a presença de espaços da casa destinados, especificamente, ao relaxamento da mente serão cada vez mais comuns nos projetos. 
A MadeiraMadeira, maior plataforma de produtos para casa do país, reuniu algumas dicas da designer de produto Isabela Caserta que podem ajudar quem está pensando em renovar o visual da casa. Confira as tendências! 

Relax total 
Se sentir em casa e relaxado é essencial. Segundo a especialista, a proposta para a próxima década é que os produtos e objetos comprados para a casa causem impacto, principalmente no nosso humor e tragam bem-estar. Aposte em misturar tecnologia com acabamentos mais rústicos, decorações minimalistas e feitas com materiais de texturas mais naturais. Tons terrosos complementam esse estilo mais natural da casa. O uso de luzes e cores como o azul escuro para acalmar, e o laranja, que remete à terra, também funciona super bem. Use também materiais com fibras naturais e mix de metal e madeira. 

Uma cor, por favor 
É isso mesmo, a onda de 2020 é o monocromático. A tendência será vista principalmente em cozinhas com tons de verde, cinza ou mesmo cores mais quentes, os móveis inclusive acompanham todos a mesma cor. Aliás, a tendência de cor para o próximo ano é um verde azulado e tons azuis e verdes que representam a natureza, propondo serenidade, um retorno ao interior de cada um e conforto. 

Tom sobre tom 
Acompanhando a valorização da cor dentro dos ambientes. O visual monocromático ganha ainda mais força na combinação das cores dos móveis com o tom da parede. A dica é apostar, por exemplo, em uma cor diferente para uma parede do cômodo que vai ajudar a guiar todo o restante da decoração do ambiente. 

Cola aqui! 
As colagens também estarão super em alta em 2020, o papel de parede dá lugar ao estilo lambe-lambe que traz diferentes estampas coladas, criando um estilo único para cada ambiente. A proposta é trocar quadros por colagens na parede e variar tanto tamanhos como cores, inspire-se no estilo gallery wall. 

Naturalize-se 
As cores que são as apostas para 2020 já remetem à natureza, por isso a decoração sustentável e natural também serão tendências para o ano. Luz, reaproveitamento de materiais e personalização da decoração podem deixar o ambiente incrível. Móveis antigos ou customizar as próprias peças com material reciclável também é uma boa opção. A palha, o linho e os tecidos ecológicos são ótimos para criar um ambiente calmo, relaxante e organizado. 

Volta às aulas: Saiba o que as escolas podem e não podem exigir
Foto: Carol Garcia / GOVBA

Com a proximidade da volta às aulas, a Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-BA) busca orientar os consumidores sobre o que é permitido e proibido nos pedidos das instituições de ensino em relação ao material escolar. O objetivo do órgão é impedir abusos cometidos por escolas e instituições.

 

O Procon-BA orienta que os consumidores solicitem orçamentos em diferentes livrarias e estabelecimentos para fazer o comparativo de preços. O órgão destaca ainda que a relação de materiais deve ser divulgada para os pais e responsáveis, acompanhada do plano de utilização de todos os itens. Assim, é possível avaliar se há ou não produtos que possam ser considerados de uso coletivo - o que é proibido. 

 

O órgão da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social da Bahia (SJDHDS) alerta que é vedada a indicação, pelo estabelecimento de ensino, de preferência por marca ou modelo de qualquer item do material escolar.

 

"O Procon-BA já está atento desde o período de pré-matrícula no final do ano passado. Nesse momento, as fiscalizações enfatizam as escolas em relação às questões contratuais e da lista de material escolar, que podem ser questionadas ou levadas ao órgão para análise e solução de dúvidas. O próximo passo é sair novamente a campo para verificar lojas, papelarias e livrarias, entre outras, a depender da demanda dos consumidores", afirma o superintendente do órgão, Filipe Vieira.

 

Prazos de entrega

Os pais ou responsáveis podem perguntar quando determinados materiais serão utilizados. Se for para uma atividade que só vai acontecer no segundo semestre, não é preciso comprar agora. O fornecimento integral do material escolar no início do ano letivo é facultativo. O consumidor pode realizar a entrega parcial dos materiais, segundo os quantitativos estabelecidos por período, desde que respeitada a antecedência mínima de oito dias da unidade.  

 

As suspeitas podem ser denunciadas no posto de atendimento do Procon-BA, através do aplicativo "Procon BA Mobile" ou por e-mail: denuncia.procon@sjdhds.ba.gov.br.

Terça, 07 de Janeiro de 2020 - 13:05

As tendências de "beachwear' para essa temporada 

As tendências de
alfonso ramzal


A ex-Miss São Paulo e especialista em moda Marissol Savagin listou as principais tendências que estão bombando nas praias na estação mais quente do ano. 

A it girl dá dicas dos modelos que mais funcionam para cada tipo de corpo, sem perder o estilo e o conforto e afirma que muito do que se viu no verão passado, permanece em alta: "Algumas tendências seguem fortes, como neon e o animal print". 

A seguir, a lista de Marissol para quem quer ficar por dentro da moda:

Maiô com cinto: Uma cinturinha bem marcada nunca é demais e essa tendência valoriza qualquer tipo de corpo. A moda praia traz esse acessório, que já compõe super bem qualquer look urbano, para inserir ainda mais estilo e sofisticação aos clássicos maiôs. Muitos modelos já vêm com cintos, mas se não vier, a dica é pegar aquele que já estava no armário e ousar! 

Neon / Fluor: O neon já é veterano na moda verão. As cores vibrantes valorizam a pele morena e bronzeada e deixam o look divertido e moderno. Mais a cara da estação, impossível! 

Retrô: Cintura alta e cortes que valorizam qualquer corpo. Os biquínis retrô continuam com tudo. Além de super elegante, o modelo ajuda a disfarçar aquela gordurinha indesejada, agregando muito conforto sem perder o estilo. 

Assimétricos: Um dos mais democráticos e estilosos! Para quem tem o tipo de corpo "triângulo", a dica é apostar na parte de cima mais diferente, equilibrando as proporções. Para o "triângulo invertido", apostar na parte de baixo. 

Animal Print: Parece que não sai de moda nunca! A estampa de animais, queridinha de Marissol, deixa qualquer visual super chique e não seria diferente na moda praia. Aqui, para quem não quer mais do mesmo, a dica é misturar tendências. 

Bolinhas: Delicadas e femininas, as bolinhas, ou poá, são um truque para deixar o visual mais meigo. A dica é usar bolinhas maiores na área que quiser disfarçar e menores onde quiser aumentar ou evidenciar. 

Cuidados com o cabelo durante o verão para manter os fios saudáveis!


Em 22 de dezembro começou a época mais quente do ano. Com as temperaturas elevadas e o sol marcante, o cabelo merece atenção para não danificar durante esse período. Da hidratação à proteção, cuidados como usar protetores e óleos são essenciais. 

Para começar a temporada, recomenda-se procurar um salão para aparar as pontas do cabelo. Assim, antes de submeter os fios aos fatores de ressecamento inevitáveis do verão, eliminam-se as pontas duplas que já existem, evitando que essas abram mais ainda e possam quebrar. "Além disso, é sempre bom submeter as madeixas à uma hidratação profunda feita por um profissional, para blindar os fios", recomenda o hairstylist Bruno Oliver. 

Pode parecer que não, mas o sol danifica e muito os cabelos. "O calor dos raios UV fragiliza as madeixas, por isso, é importante sempre usar produtos que tenham proteção solar", alerta Oliver. Durante essa época do ano, vale trocar o shampoo que normalmente se usa, por um mais hidratante e incluir condicionador, máscara, creme de pentear e óleo capilar com filtro solar na rotina de cuidados. 

Outra alternativa para proteger o cabelo do sol é usar chapéus, bonés ou lenços quando for passar muito tempo exposto ao calor. 


Praia e piscina 

"A água do mar é prejudicial para o cabelo por conta do sal que resseca os fios, fragilizando-os e deixando quebradiços. Para evitar que isso aconteça, é importante manter a cutícula dos fios selada" aconselha Bruno Oliver. 

A dica para quem vai dar um mergulho é passar um creme ou fazer umectação com algum óleo capilar. E, após tomar banho de mar, deve-se lavar os cabelos com água doce o mais rápido possível. 

 

Aplicativo do Bahia Notícias oferece experiência personalizada para usuários

O novo aplicativo do Bahia Notícias traz uma série de ajustes para melhorar a experiência dos usuários do site. Com layout mais dinâmico, o app é uma evolução das versões anteriores e busca ter as ferramentas mais modernas presentes na usabilidade de aplicativos de notícias para celulares. “Queremos que os nossos leitores se sintam confortáveis em utilizar o nosso app e com uma experiência quase personalizada”, explica o sócio diretor do site, Ricardo Luzbel.

 

Essa “personalização” citada por Luzbel é a nova modalidade que permite aos usuários selecionarem de quais editorias eles gostariam de receber a notificação por push. “Era uma demanda antiga de nossos leitores e estamos implantando nessa nova versão do aplicativo”, explica o editor-chefe, Fernando Duarte. No app, todas as editoriais do site estão disponíveis, incluindo também um acesso facilitado à RBN Digital, a rádio do Bahia Notícias.

 

Os usuários que já possuem o aplicativo instalado no smartphone podem verificar se a Play Store ou a Apple Store notificaram a atualização – que estava disponível desde a última semana, com uma versão de teste. Já novos leitores podem baixar o aplicativo clicando aqui para Android e aqui para IOS.

 

Clique e baixe:

 

Segunda, 06 de Janeiro de 2020 - 08:05

Guarda Roupa minimalista! Veja as dicas

Guarda Roupa minimalista! Veja as dicas

 

É uma tendência mundial práticas que otimizem o uso de uma peça. Para que ela seja sustentável e tenha a vida útil prolongada, ao adquirir uma roupa, é necessário pensar em quantas combinações ela pode proporcionar tornando a versatilidade uma  palavra de ordem. A stylist Bia Boaventura, foi a até a loja República da Moda, localizada no Estação da Moda Shopping, e criou alternativas reais de composições de looks com poucas peças mas muita diversidade. 

Uma camisa branca, por exemplo, pode transitar em todos os compromissos do dia, do trabalho à praia.  De acordo com Bia, a principal orientação é não ter medo de ousar. “O bacana é que uma peça pode ser usada de diferentes formas. Uma saia pode virar um vestido tomara que caia! Claro que quem tem um conhecimento técnico pode ter mais facilidade, mas a internet está aí pra isso”, diz Bia. 

Segundo o gerente da República da Moda, Fábio Potje, ter um armário minimalista é uma grande tendência, por isso ter peças-chave é uma boa dica. “Apesar de não queremos criar regras, uma boa orientação é ter um bom jeans, uma boa peça branca e outra preta. O Armani disse e eu concordo que o marinho é o new black. E é mesmo! Uma cor fácil de combinar, linda e neutra”, diz. Camisa branca é sempre uma boa aposta, segundo os especialistas. É uma peça que permite vários usos. A camisa branca com uma calça social será um look mais de trabalho. A mesma camisa branca com vestido jeans pode deixar a imagem mais despojada. Caso a combinação use short e body, pode produzir um efeito mais praiano. 

Ao contrário do que se pensa, a moda é versátil e não há regras. A regra é se sentir bem!

Quarta, 01 de Janeiro de 2020 - 17:05

Planejamento: quitação de dívidas é prioridade em 2020 

Planejamento: quitação de dívidas é prioridade em 2020 

 


Em 2020, o brasileiro estará focado em quitar dívidas, viajar nas férias e aprender inglês. A constatação faz parte do levantamento TOP 20 Objetivos para 2020, realizado pelo 7waves, aplicativo que ajuda as pessoas a definir metas e atingir seus objetivos de vida.

 

Dados recentes da Serasa Experian apontam que existem 63,4 milhões de inadimplentes no país, novo recorde da série histórica, iniciada em março de 2016. O alto endividamento tem como principais causas a perda do emprego (30%), a redução de renda (29%), o empréstimo do nome para terceiros (14%) e a falta de controle financeiro (13%), revela pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). 

“O brasileiro está mais consciente quanto à forma como consome e preocupado em deixar o nome limpo, para ter mais poder de negociação quando pensar, por exemplo, em um financiamento”, analisa Rodolfo Ribeiro, CEO do 7waves.


“A crise econômica do país e o alto índice de desemprego fará o brasileiro querer crescer e buscar oportunidades dentro da empresa em que trabalha, por meio do aperfeiçoamento profissional, ao invés de se aventurar no mercado, trocando o certo pelo duvidoso”, diz Ribeiro. “Confira o ranking TOP 20 Objetivos dos Brasileiros para 2020, do 7waves: 

Dicas para utilizar melhor o seu dinheiro em 2020 

Existem diversas maneiras de aproveitar melhor o dinheiro e, em meio ao aumento de gastos com as festas de fim de ano e o pagamento de impostos e obrigações no primeiro bimestre, este é um bom momento para repensar as finanças. Pensando nisso, a Conta Black, fintech focada em promover acesso a serviços financeiros para a população desbancarizada, deu 2 dicas para organizar melhor as finanças em 2020. Confira: 

Estabeleça prioridades 
De modo geral, a chegada de um novo ano sempre acaba nos motivando a fazer uma balanço pessoal. Aproveite para colocar as finanças nessa revisão e estabeleça prioridades também para onde e como seu dinheiro é gasto. Considerando toda a sua renda mensal, defina quanto irá gastar com despesas adicionais e confira quais dos gastos fixos são realmente essenciais. O ideal é ter sempre em mente a importância de adequar o dinheiro disponível às demandas e não o contrário.
 

Pechinche 
Com os gastos e reservas financeiras devidamente planejados, é hora de usar uma das melhores estratégias antes de comprar qualquer coisa: pechinchar. Na hora de adquirir produtos e serviços, não tenha medo de pedir por descontos ou uma leve diminuição no preço. Também use e abuse da internet para pesquisar e comparar valores para encontrar as melhores ofertas. Diversos site e apps são especializados nisso. Outra dica valiosa é buscar por cupons de desconto em sites e aplicativos de lojas.

Anotado? Fique de olho nas finanças e use melhor o seu dinheiro em 2020. 

 

 
Retrospectiva: Fã apanha em show do Poeta e ganha destaque em outubro
Foto: Reprodução / Instagram

Um caso de agressão contra uma mulher por um homem que invadiu o palco de O Poeta e chutou o rosto de uma fã, que dançava com o artista foi tema mais comentado do Bahia Notícias em outubro deste ano (reveja aqui). O caso ocorreu em Pojuca, na Região Metropolitana de Salvador. Nas redes sociais, o cantor da banda disse que atitudes como aquela não são toleradas e pediu para que caso faça isso, que não seja frequentador dos shows do Poeta. Foram mais de 378 mil leitores, de um total de 6,6 milhões.

 

Outra notícia atraiu os leitores do BN no mês 10 do ano foi a de que aposentados do INSS receberiam mais através do na reforma da previdência que foi alterado em dezembro. O índice, no entanto, continuará a valer para segurados do INSS com direito adquirido ao atual sistema de cálculo e em uma das regras de transição. Para esses trabalhadores, a atualização anual do índice causou impacto negativo na renda (veja aqui). Foram mais de 120 mil visualizações.

 

Vale ressaltar também a nota de um acidente na Estrada do Coco que deixou uma pessoa morta, que rendeu mais de 100 mil visitas ao site. A colisão ocorreu na manhã do domingo (06), na Estrada do Coco, na altura do Supermercado Max, em Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador. A equipe do Corpo de Bombeiros revelou que uma das vítimas ficou presa nas ferragens (leia aqui).  

 

A deflagração de greve por PMs foi também um dos assuntos mais vistos pelos leitores do Bahia Notícias (clique aqui), com mais de 88 mil visualizações. Em assembleia da categoria realizada na terça-feira (8) de outubro,  foi decretada a greve em todo o estado. De acordo com o deputado estadual Soldado Prisco (PSC), que foi um dos condutores do movimento. A Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) negou a existência de um movimento paredista na Polícia Militar da Bahia (PM-BA) e trata a mobilização como um “pequeno movimento”. 

 

Em meio ao derramamento de óleo no Nordeste, um radar europeu identificou a mancha de óleo de 21 quilômetros quadrados em direção a Bahia. As manchas de óleo tinham 21 quilômetros quadrados e a outra de 3,3 quilômetros quadrados foram identificadas por um satélite da União Europeia se aproximando do litoral da Bahia e de Sergipe (saiba mais aqui). O assunto acabou não confirmado, mas gerou uma audiência de 79 mil pessoas.

Retrospectiva: Ivete 'invade' palco e fim da Petrobras na BA foram destaque em setembro
Foto: Reprodução / Instagram

A 'invasão' de Ivete Sangalo ao palco de Marilia Mendonça e os seguranças tentando barrar sua entrada no Salvador Fest foi a notícia mais lida de setembro (veja aqui). A cantora foi confundida com um fã e quase foi impedida pelos seguranças. Ivete invadiu o palco durante a apresentação da sertaneja para abraçá-la, e um segurança correu para tentar impedir. Foram mais de 143,5 mil visualizações, do total de 5,9 milhões registrados no mês.

 

Também chamou a atenção de mais de 141 mil leitores do BN também o encerramento das atividades da Petrobras na Bahia (lembre aqui). A Petrobras finalizou as atividades não tão somente na Bahia, mas como em todo o Nordeste. Os funcionários da empresa e o Sindicato dos Petroleiros da Bahia começaram a ser transferidos. O Sindipetro Bahia, alegou que desde a posse da nova direção e do novo governo a intenção da empresa adotar medidas que sinalizam a diminuição da empresa no estado ou a saída completa.

 

Em setembro, Bolsonaro foi consagrado por Edir Macedo no Templo de Salomão e rendeu 115 mil visitas ao Bahia Notícias. Durante o período eleitoral, em 2018, o bispo declarou apoio público ao então candidato do PSL. Logo após a vitória no segundo turno sobre o candidato Fernando Haddad, Jair Bolsonaro deu a primeira entrevista como eleito para a emissora do bispo da Igreja Universal (reveja aqui).

 

Também entre uma das mais vistas, está a operação em gabinetes de desembargadores do Tribunal Regional do Trabalho, localizado em Salvador. Foram alvo das buscas também, uma residicencia na rua Bela Vista do Cabral e no Loteamento Aquárius. Cerca de 50 policiais federais, acompanhados de cinco procuradores da República, cumpriram 11 mandados de busca e apreensão em órgão público, escritório de advocacia e nas residências dos investigados. Os mandados foram expedidos pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) apreenderam provas complementares dos crimes praticados (saiba mais aqui). A operação no TRT-BA foi lida por mais de 105 mil usuários.

 

Após Crivella tentar censurar HQ com beijo entre gays, edição esgota na Bienal do Livro (lembre aqui). A obra que o político e bispo da Igreja Universal orientou que fosse recolhida ou “embalada em plástico preto lacrado” esgotou em todos os stands do evento da época. Todos os exemplares acabaram em apenas 39 minutos. Foram quase 80 mil leitores.

Retrospectiva: Morte de Gabriel Diniz e demissões na Rede Bahia marcam mês de maio
Foto: Divulgação

A morte do cantor sertanejo Gabriel Diniz e as demissões durante o processo de reestruturação da Rede Bahia foram os assuntos que mais interessaram os leitores do Bahia Notícias em maio deste ano. Ao todo, o mês registrou 5,7 milhões de visitas. A nota mais lida do site do mês foi a da morte do cantor sertanejo. Um avião de pequeno porte caiu com Diniz em 27 de maio, no litoral de Sergipe (veja aqui). O forrozeiro embarcou no avião após passagem por Feira de Santana. E mais de 129 mil leitores obtiveram informações sobre o acidente lendo o BN.

 

Chamou a atenção dos leitores também a cena do velório do artista em que cantor Wesley Safadão se despediu do amigo e colega. Ao comparecer ao velório de Diniz, em João Pessoa, Safadão desabou em choro ao se aproximar do caixão (lembre aqui). A ida do cantor ao velório do colega foi acompanhada por 83,4 mil leitores.

 

Em maio, as ruas da Barra, na capital baiana, foram tomadas por manifestantes em defesa do presidente da República Jair Bolsonaro, do pacote anticrime do ministro da Justiça e Segurança Pública Sérgio Moro e da aprovação da Reforma da Previdência. O ato, entre os assuntos mais lidos do mês, contou com manifestantes que cantaram o hino nacional brasileiro e também fizeram orações (leia aqui). Mais de 68 mil leitores acompanharam a informação pelo site.

 

Na sequência, a confirmação dos boatos de que a Rede Bahia estaria iniciando um processo de demissão de cerca de 120 empregados da casa, no início do mês, foi também bastante comentado. A afiliada da Rede Globo no estado emitiu uma nota de posicionamento esclarecendo os motivos para o desligamento de profissionais integrantes da TV, sites, rádio e jornal impresso (saiba mais aqui). Cerca de 66 mil visitantes estiveram no BN para ler sobre o tema.

 

Um das mais antigas repórteres da TV Bahia, a jornalista Anna Valéria usou as suas redes sociais para falar sobre a sua demissão da afiliada (lembre aqui) e encerrou a lista de cinco notas mais lidas do mês de maio, com 45,9 mil visitantes.

RBN Digital traz programação especial para o Réveillon 2020

A trilha sonora do seu Réveillon já está pronta! Você vai curtir uma seleção especial de músicas para embalar a sua festa de Ano Novo e começar 2020 com o pé direito. A festa começa hoje (31) às 22h com o DJ Wilson. Além disso, ao longo do dia, você conta com a nossa programação regular, com música e informação de qualidade. Acompanhe a RBN pelo seu dispositivos com Android (baixe aqui) e iOS (baixe aqui) ou acesse o nosso site (ouça aqui), e comece o ano com a melhor trilha sonora. RBN e você juntos também em 2020!

Retrospectiva: Possibilidade de ciclone atingir a Bahia chama atenção em março
Foto: Reprodução / Correio

A possibilidade da Bahia ser atingida por um ciclone no mês de março foi o assunto que mais interessou os leitores do Bahia Notícias. 339.059 pessoas visualizaram a matéria que tratava do tema. A previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) indicava que ventos de mais de 100 km/h poderiam atingir o estado, além de ondas de até quatro metros. A expectativa era de que o ciclone poderia atingir cidades do sul da Bahia e o estado do Espírito Santo (lembre aqui).

 

Outro tema que atraiu a atenção do público em março, mês que teve ao todo 6.410.875 visitas ao site, foi a transferência do cantor Denny Denan para o Hospital Ana Nery pela falta de plano de saúde. O artista foi internado na segunda-feira de Carnaval (4) após sofrer uma dor torácica momentos antes de desfilar no circuito Dodô (Barra-Ondina). Denny foi levado inicialmente para o Hospital Ernesto Simões, onde ficou em uma unidade de terapia intensiva. No entanto, o cantor não possuía plano de saúde e foi transferido para o Hospital Ana Nery, que integra a rede estadual e é especializado em tratamentos cardíacos (leia mais aqui). Esta nota contou com 106.131 visualizações.

 

Ainda em março os leitores do BN ficaram interessados na história do pai e filho que morreram após cair de um quarto de hotel em Salvador. 93.972 pessoas clicaram na notícias que explicava que pai e filho, de 39 e 5 anos, caíram do 15º andar do Hotel Adagio Salvador. A informação foi confirmada pela Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) (saiba mais aqui). 

 

A quarta nota mais lida no Bahia Notícias em março também foi sobre o ciclone que se aproximava do litoral sul do estado da Bahia e do Espírito Santo. Um total de 92.944 leitores se interessaram pela possibilidade do fenômeno chegar à costa com ventos de até 61 km/h (veja mais).

 

Mais de 87 mil pessoas acessaram a nota que trazia a informação de que o Netinho usou o Whatsapp para alfinetar a cantora Daniela Mercury. Durante o período eleitoral de 2018, Netinho declarou apoio ao candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL), e em março ele compartilhou mensagens com imagens sobre a carta aberta enviada por Daniela sobre a Lei Rouanet para o atual presidente. Em uma das imagens compartilhadas por Netinho, Bolsonaro aparecia fazendo um sinal de positivo com a mão e segurando o riso e tem a seguinte legenda: "Sobre a possibilidade de reunião para tratar de Lei Rouanet com Daniela Mercury e Caetano Veloso: Esperem sentados!" (entenda melhor aqui).

Retrospectiva: Morte de Ricardo Boechat é destaque no Bahia Notícias em fevereiro
Foto: Divulgação

O ano que se encerra foi marcado por muitas mortes repentinas que abalaram o país, como a do cantor Gabriel Diniz e, mais recentemente, a do apresentador Gugu Liberato. Em fevereiro, os brasileiros se surpreenderam com o falecimento do jornalista Ricardo Boechat, de 66 anos. Notícia mais lida do Bahia Notícias naquele mês, ela gerou 94.368 mil acessos ao relatar as primeiras informações sobre o acidente.

 

A nota conta que Boechat usou a aeronave para viajar de Campinas a capital São Paulo depois de realizar uma palestra. Ele apresentaria o Jornal da Band à noite, mas, infelizmente, o helicóptero bateu na parte dianteira de um caminhão que transitava pela Rodovia Anhanguera e pegou fogo. O jornalista morreu ainda no local (saiba mais aqui).

 

Num mês com um total 5.388.882 visualizações não podia faltar uma polêmica no ranking das notas mais lidas. O segundo maior destaque no Bahia Notícias, que rendeu 77.137 visualizações, foi a reação do ex-ministro Ciro Gomes (PDT) ao ser hostilizado na Bienal da União Nacional dos Estudantes (UNE) em Salvador.

 

Na ocasião, Ciro discursava sobre as eleições quando ouviu de alguém na plateia que era "corrupto". E reagiu: "Não sou, não. Eu estou solto. Eu sou limpo, eu sou limpo. Lula está preso, babaca", bradou, usando a famosa frase dita por seu irmão, o senador Cid Gomes (PDT), durante a eleição presidencial (veja aqui).

 

Na sequência, a terceira nota com maior número de acessos, total de 62.357 mil, foi a manutenção da investigação contra o senador Flávio Bolsonaro (sem partido) e seu ex-assessor Fabrício Queiroz. O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou um pedido do parlamentar para suspender as apurações sobre as supostas movimentações financeiras atípicas nas contas dos dois. Em julho, no entanto, uma decisão do presidente do STF, Dias Toffoli, suspendeu investigações com base em relatórios de inteligência financeira do Coaf, decisão revista em novembro. Flávio e Queiroz são suspeitos de participar de um esquema de "rachadinha" com o recebimento de salários dos servidores do senador quando ele era deputado estadual na Assembleia Legislativa do Rio, a Alerj (saiba mais aqui).

 

Além disso, o que também chamou a atenção dos leitores do Bahia Notícias foi a ponte Salvador-Itaparica, projeto finalmente licitado após 10 anos de seu primeiro anúncio. A novidade que gerou 50.750 visualizações ao portal foi de que as empresas chinesas que pretendiam disputar a obra já estavam sediadas na Bahia (veja aqui).

 

Por último, um “meme” fecha o ranking das cinco mais lidas de fevereiro com 49.984 acessos. A nota é sobre uma matéria ao vivo no telejornal Bahia Meio Dia. A repórter Juliana Cavalcante entrevistava uma moradora do bairro de Cassange, em Salvador, que sofria com a falta de água. Questionada sobre a conta da Embasa, a senhora desabafou: "Acham que estou dando o ra** no brega". A repórter até segurou a transmissão apesar da resposta inusitada, mas nas redes sociais os telespectadores fizeram graça do episódio. "Minha Bahia é outro nível", resumiu um usuário do Twitter ao comentar a situação (veja aqui).

Retrospectiva: 'Brigadeiros da Prata' geram maior número de acessos ao BN em janeiro
Foto: Reprodução / Blog do Rodrigo Ferraz

Antiga conhecida dos telespectadores baianos, a jornalista Daniela Prata protagonizou a notícia mais lida pelos leitores do Bahia Notícias em janeiro de 2019. O que chamou a atenção do público, que gerou 201.500 visualizações, foi a mudança de carreira de Daniela que, sem espaço na TV desde que foi demitida da Aratu, passou a vender brigadeiro na praia. Durante todo o mês, foram mais de 6 milhões.

 

O BN fez o registro da novidade depois que ela passou a compartilhar vídeos das abordagens que recebia durante a venda dos "Brigadeiros da Prata", como batizou seus doces. Nas redes sociais, a jornalista agradeceu o carinho do público e disse que esse era um trabalho que a aproximava do "amor fraterno de irmãos". "Deus sabe de todas as coisas", escreveu na época (veja aqui).

 

Além de Daniela, o que também teve grande audiência em janeiro foi o rompimento de uma nova barragem em Minas Gerais, desta vez na cidade de Brumadinho. A nota com o anúncio do então presidente da mineradora Vale, Fabio Schvartsman, de que fecharia temporariamente barragens iguais às de Mariana e Brumadinho foi a segunda mais lida, com 75.469 acessos registrados.

 

Na ocasião, a Vale informou que deixaria de produzir 40 milhões de toneladas de minério de ferro com os fechamentos e que até R$ 5 bilhões poderiam ser gastos com a ação. A medida foi tomada depois que mais de 240 pessoas foram mortas com o rompimento da barragem do Córrego do Feijão (veja aqui).

 

Na sequência do ranking, tem a estimativa de que o valor do pedágio da ponte Salvador-Itaparica será em torno de R$ 40. Com 47.781 mil acessos, a notícia foi dada pelo vice-governador da Bahia, João Leão (PP), que é o "pai" do empreendimento (veja aqui).

 

Pouco abaixo, a quarta nota mais lida teve 40.187 visualizações. Foi o caso do blogueiro e radialista Sigisvaldo Vilares dos Santos que fez campanha para Jair Bolsonaro (sem partido), mas perdeu o cargo com a "despetização" promovida pelo presidente assim que ele assumiu o posto no Palácio do Planalto. Filiado ao PSC de Barreiras desde 2008 e ligado ao deputado federal Antonio Imbassahy (PSDB), Santos era funcionário comissionado da Subchefia de Assuntos Federativos da Secretaria de Governo da Presidência (saiba mais aqui).

 

No fim da lista, aparece a notícia sobre um projeto apresentado ao Senado. A ideia legislativa que planejava acabar com o pagamento de anuidade da Ordem dos Advogados Brasil (OAB) e de conselhos de classe, como o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea) e do Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU), garantiu 39.997 acessos ao BN em janeiro. A proposta divulgada na época indica que o pagamento da anuidade poderia ser equiparado com a contribuição sindical, extinta pela Reforma Trabalhista em 2018 (saiba mais aqui).

Bahia Notícias cresce 30% em 2019 com mais de 64,1 milhões de acessos únicos

O número de acessos no Bahia Notícias em 2019 cresceu 30,37% no comparativo com ano anterior, de acordo com dados do Google Analytics. Entre janeiro e dezembro, mais de 64 milhões de visitantes únicos passaram pelo site, contabilizando mais de 74,2 milhões de visualizações no período – um crescimento de 30,37% na comparação com 2018. É o melhor resultado do site, que segue em ritmo de crescimento acentuado ao longo dos últimos anos.

 

Desses visitantes, 95% eram brasileiros. Os estrangeiros tiveram origem em países como Estados Unidos, Portugal, Noruega, França e Espanha, principalmente. Com o recorte por cidades, Salvador foi responsável por 22,75% da origem do tráfego de usuários, tendo cidades como São Paulo, Rio de Janeiro e Fortaleza à frente de Feira de Santana, a segunda maior cidade da Bahia em número de visitantes no site.

 

Entre os conteúdos mais lidos do ano, destacaram-se a impressionante imagem de um pulmão atingido por um câncer após o paciente fumar por 30 anos (veja aqui), a morte do apresentador Gugu (veja aqui), a repercussão do falecimento de Jesus Sangalo, irmão da cantora Ivete (veja aqui), e uma agressão a uma mulher no palco durante um show da banda O Poeta (veja aqui).

 

Mais de 5,5 milhões de usuários chegaram ao Bahia Notícias utilizando redes sociais, porém o acesso direto ao site e a busca orgânica também renderam mais de 5 milhões de visitantes cada uma. Cerca de 85% acessaram o portal utilizando dispositivos móveis. Ainda assim o acesso via desktop representou mais de 2,5 milhões de usuários durante o ano. Homens foram a maioria dos visitantes, cerca de 55,7% dos leitores, e a maioria dos usuários tem entre 25 e 44 anos.

 

“O Bahia Notícias é uma referência no jornalismo online da Bahia e segue em constante evolução. Além do próprio site, utilizamos plataformas digitais para dinamizar nosso conteúdo, como o BN Na Tela no Facebook, o podcast Terceiro Turno e a RBN Digital, que permitem uma experiência diversificada para os nossos usuários. Os números de 2019 sinalizam que estamos no caminho certo e que o próximo ano será ainda melhor”, comemora o sócio-diretor do site, Ricardo Luzbel.

Segunda, 30 de Dezembro de 2019 - 13:40

RBN Digital traz programação especial para o Réveillon 2020

RBN Digital traz programação especial para o Réveillon 2020

A trilha sonora do seu Réveillon já está pronta! Você vai curtir uma seleção especial de músicas para embalar a sua festa de Ano Novo e começar 2020 com o pé direito. A festa começa às 22h desta terça-feira (31), com o DJ Wilson. Além disso, ao longo do dia, você conta com a nossa programação regular, com música e informação de qualidade. Acompanhe a RBN pelo seu dispositivos com Android (baixe aqui) e iOS (baixe aqui) ou acesse o nosso site (ouça aqui), e comece o ano com a melhor trilha sonora. RBN e você juntos também em 2020!

Pesquisa revela o comportamento do brasileiro na hora das refeições em 2019

 

A saúde alimentar entrou no radar dos brasileiros. Como as pessoas observaram suas refeições de 2019, e agora como pretendem cuidar da saúde em 2020? Quais são suas expectativas? Pensando nisso, a Hibou, empresa de pesquisa e monitoramento de consumo, entrevistou digitalmente mais de 1.800 brasileiros entre 16 e 75 anos em todo o país, que fazem no mínimo uma refeição fora de casa entre segunda e sexta, analisando o comportamento de cada refeição, café da manhã, almoço e jantar. 

Café da Manhã 

Para 35% dos brasileiros entrevistados, o café da manhã deveria ser uma boa refeição, mas hoje não a consideram ideal. Entre os jovens esse número sobe para 41%. 

64% dos brasileiros acreditam que poderiam ter mais tempo no café da manhã. 43% acreditam que esta refeição poderia ser mais saudável. 48% disseram que deveria reduzir o açúcar. 38% gostariam de mais frutas. 32% variariam o cardápio, e 26% gostariam de comer menos pão. 81% dos brasileiros tomam o café da manhã em suas casas.

Como expectativas para 2020, o brasileiro pretende beber mais sucos e leites e deixar o café preto para depois do almoço ou no lanche da tarde. Trocar os petiscos gordurosos por snacks saudáveis. Incluir grãos sem glúten, torradas integrais, geléias naturais e produtos orgânicos locais. Menos açúcar também foi citado, e para substituí-lo de manhã, o brasileiro pretende incluir mais frutas. 

Almoço 

40% dos brasileiros almoçam fora de casa mais de 3x por semana, e esse número sobe para 49% entre jovens. Na hora do almoço, a pesquisa identificou que a maioria da reclamação é não conseguir manter uma dieta balanceada. Na hora de sair para almoçar, o brasileiro prefere restaurante por kilo, prato feito e Buffet, respectivamente nessa ordem. 

73% dos entrevistados disseram que poderiam montar pratos mais saudáveis nos restaurantes por kilo. 71% gostariam de reduzir o consumo de "frituras". 68% dos brasileiros gostariam de poder comer com mais calma. 51% acreditam que poderiam reduzir o consumo de refrigerantes.

Em 2019, o brasileiro já modificou um pouco seu comportamento na hora do almoço. 49% dos entrevistados introduziram mais saladas no prato, buscando uma alimentação melhor. Porém, 61% ainda acham que não é o suficiente, e querem melhorar ainda mais seu mix diário de alimentos. 

43% dos brasileiros com mais de 30 anos e 40% abaixo dos 30 anos, tentam se alimentar no dia a dia com marmitas que preparam em casa, visando economizar e se policiar para se alimentar saudavelmente. 

61% consideram uma refeição completa na hora do almoço se ela é finalizada com uma sobremesa, fruta ou café. 

E o que mais agrada e mais incomoda nos restaurantes? 69% dos entrevistados elogiaram os locais que tinham talhares, guardanapos e tempero na mesa; 73% dos brasileiros na hora de escolherem o restaurante para almoçar, tentam buscar opções onde suas roupas não fiquem com "cheiro de comida". 

O atendimento continua sendo um diferencial para o brasileiro. 66% dos brasileiros relacionam seu retorno ao local ao bom atendimento que tiveram. Nas cidades menores essa relação é ainda mais forte. 

Como expectativas para 2020, o brasileiro gostaria de ter acesso a um conteúdo colaborativo, em que ele pudesse buscar mais informações sobre os alimentos que está consumindo, compartilhar suas experiências. Melhorar ainda mais o mix de opções do prato é um dos principais objetivos para o ano que vem. Os temperos naturais também foram citados, inclusive, reduzir sódio e condimentos, com molhos e temperos mais naturais e frescos. Um dos principais desejos do brasileiro para 2020 é conseguir fazer uma refeição com a família pelo menos 1x por semana. 

Jantar 

O jantar é a refeição mais praticada em casa pelo brasileiro. 77% jantam em suas casas no mínimo 6x por semana, entre brasileiros com mais de 30 anos, entre os brasileiros abaixo dos 30 esse número cai para 68%. Apesar de ser a refeição mais realizada nos lares brasileiros, é também a mais negligenciada. 56% dos brasileiros nem pensam no assunto até sentirem fome, entre os jovens brasileiros esse número sobe para 63%. 

64% dos entrevistados acreditam que poderiam planejar o jantar antecipadamente. 43% disseram que poderiam comer algo mais leve e mais saudável. 49% gostariam de reduzir o pão e similares. 40% gostariam de evitar o consumo de comida pronta. 37% disseram que poderiam introduzir mais verduras e legumes, e 33% poderiam reduzir o consumo do café. 

Segundo observado pela pesquisa, um dado chamou atenção: o pãozinho está presente no jantar tanto quanto no café da manhã. 81% dos entrevistados afirmaram ter o pão presente nas refeições noturnas. Ao menos uma pessoa da casa inclui esse alimento no jantar. 

6 em cada 10 brasileiros gostariam de se alimentar mais cedo e mais leve, pois acreditam que dormiriam melhor desta forma. Nos jovens abaixo dos 30 anos, 7 em cada 10 pensam da mesma forma. 

Para 2020, o brasileiro gostaria de ter um sono melhor, podendo se alimentar mais cedo, com mais saladas, e reduzindo consumo de cafeína. O brasileiro quer resgatar a refeição em família, e menos celulares a mesa. 

Sobre os deliverys de comida, o brasileiro espera que em 2020 eles possam atender até mais tarde, porém com opções mais saudáveis do que pizzas e lanches. 

Sobre a Hibou: 

A Hibou é uma empresa especializada em pesquisa e monitoramento de mercado e consumo, existente há mais de 11 anos. A Hibou trabalha o tempo todo com informação e olhares inquietos sempre do ponto de vista do consumidor.

Sexta, 20 de Dezembro de 2019 - 17:05

Reflexões: Como é seu fim de ano? E os planos para 2020?

por Lucia Moyses

Reflexões: Como é seu fim de ano? E os planos para 2020?

 

Fim de ano. A que esta data te remete? Natal, Festa de Ano Novo, presentes, Panetone, árvores, enfeites. Papai Noel, presépio, canções de Natal, fogos de artifício. Férias coletivas, shoppings enfeitados, ruas lotadas, correria de quem deixou tudo para última hora. É assim o seu fim de ano?

Para um grande número de pessoas, sim. No entanto, é comprovado que nesta época a tristeza ataca, a solidão pesa e se você não se sente tão feliz quanto deveria, a sensação de fracasso se instala. 
Sim, não é uma época fácil. Você se obriga a ser feliz, mas nem sempre consegue. Algumas pessoas se isolam e se recusam a comemorar o Natal, não importa qual sua religião.

Mas não deveria ser assim. O fim de ano deveria ser uma época para se repensar e analisar como foi seu ano. O que você fez de bom, onde você errou, o que poderia ter feito de diferente? É o momento da introspecção, do olhar mais profundo, da absolvição das culpas internas, do crescimento. Não devemos virar as costas para este momento só porque foi instituído que nesta data todos estão felizes, as famílias são perfeitas, a vida é cor de rosa e o mundo é colorido.

O que não significa que você não possa aproveitar o máximo desta data. Aproveitar para reunir a família, aproveitar para tornar seu coração mais leve e mais propenso para perdoar, aproveitar para esquecer mágoas antigas e deixar a magia desta época entrar em você.

E o que dizer das resoluções do Ano Novo? Muita gente faz listas do que vai mudar no ano seguinte. De repente, o ano seguinte acabou e quase nada da lista foi feito. Não tem problema, o que importa é tentar. Mas resoluções devem ser tomadas todos os dias e não só no fim do ano. A cada dia podemos ser melhores, se nos dispusermos a melhorar. Ninguém vai mudar do dia para a noite, é preciso perseverança, maturidade, disposição para o que virá. Nunca é fácil, mas é gratificante.

Vestir-se de branco para ter paz, de amarelo para ter dinheiro, de verde para ter esperança, de vermelho para encontrar o amor. Não são as roupas que vão ditar as mudanças em nossas vidas. São nossas atitudes e pensamentos. Claro, quando alguém acredita que o branco lhe trará paz, pode se autossugestionar e se convencer de que está em paz. Mas se você não trabalhar, não terá mais dinheiro. Se você não estiver aberto a relacionamentos, não encontrará seu grande amor. Se você não mudar seus pensamentos pessimistas e amargos não encontrará esperança. Não importa a roupa que você use.
Tudo isso é muito gostoso: comer uvas, pisar com o pé direito, jogar sal por cima dos ombros. Vale uma boa brincadeira. Mas para levar a sério, o que importa é: o que você pretende para o próximo ano e como vai trabalhar no sentido de alcançá-lo? Brincar é divertido, mas quando usamos as brincadeiras para nos esquivarmos do que realmente precisamos fazer, é inútil, é em vão.

É você quem faz o seu ano novo ser melhor e mais feliz.

Natal e Ano Novo são épocas para agradecer, para se unir ao infinito, não importa a sua religião nem se você é ateu. Por que não? Junte-se e comemore a vida, a alegria, a esperança. Agradeça pelas bênçãos e dê leveza ao seu coração. Nem que seja apenas uma vez por ano, embora fosse melhor que se fizesse isso a cada dia. 
Uma prática que pode muito dar certo é escrever, a cada semana, alguma coisa boa que aconteceu e ser agradecido por ela. No fim do ano, abrir todos os papéis e relembrar tudo de bom que aconteceu durante o ano inteiro e ser grato pelo ano maravilhoso que se teve.
Sempre é possível agradecer. Você passa o ano inteiro cuidando de seu filho que está no hospital. É duro, é difícil. Agradecer pelo quê? Pelo fato de você ter alguém para amar, alguém por quem você sente um amor infinito. Nem todas as pessoas têm isso.
Sua mãe morreu. O que tem para agradecer? O fato de você ter tido uma mãe maravilhosa, por tanto tempo em sua vida. 
Seu namorado acabou de dispensá-la e seu mundo caiu. Agradecer por quê? Pelo fato de você estar com o caminho aberto para conhecer alguém que te ame de verdade, do jeito que você merece.

Isso não significa assumir uma posição “Pollyanna” para tudo na vida. Longe disso. Porém, quando agradecemos, nossa mente se abre e conseguimos ver com mais clareza o que fazer para melhorar ou mudar uma situação. 
Enfim, mudanças, agradecimentos, meditação são princípios que devem ser praticados todos os dias. Mas se temos uma época própria para isso, por que não aproveitar?

Basta você definir como quer o seu fim de ano. Uma época para se isolar do mundo? Uma época para se divertir sem consequências? Uma época para trocar presentes, cantar canções e não pensar em mais nada? Tudo bem. O fim do ano é seu. Mas mesmo que o Natal seja uma época triste para você, faça do limão uma limonada. Aproveite para comemorar a vida e agradeça por todas as coisas boas que aconteceram durante o ano. Aproveite para refletir, descobrir como melhorar, entrar em contato com seu mundo interno, conhecer-se melhor.

“tis the season to be jolly”. Aproveite, pois só acontece uma vez por ano e passa rápido. 
E então? Como vai ser seu final de ano?

Lucia Moyses é psicóloga, neuropsicóloga e escritora.
Natural de São Paulo, Lucia teve sua primeira formação em análise de sistemas pela FATEC (Faculdade de Tecnologia do Estado de São Paulo), complementando os seus estudos com curso de pós-graduação na UNICAMP (Universidade de Campinas).

Quarta, 18 de Dezembro de 2019 - 13:05

Marcas de luxo e suas opções de presente para o Natal

Marcas de luxo e suas opções de presente para o Natal

 

O mês de dezembro vem acompanhado de grandes comemorações, e com isso, momentos para presentear os familiares e amigos queridos. Conheça o que as marcas de luxo como Bottega Veneta, Salvatore Ferragamo, Bvlgari e Christian Louboutin apresentam de sugestões de Natal.

A Bottega Veneta é, sem dúvida, o desejo fashion de 2019, com ar mais jovem e moderno, a tradicional marca italiana faz uma releitura do seu intrecciato, com tramas mais largas, cores vibrantes e formas geométricas.

    

A maison francesa Christian Louboutin aposta em cores vibrantes, perfeitas para o nosso verão. A it-Bag Elisa e as sandálias da coleção LouBhoutan, todas recém-lançadas, são opções originais para presentear.

 

Já a Van Cleef & Arpels apresenta peças versáteis e impactantes. Joias em ouro amarelo, rosé e branco, com pedras como malaquita, turquesa e diamantes.

                

 

Bvlgari é reconhecida mundialmente por suas criações deslumbrantes, com joias que reluzem, pedras raras e brilhantes. O trevo é um clássico da marca, já o relógio Serpenti Seduttori é uma criação que preserva a caixa em formato de gota.

       

 

Uma das principais casas de moda italiana, a Salvatore Ferragamo apresenta peças versáteis e atemporais.     

A fabricante de óculos Marchon Eyewear tem uma grande variedade de marcas sofisticadas em seu portfólio.        

 

 

Birkenstock, marca alemã referência em calçados de conforto, tem a cara do verão brasileiro. Unindo conforto e informação de moda, é um presente para colocar os pés nas férias.

  

Terça, 17 de Dezembro de 2019 - 16:05

Inteligência Artificial no varejo

 Inteligência Artificial no varejo



A tecnologia evoluiu muito na última década, mas a principal dor das marcas continua sendo vender. São inúmeros os fatores que impactam na performance, sendo um dos mais importantes, atualmente, entender a jornada de compra do consumidor. Estratégias como o uso de machine learning podem facilitar, e muito, na redução da perda de vendas e a melhorar a experiência do cliente online-to-offline no varejo, seja nas grandes redes de supermercados ou nos mercadinhos de bairro. 

Um bom exemplo é o localizador de produtos da Gofind. Muito além de simplesmente listar os pontos de venda nas proximidades, a plataforma utiliza algoritmos de Inteligência Artificial para auxiliar empresas no lançamento de produtos, engajamento com consumidores, prospecção e análise de mercado, além de direcionar o investimento em campanhas de forma mais assertiva. 

Abaixo três funcionalidades da ferramenta:

Campanha de lançamento x Disponibilidade do produto 
Quando uma empresa lança um novo produto no mercado, é comum as campanhas de marketing ativarem consumidores em regiões que o produto ainda nem chegou. Muitas marcas priorizam a velocidade da entrada das campanhas, sem um estudo inicial da disponibilidade do item em cada região - análise essencial para prevenir desperdício das verbas de marketing, a frustração do consumidor e geração de rupturas (quando o cliente não encontra determinado item na loja).


Transformação Digital 
Empresas de todos os tamanhos e segmentos estão investindo em startups como foco na transformação digital do negócio. Diferente de agência de marketing que desenha a estratégia de branding ou comunicação, a ferramenta gera insights sobre distribuição e demanda para que os times otimizem cada vez mais as suas campanhas e vendam mais, sempre utilizando estratégia de marketing orientada a dados. 

Marketing, comercial e logística alinhados 
Com mais de 600 empresas no portfólio e mais de 120 mil produtos cadastrados, a startup catarinense tem mostrado que conseguir mensurar se uma campanha realmente impactou o consumidor, a ponto de levá-lo a adquirir determinado produto, ou pensar na melhor estratégia de lançamento para atingir um público/praça específica, alinhando marketing, comercial e logística, não é mais um problema com as funcionalidades da plataforma que promete tornar as campanhas de lançamento até 30% mais eficientes. 
 

Flores para uma decoração simples e elegante no final do ano 

 

É chegado o momento de celebrar o início de um novo ano, de uma nova fase da vida, junto de amigos e familiares. O Natal e o Ano Novo, carregam consigo um significado especial e a decoração é um ponto importante dessas comemorações, afinal, ela transmite a boa energia e vibração da casa que receberá os amigos e familiares - e as flores fazem boa parte desse conjunto funcionar em harmonia! 

 

Lírios 


Apesar das cores clássicas de fim de ano - branco, prata e dourado - as flores podem ter diversas tonalidades para alegrar ainda mais o ambiente. Algumas espécies são perfeitas para essa época de datas comemorativas pois se encaixam muito bem com o clima e se alinham à sintonia das pessoas. Veja abaixo alguns tipos simples que podem deixar o ambiente ainda mais festivo de acordo com a florista Juana Martinez, parceira da Flores Online! 
 

Os lírios são clássicos e não podem faltar nas datas festivas de fim de ano! Brancos, eles reforçam a cor mais tradicional do Réveillon e com flores mais ricas e imponentes, passam um ar mais nobre. Apesar disso, podem ser usadas também na cor amarela, atraindo riqueza, e o uso mais indicado para elas são em vasos sobre a mesa. A única ressalva é que o lírio tem um perfume forte, por isso, tenha cuidado com pessoas que têm mais sensibilidade aos cheiros. 
 

Rosas
 

Para quem gosta de usar e abusar das cores, as rosas são as apostas certas! É possível combinar as cores em diversos arranjos espalhados pelos ambientes, rosa, vermelho, lilás, branco, amarelo e até mesmo azuis! Não há limites para as vibrações dessa espécie! 
 

Orquídeas
 

Graciosas, coloridas, charmosas, sutis e delicadas. Assim são as orquídeas nos seus mais diferentes tons e formatos. São ótimas opções para o local de entrada da casa, dando boas-vindas aos convidados das festas. 
 

Lisiantus
 

Esta plantinha simples transborda em elegância e sofisticação e pode enfeitar a casa em qualquer ambiente para o Natal ou o Ano Novo, deixando-os mais alegres e inspirados durante as comemorações. 

Sobre a Flores Online 

Fundada em 1998, a Flores on line é o primeiro e-commerce de flores e presentes especiais do país, que visa incentivar a comercialização de produtos artesanais, em qualquer momento e para qualquer tipo de relação. 

Sábado, 14 de Dezembro de 2019 - 17:20

Jamaicana vence Miss Mundo 2019 e leva quarta coroa para país

por Fábio Luís de Paula | Folhapress

Jamaicana vence Miss Mundo 2019 e leva quarta coroa para país
Foto: Reprodução / Celebscloseup

A representante de Jamaica, Toni-Ann Singh, 23, foi a grande vencedora do Miss Mundo 2019, que aconteceu na tarde deste sábado (14) em Londres, no Reino Unido. A mineira Elis Miele, 20, representante do Brasil, entrou no top 5 da final. O feito não era alcançado pelo país desde 2013, quando a gaúcha Sancler Frantz ficou em quinto lugar.

Com a vitória, Singh leva a quarta coroa para seu país. Coroada pela mexicana Vanessa Ponce de León, 27, a miss quebrou um jejum de 26 anos para a Jamaica -a última vitória no Miss Mundo havia sido em 1993, com Lisa Hanna. A vencedora agora muda-se para a capital inglesa e durante um ano representará o concurso em projetos e causas sociais ao redor do globo.

"Eu acredito em propósito, e quando você sabe qual é o seu propósito na vida, você está pronta para mudar o mundo. Eu não estou aqui apenas para ser eu mesma, mas sim represento todas as garotas que estão aqui e todos os seus projetos sociais no mundo todo. Eu acredito que necessitamos ser nós mesmos e não precisamos nos preocupar com o que a sociedade diz para gente ser", disse Miele durante a final.

Em segundo e terceiro lugares ficaram, respectivamente, as misses França, Ophély Mézino, 20 e Índia, Suman Rao, 21. Completou ainda o Top 5 a Miss Nigéria, Nyekachi Douglas, 20.

No top 12 ficaram ainda as misses Quênia, México, Nepal, Filipinas, Vietnã, Rússia e Ilhas Cook. Um total de 112 postulantes participaram do Miss Mundo 2019.

Esta foi a 69ª edição do concurso, cujo mote é o lema "Beleza Com Propósito". Por meio dele, o concurso incentiva suas candidatas a apresentarem um projeto social dos quais participaram ou criaram em seus próprios países. Para facilitar a seleção, a ação das postulantes recebe uma nota preliminar classificatória, que soma-se ao resultados das outras etapas da competição. 

Todas as misses cumpriam desde o dia 20 de novembro a agenda do concurso que, além dos desafios preliminares, contava com um cronograma diversificado que incluía também passeios. O pontapé inicial foi a apresentação oficial das candidatas para a imprensa. Cenário bem diferente do Miss Universo 2019, que teve apenas dez dias de confinamento e aconteceu quase que 100% dentro de um hotel em Atlanta (EUA).

A vencedora do projeto social deste ano foi a Miss Nepal. Já nas outras provas venceram Nigéria (top model), Jamaica (talento), Ilhas Virgens Britânicas (esportes) e, outra vez, Nepal (multimídia). O tradicional desfile em traje de banho foi abolido em 2014, com a justificativa de que a disputa não quer mais incentivar a objetificação do corpo feminino.

DESEMPENHO BRASILEIRO
A mineira Elis Miele, 20, teve a chance de quebrar um jejum de 48 anos para o Brasil no Miss Mundo. A última -e única- representante do país a vencer a disputa foi a carioca Lúcia Petterle, 70, em 1971. Desde então, o objetivo de trazer a coroa azul para terras tupiniquins tem sido apenas um sonho.

"Em minhas orações peço à Deus para fazer a vontade dele. Se eu ganhar ficarei muito feliz, mas se não ganhar ficarei bastante feliz também. Tive a oportunidade de viver a maior experiência da minha vida!", contou Miele.

Eleita em setembro passado e natural de Ipatinga (MG), além de modelo a Miss Brasil é também formada no curso técnico de enfermagem e atua nas redes sociais como influenciadora. "A equipe nacional me deu todo suporte necessário. Buscamos aperfeiçoamento em todas as áreas: passarela, oratória, postura, estética e outras. A ajuda e o apoio de toda equipe me deixou confiante e segura para esse momento", detalha.

A forma de se comunicar e interagir é um dos quesitos mais preciosos do concurso. Por isso, antes de viajar, Miele estudou a língua inglesa intensamente para poder se destacar com os jurados. "Os maiores desafios são as entrevistas. Nesses momentos é necessário muita calma e confiança. Como sempre opto por falar em inglês, se torna um pouco mais difícil. Mas a vida é feita de desafios, e os momentos desafiadores fazem parte das nossas conquistas. Me sinto realizada pois tenho me esforçado muito", afirma.

Militante da luta contra o câncer de mama, foco de seu projeto social, Miele tem também como meta para 2020 construir e gerir uma casa para receber crianças que moram nas ruas. "Quero me dedicar 100% ao meu projeto social, a fim de expandi-lo para mais estados e ajudar mais mulheres que lutam contra o câncer de mama no Brasil. Nosso país precisa de mais atenção à saúde pública, e juntos iremos lutar por isso! Também pretendo ingressar no curso de Jornalismo e me formar na área", diz.

O Miss Mundo é um dos principais concursos de beleza do planeta. Comandado pela Miss World Organisation, que também realiza o Mister World, ele faz parte do chamado "grand slam da beleza", onde estão também o Miss Universo, o Miss Supranational, o Miss Grand International e o Miss International. 
 

Top 5

Nigéria, Nyekachi Douglas, 20

Brasil, Elis Miele, 20

Índia, Suman Rao, 21

Jamaica, Toni-Ann Singh, 23

França, Ophély Mézino, 20

 

Top 12

Quênia, Maria Wavinya, 18

Nigéria, Nyekachi Douglas, 20

Brasil, Elis Miele, 20

México, Ashley Alvidrez, 20

Índia, Suman Rao, 21

Nepal, Anushka Shrestha, 23

Filipinas, Michelle Dee, 23

Vietnã, Luong Thuy Linh, 19

Jamaica, Toni-Ann Singh, 23

França, Ophély Mézino, 20

Rússia, Alina Sanko, 20

Ilhas Cook, Tajiya Sahay, 20

Histórico de Conteúdo