TJ-BA economiza R$ 2,1 milhões em energia elétrica e água em 29 meses
Foto: Cláudia Cardozo/ Bahia Notícias

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) registrou uma redução de gastos de energia elétrica, água e esgoto da ordem de R$ 2,1 milhões, nos últimos 29 meses. Somente nos últimos 12 meses, a redução do consumo de energia elétrica foi em torno de 8,98%, o equivalente a uma economia de R$ 908.719. Em relação a utilização de água e esgoto, foi verificada, para o mesmo período, uma redução de 15,11%, totalizando economia de R$ 654 mil.

 

Os dados apresentados são resultantes do trabalho coletivo entre a Secretaria de Planejamento (Seplan), a Secretaria de Administração (Sead) e o Núcleo Socioambiental, com o aprimoramento das ações e boas práticas de sustentabilidade, a partir de opiniões, sugestões e participação contínuas dos seus membros.

 

O Núcleo Socioambiental é destinado ao planejamento, à implementação, ao monitoramento e à avaliação de indicadores de desempenho descritos no art. 11 da Resolução do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) nº 201/2015. Para a Desembargadora Coordenadora, “sustentabilidade não é um ato único, é um processo progressivo e contínuo de reeducação, de mudança de paradigmas, de uso racional e responsável dos recursos naturais, com vistas ao bem comum”.

Histórico de Conteúdo