Sexta, 10 de Agosto de 2018 - 13:00

Curtas e Venenosas

por Natália Comte

Curtas e Venenosas
Sica Freire calou a boca de todo mundo e se oficializou com a Ana Furtado da TV Bahia. Até programa dia de sábado ela garantiu. Fico só na expectativa que não seja um Mosaíco 3.0. Sim, pois aquele “Conexão Bahia” já ocupa o posto de cover do programa de Timbó. Pelas minhas contas, então, só sobrou o horário depois do "Fantástico" para Camila Marinho. A Rainha dos Rodoviários e Metroviários vai virar também a musa do clube da insônia. Jefferson Beltrão dizendo que aceitaria fazer esse perfil “popularesco” na TV Bahia... eu até acredito que nele, mas com certeza seria a versão baiana daquele Fernando do “Bem Estar”. Tem coisas que não adianta forçar. Acredito que Darino será a primeira pessoa que agradecerá por supostas “Fake News”, pois nessa de não assumir a crise, a Aratu vai bem querer mantê-lo em seu time. Isso que eu chamo de virar o jogo sem se mexer. Enquanto isso, Casemiro fica de olho esperando a chance de ter mais espaço na TV. Guerra é guerra. Vamos fazer uma retrospectiva da carreira de Denny nesse um ano de solo: Saiu da Timbalada e o romance com Quitéria exposto pelo ex. Veja mais

Leia mais

Sexta, 03 de Agosto de 2018 - 13:00

Curtas e Venenosas

por Natália Comte

Curtas e Venenosas
Achamos um absurdo o que esse deputado Isidório anda falando da Rainha Mercury. A gente que ela virou militante LGBTABCDEF aos 45 minutos do segundo tempo, mas precisa ser respeitada. A Bahia já foi mais representada, inclusive. Enquanto no “The Voice”, a bancada do axé domina o júri. Esse “Canta Comigo” só tem a Carlinha Cristina. Ela até canta bem, mas sucesso mesmo a gente não acha nem analisando a cadeia hereditária. Ainda estou abismada com as declarações do Substituto do Visconde de Sabugosa. Longe de mim ser moralista - inclusive nem gosto -, porém imaginava que ele era super “Pai, filho e espírito santo”. Inclusive, achei corajoso falar sobre gostar da lambidinha na área fechada para negócio dos homens héteros. Mostrou que sua sexualidade não é frágil. Sorte da mulher dele que pode se divertir sem limites. Meu Inho também é bem seguro de si, eu é que tenho nojo mesmo.

Leia mais

Sexta, 27 de Julho de 2018 - 12:30

Curtas e Venenosas

por Natália Comte

Curtas e Venenosas
Olá, FaNATYcs. Como estão? Aproveitem que seguindo os conselhos das amigas loucas dos signos, entrei em uma fase zen para driblar o mercúrio retrógrado, no qual nem sei o que é, mas todo mundo tá falando... Tô ficando meio por fora das coisas. Bom, nunca imaginei na minha vida que esse tal de Ferrugem, cantor de pagode carioca, seria a maior bilheteria de Salvador e ainda mais na Fonte Nova. Para mim está muito claro que Léo Santana quer uma mulher dona de casa, que cozinha e fique lá para servir. Já Lorena prefere gastar sua quilometragem com o mundo. Certa ela. Rode mesmo, flor. Inspire-se na Mulher Farofa e vá à luta. Toda emissora – e as afiliadas – tem sua Ana Furtado. Veja o caso de Sica Freire. Saiu do posto de âncora do principal noticiário da Rede Bahia para virar tapa buraco de férias dos outros jornalistas. E olhe que de tapar buraco, a Rede Bahia entende. Mas admiro a humildade. Melhor virar reserva do que desempregada. Faria o mesmo, Sica. Pena que meu posto ninguém pega.

Leia mais

Sexta, 20 de Julho de 2018 - 13:00

Curtas e Venenosas

por Natália Comte

Curtas e Venenosas
Essa novela “Segundo Sol” pode até não estar dando audiência, mas dá problemas para a Rede Globo com certeza. Toda hora é uma polêmica nova. A da vez é que decretaram que não se pode comer acarajé com água de coco. Queria só entender onde guardaram a Bíblia do dendê para localizar esse mandamento: ‘Só poderás comer o bolinho sagrado acompanhado da bebida escura, originada da planta da coca, ou uma espécie de bebida amarelada, fruto da cevada”. Amores da Tia Naty, a pessoa come acarajé com o que quiser. Se quiser saborear com chocolate quente, café, suco de jenipapo, que assim seja. Começou a lavagem de roupa suja na TV. Varelão de um lado detonando Jéssica Senra. Já Senra incorporou - pelo menos - a conduta da Rede Bahia e não devolveu no ar, mas descascou nas redes sociais. O ponto dessa história toda é entender que Varela atacou a coleguinha por algo que ela afirma que nunca disse. Checar informação não é mais a base do jornalismo?

Leia mais

Sexta, 13 de Julho de 2018 - 13:00

Curtas e Venenosas

por Natália Comte

Curtas e Venenosas
Estavam sentindo a minha falta, né, FaNATYcs? Aproveitei a época da Copa do Mundo para catar a inveja e o despeito que umas e outras nutrem por mim. Para desespero delas, estou de volta. Tava pensando aqui, depois de ver a apresentação de Ivete no Rock In Rio, que ela, Claudinha Bagunceira e Daniela deveriam se juntar e fazer a versão girls do Alavontê. Caso não tenham gostado do nome, pode ser uma coisa tipo “Panteronas do Axé”. Prevejo sufoco para Jéssica Senra. A audiência está em queda livre. Parece que o povo não comprou as mudanças não. Acho que o santo de Sica Freire é forte, viu? #FicaaDica. Volto a repetir, a TV Bahia perdeu seu público A/B e não agradou a C/D/E. Definitivamente, perderam a mão. Saiba Mais!

Leia mais

Sexta, 29 de Junho de 2018 - 12:30

Curtas e Venenosas

por Natália Comte

Curtas e Venenosas
Olá, FanNATYcs. Como passaram o São João? Estou aproveitando essa fase calma por conta da Copa para dar mais carinho pro meu Inho. Estava sendo muito severa com ele nos últimos tempos. Eu não vi Varelão se referir ao César Santana, que está sendo julgado hoje pelo crime de Paulo Colombiano, como “Meu Compadre César”. Ele é ex-tesoureiro da campanha de Scheila, sua esposa. Tava aqui pensando que se Mick Jagger é o pé frio a nível mundial, no local temos o Substituto do Tuca Fernandes. Sim, não sei se vocês lembram, mas ele que tocou aqui em Salvador no dia do 7 a 1. Agora, quem foi a atração da Barra no primeiro jogo do Brasil que acabou em empate? Só não vê quem não quer. Com isso, segura a dica da tia Naty: Tá querendo derrubar a audiência do vizinho, ou prejudicar aquele amiguinho, contrata um show do Jammil, mas tem que ser em época de Mundial, que o efeito é imediato. Ju Moraes acabou de subir no meu conceito. Foi lá pra Alemanha, vestiu a camisa do Brasil e ainda riu da cara dos alemães com a derrota. Como uma boa baiana não iria arregar com o salsichão. Outra também que precisa de um banho de sal grosso é Claudia Pintadinha. Que ideia foi essa de ressuscitar um dos maiores símbolos da vergonha de 2014? 

Leia mais

Sexta, 15 de Junho de 2018 - 13:30

Curtas e Venenosas

por Natália Comte

Curtas e Venenosas
Depois de algumas semanas brigando com as figurinistas, Jéssica Senra foi elogiada nas redes pelo vestido no dia do aniversário. Estou esperando o post de minha amiga de jornalismo EAD Malu Fontes. Aliás, a mudança na TV Bahia não tá agradando ninguém além de Senra. Nem o público, muito menos os acionistas estão felizes. Soube que a primeira mãe, dona Rusario, anda uma fera com o novo editor que só bate na prefeitura. Se o pênis de Jéssica não tá dando audiência lá, fez sucesso no Bahia Notícias. Quem tá corajoso é Léo Santana após dar uma entrevista dizendo que queria ser o Michael Jackson, sendo que ainda não conseguiu nem virar o Tio Bell ou o Wesley Safadão. Rapaz, todo dia agora é uma briga diferente de Simaria que explode na internet. Um faNATYcs até disse que para cada quilo perdido por conta da doença, ela ganhou um desafeto na música. Achei a brincadeira perversa.

Leia mais

Sexta, 08 de Junho de 2018 - 13:00

Curtas e Venenosas

por Natália Comte

Curtas e Venenosas
Olá, FaNATIcs. Como estão? Por aqui no Reino do Axé nada de muito novo e empolgante - como já acontece há alguns anos. Semana passada estava de folga viajando com meu Inho, mas tudo pago com meu dinheiro, obviamente. Agora voltei, porém as coisas seguem mais calmas que a agenda de muito desaplaudidos por aí. O filho do Visconde de Sabugosa tá mostrando que não herdou a lentidão do pai e a cada semana aparece com alguma mulher nova. No cenário do Axé, por exemplo, soube que primeiro foi a Vina Calmon e agora tá com a Mulher Farofa. Podemos concluir que é de Cheiro que ele gosta. Pela linha evolutiva, estou esperando o dia que ele vai emplacar um trelêlê com Márcia Freire. Confesso que achei que Léo Santana estava só querendo pegar o público LGBT para ele quando fez a música com a drag do momento Gloria Groove. Continuo achando isso, mas admito que a canção é boa. O que mais gosto de Ivetinha é que o caos está comendo no Brasil e ele prova que tá bem servida no trabalho, com os filhos e ainda mostra beijão de língua no marido. Ainda bem que tenho meu Inho que não me deixa sentir inveja.

Leia mais

Sexta, 25 de Maio de 2018 - 13:00

Curtas e Venenosas

por Natália Comte

Curtas e Venenosas
Estou admirando a força de vontade da Rede Bahia em tentar reconquistar a audiência perdida por anos e anos. Prova disso foi a derrubada de NaMaria Braga para entrar um link ao vivo de Jéssica Senra com Rick Ishmael que durou até a chegada de Fátima. Lembram quando disse que pela audiência Jéssica iria emendar o "Jornal da Manhã" com o "Bahia Meio Dia"? Mais uns 30 dias no ar e isso acontece. Porém, como sou a rainha da verdade, tenho que dizer que apesar das medidas a TV Bahia seguiu perdendo para Itapoan. Mas a gente reconhece a dedicação. Manno Góes andava tão sumido que quando resolveu aparecer foi jogando a poeira toda no ventilador. Concordo que o Alavontê só virou o que virou também por causa dele. Além disso, entendo a mágoa ressentida por ter sido expulso só porque queria os trocos dos direitos autorais do Soberano. Até admirava Manno e o achava um pouco intelectual, mas a política e outras coisitas mais o levou a se perder. Por falar em intelectualidade, só respeito um na Bahia: Fernando Guerreiro.

Leia mais

Sexta, 18 de Maio de 2018 - 13:00

Curtas e Venenosas:

por Natália Comte

Curtas e Venenosas:
Fiz algumas considerações do motivo do Estado Islâmico ter desistido em fazer um atentado no Carnaval de Salvador. Com certeza, o principal motivo deve ter sido o preço das passagens, hospedagens, camarotes e os atrasos que o impediu de programar os artefatos. Na semana em que todo mundo virou crítico de novelas devido a estreia de ‘Segundo Sol’, tenho algumas coisinhas a dizer. Vamos analisar o cenário de quem realmente faz/fez sucesso no Axé a nível nacional até hoje. São eles: Ivete, Claudinha Bagaceira, Tio Bell, Visconde de Sabugosa, Daniela, Brown e às vezes Margareth. Não precisa nem ser bom de porcentagem para fazer o cálculo, né? Além do mais, Daniela canta há anos que a cor dessa cidade é ela e o povo segue fechando os olhos e correndo atrás dela no Carnaval. Vai ver o povo da Globo incorporou isso. Levando em consideração que o cantor de Axé frustrado e meio adepto às ervas se inspirou no Visconde de Sabugosa e a própria Deborah Secco disse que está se baseando em Ivete para fazer a vilãzinha trambiqueira, o povo concluiu que o irmão vigarista e salafrário, vivido pelo Vladimir Brichta é o Jesus Sangalo.

Leia mais

Histórico de Conteúdo