Quinta, 14 de Março de 2019 - 22:58

'Será solucionado em breve', diz Gesivaldo sobre reajuste de magistrados

por Cláudia Cardozo / Rebeca Menezes

'Será solucionado em breve', diz Gesivaldo sobre reajuste de magistrados
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

O presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), Gesivaldo Britto, disse nesta quinta-feira (14) que a questão do reajuste dos magistrados do estado, como reflexo do aumento recebido por ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), será resolvida "em breve". Apesar dos ministros do STF terem recebido a correção há meses, ainda não há previsão de reajuste para os baianos (saiba mais aqui).

 

"Não conseguiu [resolver a questão], exatamente porque nós estamos buscando uma solução para esse problema, junto com os outros poderes. A Assembleia Legislativa, os tribunais de contas, Ministério Público... Mas isso será solucionado, com certeza, em breve", garantiu o presidente.

 

No ano passado, o Tribunal de Justiça precisou de suplementação para cobrir os gastos do exercício e quase ultrapassou o limite prudencial da Lei de Responsabilidade Fiscal. Por isso, o chefe do Judiciário baiano agradeceu o apoio do governador Rui Costa em relação ao orçamento. "Nós sempre temos conversa com o governador, que é uma pessoa bastante receptiva, muito inteliente e muito colaborativo com o Tribunal de Justiça. Ele não nos deixa faltar recursos. Só não faz mais porque a arrecadação dos impostos na Bahia ainda está patinando em razão da crise que se abateu sobre o Brasil", justificou.


Britto comentou ainda sobre a reunião com os presidentes dos tribunais de justiça de todo o país, que acontece nesta sexta (15), com participação do presidente do STF, ministro Dias Toffoli. "Em todo encontro do colégio de presidentes, nós discutimos a situação de todos os tribunais. E, na medida do possível, o presidente do STF tem se dedicado a resolver esses problemas, porque são muitos. Desde a falta de recursos a outras questões da ordem da prestação jurisdicional. Nós sentimos que o presidente Dias Toffoli fará muita coisa boa pra gente", ponderou.

Histórico de Conteúdo