Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Sábado, 23 de Janeiro de 2021 - 17:20

Thelma diz que torce por maior representatividade no BBB e fala em quebrar estereótipos

por Beatriz Vilanova | Folhapress

Thelma diz que torce por maior representatividade no BBB e fala em quebrar estereótipos
Foto: Reprodução / G1

Há um ano, Thelma Assis, 36, estava confinada em um quarto de hotel, com um empréstimo feito no banco e ansiosa para iniciar um dos maiores sonhos de sua vida: participar do Big Brother Brasil. A médica estava prestes a entrar em uma emocionante montanha-russa, como ela mesma descreve, e viver um dos três principais momentos de sua vida, junto aos dias de sua formatura e de casamento.

Nascida em São Paulo, Thelminha --apelido pelo qual é conhecida entre amigos-- viu sua vida transformar-se completamente após vencer a 20ª edição do reality da Globo, que lhe garantiu o maior prêmio de R$ 1,5 milhão. Além do dinheiro, ela foi designada para apresentar um quadro no programa É de Casa (Globo) aos sábados, lançou seu próprio programa de entrevistas no YouTube, o Triangulando, e virou garota-propaganda de marcas de beleza e até da Prefeitura de São Paulo.

"Do ponto de vista de milionária, é muito bom poder deitar a cabeça no travesseiro e ficar tranquila em relação ao dinheiro. Mas, na prática, minha vida continua muito parecida com o que era antes. Eu continuo morando no mesmo lugar, tendo as mesmas ideias e sendo muito 'pé no chão'", diz a médica em entrevista ao F5.

Ela conta que atualmente investe o dinheiro do prêmio para poder, após alguns meses, realizar outro sonho: comprar um imóvel próprio. "Para quem já viveu com R$ 300 por mês, como eu já vivi, quando se tem R$ 1,5 milhão, não quer que acabe. Sempre me planejo muito em relação aos meus sonhos, e o financeiro não podia ser diferente", diz.

Um ano após a entrada no reality, e a poucos dias da estreia do BBB 21, Thelma sente-se novamente ansiosa, mas desta vez para assistir ao programa sob outra perspectiva, de saudosismo e mais empatia pelos novos participantes. Antes de conhecer os nomes, ela já torcia pela entrada de um participante da comunidade LGBTQI+ e uma maior representatividade.

O desejo da última campeã já foi em parte realizado, já que entre os 20 competidores anunciados na última terça-feira (19), nove são negros, um número recorde para o reality, que tem tudo para ser um BBBlack neste ano.

"Como mulher negra, digo que essa comunidade tem opressões que acabam muitas vezes se interseccionando com as nossas", diz. "Torço por ver mais mulheres negras ou da comunidade LGBTQI mostrando seu poder, porque o público acaba transportando isso para fora do reality e criando a esperança de uma sociedade mais justa e igual. Que continuemos quebrando os padrões e estereótipos, e levantando bandeiras, mudando um pouco essa sociedade tão machista e preconceituosa que temos".

Como prova desse preconceito, a médica precisou ir a uma delegacia de São Paulo, nesta semana, para denunciar ataques racistas que vem sofrendo pelas redes sociais. "Eu sempre disse que internet não era terra de ninguém. Grande dia. Fogo nos racistas", afirmou ela, que tem sofrido injúrias raciais desde que deixou o reality e já chegou a dizer que sofreu preconceito até dentro do programa.

Única mulher negra da 20ª edição, Thelma protagonizou a única prova de resistência da temporada, que durou mais de 26 horas, momento que ela define como o mais emocionante dentro do programa. Foi nesta prova, diz Thelma, que ela deixou de ser subestimada e mostrou seu potencial.

"Eu não via a hora de ter uma prova de resistência no reality, porque foi o momento que eu escolhi para mostrar minha força. Já passei por diversos momentos da vida que me exigiram força física e mental, que é justamente o que se precisa em uma prova de resistência. Só sairia desta prova desmaiada", lembra.

Com essa trajetória, ela conquistou a torcida de famosos como Anitta, Ludmilla, Bruno Gagliasso, Taís Araújo e Preta Gil --com esses três últimos, a paulista chegou a criar uma amizade à distância após o programa. Desta forma, com 44,1% dos votos, ela foi a única participante "anônima" (do grupo Pipoca) a chegar ao pódio da edição, ao lado das influenciadoras digitais Rafa Kalimann e Manu Gavassi.

As três finalistas, por sinal, mantiveram a amizade criada no programa. A campeã diz que troca mensagens quase diariamente com as duas amigas, com quem divide suas inseguranças desse "novo mundo de mídia".

"Às vezes parece que já faz mais de um ano [que venci o BBB], de tanta coisa que vivi. Mas parando para pensar, foi tudo muito rápido", conta a médica, que "maratonou" a sua edição em casa, durante a quarentena, enquanto unia seu trabalho ao de seu marido e "braço direito" na comunicação com a imprensa, o fotógrafo Denis Santos.

"De repente, me vi em capas de grandes revistas, dando entrevistas para grandes mídias, representando grandes marcas e fazendo apresentações ao lado de pessoas que admiro, como a Maju Coutinho. Foi um ano de superação de todas as minhas expectativas."

Thelminha também avalia que o confinamento do reality foi muito mais penoso do que o que vive hoje com a pandemia, pois nele não há a possibilidade de falar com amigos e parentes, mesmo que por videochamada. Por causa do sofrimento da família durante a sua participação, especialmente da mãe --que ganhou olheiras e perdeu peso neste período--, ela diz que dificilmente participaria novamente de um reality como esse. "Mas se o Boninho me chamasse para uma festa, com certeza iria", brinca. "As festas são o que o BBB tem de melhor; são sinal de bandeira branca, pelo menos para mim."

A médica garante que tudo o que fez na 20ª edição do Big Brother Brasil foi de forma genuína, e que o clichê "ser você mesmo" foi a sua receita para a vitória. Para ela, é muito mais fácil ser julgado pelo que se é, do que pelo que se finge ser. "Ter inteligência emocional, saber e se agarrar a quem você é e saber a hora certa de se posicionar. É esse o segredo. Sou muito impulsiva e podia ter explodido um milhão de vezes lá, mas temos que escolher as nossas batalhas e dar chances às pessoas, apesar do processo de julgamento diário que parte de nós e dos outros", conclui.

Thiaguinho lamenta morte de parceiro musical: 'Um pedaço de mim se vai'
Foto: Reprodução / Instagram

O cantor Thiaguinho desabafou na manhã deste sábado ao compartilhar a notícia da morte do músico Antenor Marques, que está contigo desde quando iniciou a trajetória musical no Exaltasamba. "Que dor...um pedação de mim se vai", iniciou.

 

"Mas tudo que vivemos desde os meus 19 anos vai ficar guardado aqui no meu coração... Tá doendo tanto, Seu Antenor. Eu nem sei explicar... A gente sentiu que esse era nosso último abraço, né... Só a gente sabe o que a gente sentiu quando se olhou nos olhos esse dia e nos agradecemos", afirmou ao postar uma foto com o amigo.

 

A causa da morte não foi divulgada."Tenho certeza que nesse momento o senhor já está em um ótimo lugar, mas aqui embaixo... Onde eu for, levarei o seu legado... Sua história. Seu neguinho te ama e não sabe como será subir num palco sem sua luz, mas como o senhor sempre dizia... 'o samba na?o pode parar...' Me sinto um dos caras mais privilegiados da história da música brasileira por ter tocado ao seu lado por 18 anos. Que presente de Deus", escreveu. Confira:

 

No final de dezembro do ano passado, o músico tinha feito uma homenagem ao parceiro pelo 75º aniversário dele. "Quando eu entrei no Exalta, ele ja? tocava na banda... Em 2003. Ele seguiu comigo na carreira solo... Eu tenho a honra de tocar ha? 17 anos com o maior músico da história do samba...", declarou-se.

 

O momento foi registrado durante o dia que assistiram juntos o documentário Tardezinha, disponível no Globoplay. "Nessa quarentena, no?s ficamos 8 meses sem se ver... E nosso reencontro, pra assistir o documenta?rio da Tardezinha, foi assim... E eu, que em todos os shows tento demonstrar o amor que sinto por ele, so? consegui dizer obrigado", continuou.

Anitta diz que já transou com outros para namorado ver e dá dicas de sexo anal; confira
Foto: Reprodução / Instagram

A cantora Anitta foi entrevistada pelo youtuber mexicano Luis Torres e deu detalhes de sua vida sexual. A brasileira iniciou explicando como ela funciona no sexo anal. "Pra mim, se você quer conquistar o meu c**inho tem que vir com beijos, me apaixonar. Tenho dicas para dar o c*, mas não para vendê-lo com presentes, eu compro meus próprios presentes", lembrou.

 

"Em primeiro lugar, o que faço é limpar muito bem. Primeiro temos que fazer uma chuca. Como se diz chuca em espanhol?", perguntou, ao se referir a lavagem do ânus. "Nos certificarmos de que estamos livres de riscos, sem perigo de 'passar cheque', como dizemos no Brasil".

 

Depois, indicou que as mulheres usem lubrificantes com o mesmo aplicador utilizado para os cremes vaginais. "Por quê? Porque quando o amiguinho entrar, vai estar sempre molhado. Pode usar com cheiro, com sabor, de morango, sabe? Algodão doce, eu adoro", admitiu.

 

Em relação aos fetiches, a funkeira disse que já transou com outros homens enquanto era assistida por um ex-namorado. "adorei, porque estava apaixonada pelo meu namorado, mas também podia transar com outras pessoas, e meu namorado adorava. Nossa! Isso foi mara! Foi uma delícia. Eu não estava sozinha, ele estava olhando tudo". Assista:

 

 Após associar pessoas negras a mau cheiro, influenciadora pede perdão: 'Amo os negros'
Foto: Reprodução / Instagram

A influenciadora digital Isadora Farias virou assunto nas redes sociais após associar mau cheiro das axilas a pessoas negras. Após ser acusada de racismo, apagou vídeo e resolveu pedir perdão a quem se sentiu ofendido.

"Antes de falar qualquer coisa eu quero pedir perdão, que é mais do que desculpas, para todas as pessoas que se sentiram ofendidas com aquilo que eu falei. Eu não sou essa pessoa racista, eu amo os negros, eu amo todas as pessoas e trato as pessoas com igualdade", começou.

Na sequência, disse que convive com negros no dia a dia. "Eu tenho amigos negros, colegas de trabalho negros, convivo com pessoas negras e por isso quero deixar mais uma vez registrado as minhas sinceras desculpas por esse mal-entendido", comentou.

Na polêmica em questão, ela disse que tinha odor forte nas axilas e que precisava comprar um desodorante melhor. Porém, acabou sendo rotulada como racista pela fala.

 

"Quem me segue há mais tempo sabe que eu tenho sério problema com cecê, eu tenho que passar desodorante bom. Inclusive às vezes eu compro de pele morena a negra porque o negócio aqui é punk", falou Isadora Farias. Veja:
 


 

Nas redes sociais, o termo IsadoraFariasRacista ficou entre os temas mais comentados dos últimos dias. "Racista sempre se defende da mesma maneira, né? O pronunciamento da Isadora Farias foi basicamente: 'Não sou racista, tenho até amigos negros'", disse uma seguidora.

Ao portal NSC Total, a a dermatologista Cláudia Camargo explicou que existem características diferentes entre a pele negra e branca, mas que não há ligação alguma com odores desagradáveis, sendo assim um comportamento racista fazer esse tipo de associação.

Sábado, 23 de Janeiro de 2021 - 09:00

Beth Goulart revê vídeos de Nicette Bruno e chora de saudade: 'Queria ela aqui'

por Folhapress

Beth Goulart revê vídeos de Nicette Bruno e chora de saudade: 'Queria ela aqui'
Foto: Reprodução / Instagram

A atriz Beth Goulart, 59, voltou a falar da mãe, a atriz Nicette Bruno, que morreu aos 87 anos vítima de complicações da Covid-19.

"É difícil, viu? Tem dias que são difíceis. Tem dias que a saudade é muito forte. Ontem eu vi muitos vídeos da minha mãe. Relembrei nossa parceria e como nós éramos tão ligadas. Está chegando o meu aniversário. Queria muito que ela tivesse aqui comigo", começou.

Em outro trecho do vídeo, a atriz diz que há dias em que queria ouvir a voz da mãe e ver seu sorrido de novo. A artista diz sentir falta da energia e da alegria que ela tinha.

"Ela tinha essa inocência da criança. Isso é tão lindo. É o que tem de mais puro. A criança abre os olhos para a vida e não julga nada, não tem preconceito. Ela é leve e pura, e a senhora era assim, tinha a pureza dos anjos e das crianças. Estou com muita saudade", encerrou.
 

Nicette Bruno morreu dia 20 de dezembro de 2020, por complicações da Covid-19. Ela estava internada na Casa de Saúde São José, no Rio de Janeiro, desde 29 de novembro, dia em que sua filha, a também atriz Beth Goulart, pediu orações para a mãe.

Por trás de sua longeva história no teatro e na televisão e da extensa galeria de personagens que formou em mais de 70 anos de carreira, reside a mulher determinada que tão cedo, antes da maioridade, produziu peças e administrou companhias.

Filha de artistas, Nicette Xavier Miessa nasceu em Niterói e estudou piano na infância. Com quatro anos, participou de um programa infantil de rádio, sua estreia. Entre seus primeiros papéis no teatro, ainda na fase amadora, está Julieta, protagonista da peça "Romeu e Julieta", de William Shakespeare.

O corpo da atriz foi velado na manhã desta segunda-feira (21) no Cemitério da Penitência, no Caju, no Rio. A cerimônia foi fechada a amigos e familiares. A cremação aconteceu por volta das 13h30.

Associação diz que setor criativo é preterido e pleiteia isenção de impostos para retomada
Abape quer propor projeto para ocupar Concha e TCA | Foto: Paulo Henrique

Com quase um ano de decretos municipais e estaduais que inviabilizam grande parte dos eventos e atividades culturais na Bahia em virtude da pandemia do novo coronavírus, empresários têm se mobilizado para sensibilizar o poder público e a sociedade civil a respeito do impacto econômico e social da paralisação do setor.

 

Segundo o presidente da Associação Baiana das Produtoras de Eventos (Abape), Moacyr Villas Boas, ainda não existem dados estaduais consolidados pelo fato da entidade ter sido criada recentemente, em dezembro de 2020 (clique aqui e saiba mais). Mas aponta, entretanto, que em nível nacional, de acordo com a Associação Brasileira de Empresas de Eventos (Abeoc) e o Sebrae, o setor que movimenta mais de R$ 936 bilhões - equivalente a 12,93% do PIB do Brasil - teve 98% de seus trabalhadores prejudicados pela pandemia. 

 

“Nosso objetivo é bater na porta, literalmente, de todos os gestores públicos que direta ou indiretamente trabalham na área de cultura e entretenimento. E nossa ideia, neste momento, é abrir um canal de diálogo com as partes, pra que a gente possa ajudar na construção de um plano de retomada”, explica Moacyr Villas Boas, que diz fazer questão de frisar o caráter não negacionista da Abape. “A gente entende a gravidade e que as medidas que estão sendo tomadas pelas autoridades, de fato, são necessárias. Mas, ao mesmo tempo, entendemos que a gestão pública, de forma geral nas três esferas - municipal, estadual e federal - já falhou no enfrentamento da pandemia com a categoria. Isso é fato”, pondera. 

 

Citando o fechamento da Ford, que gerou forte comoção no país, Villas Boas observa que não existe a mesma sensibilidade com relação aos prejuízos do setor cultural e de eventos. “Se formos falar de economia, dados do Sebrae indicam que indústria de entretenimento e eventos emprega muito mais que a automobilística. É uma indústria parada há 11 meses, mas não há a mesma empatia por parte da sociedade”, provoca. 

 

Além disso, ele questiona a disparidade de tratamento entre sua área de atuação e outras. “A gente percebe que muitas vezes há uma falta de reconhecimento dos governantes com relação a nossa categoria. É como se alguns setores da economia fossem mais preteridos. Por exemplo, eu não consigo entender por que templos religiosos podem funcionar e eventos de pequeno porte com a mesma capacidade não”, compara. “A gente não entende como é que nos aeroportos os aviões estão lotados, sem seguir qualquer medida de distanciamento, nos transportes públicos e no comércio a mesma coisa, e, no entanto, os profissionais de cultura não podem trabalhar”, critica o presidente da Abape, convencido da necessidade de mostrar ao poder público e à sociedade “que existe toda uma cadeia de profissionais que estão diretamente prejudicados e passando necessidade”.

 


O presidente da Apabe é proprietário da Allcance Produções | Foto: Divulgação

 

Empenhado nessa “missão”, Moacyr Villas Boas conta que desde dezembro conversa informalmente com o prefeito Bruno Reis e que nesta semana esteve com o titular da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), Fábio Mota. “A reunião foi muito positiva, a prefeitura está totalmente aberta e disposta a dialogar conosco. E aí ficamos com dois deveres de casa: apresentarmos a proposta de um evento modelo seguro que possa ser replicado e também estudarmos, junto com eles, um projeto de lei que possa ser apresentado à Câmara para votação, que isente ou desonere a categoria no que se refere a impostos, pelo menos durante um tempo, para que o setor possa respirar”, adianta o presidente da Abape, informando que já tem reuniões agendadas também com a Empresa Salvador Turismo (Saltur) e a Fundação Gregório de Mattos (FGM), ambas vinculadas à Secult municipal.

 

Para o evento teste negociado com a prefeitura, ele revela que a aposta do setor é o modelo lounge, semelhante ao que foi praticado em termos de drive-in na capital baiana. A ideia é reunir pequenos grupos separados por grades, mas sem carros. “Elas assistem do lado de fora, separadas por grupos, seguindo todos os protocolos, com distanciamento”, explica.

 

Se com a gestão municipal Moacyr garante ter tido total abertura ao diálogo, com o governo do estado ele diz não ter a mesma receptividade. “O que eu posso dizer é que nesse quesito a prefeitura tem abraçado muito mais a classe do que o estado. Isso você pode deixar bem claro, porque é bom que eles saibam”, dispara. Ele alega que desde 2020 vinha conversando informalmente com representantes do governo, a exemplo da secretária de Cultura, Arany Santana, e o diretor da Bahiatursa, Diogo Medrado, mas que até então nada evoluiu.

 

Villas Boas conta que há cerca de duas semanas empresários ligados ao Carnaval conseguiram se reunir com o governador Rui Costa, mas reiterou que este grupo não representa toda a classe. “Fato é que quando tomamos conhecimento da reunião capitaneada por Diogo Medrado, começamos a fazer contato com ele para participar. Ele justificou que naquele momento não cabia, porque era uma reunião específica de alguns empresários que haviam solicitado já há algum tempo, e pediu que enviássemos nosso ofício para pleitear a nossa audiência”, relata. 

 

Ele diz que diante da negativa e ao saber que o governo tem trabalhado na criação de uma comissão para estudar um plano de retomada para o estado, envolvendo gestores de cultura, de saúde e sanitários, além de pessoas ligadas à área de cultura e entretenimento, a Abape formalizou a solicitação, para não ficar de fora desta discussão. 

 

“Enviamos no dia 13 de janeiro para o gabinete do governador, para o próprio Diogo Medrado, na Bahiatursa, para Arany Santana, que inclusive também se mostrou bastante receptiva. A gente deve marcar reunião com ela muito em breve. No entanto, nós fazemos questão de uma reunião com o governador, nós achamos que é muito importante”, insiste o empresário. 

 

Até então, a associação aguarda um posicionamento do executivo estadual, para quem pretende sugerir iniciativas envolvendo o Complexo Teatro Castro Alves. “A gente quer apresentar uma proposta para realização de eventos na Concha Acústica e no Teatro Castro Alves com capacidade reduzida, distanciamento, seguindo os protocolos”, explica Moacyr Villas Boas, acrescentando que a ideia é solicitar também isenção do pagamento da pauta para ocupação destes espaços, com o objetivo de minimizar os impactos para o setor de entretenimento, na retomada das atividades. Isto porque os custos operacionais dos eventos com capacidade reduzida e protocolos sanitários mais rígidos são mais elevados.

 

“A partir do momento que a gente conseguir desenhar e fazer esses eventos teste mostrando que não houve impacto negativo [referente às contaminações pelo novo coronavírus], isso vai gerar segurança para que os demais espaços da Bahia também voltem a funcionar seguindo os mesmos parâmetros”, prevê.

Sábado, 23 de Janeiro de 2021 - 00:00

Claudia revela que desejo de fazer projeto com Ivete é antigo: 'Muito clara nossa missão'

por Junior Moreira Bordalo/ Clara Abbud

Claudia revela que desejo de fazer projeto com Ivete é antigo: 'Muito clara nossa missão'
Foto: Divulgação

O axé sempre foi um campo visto com rivalidade, mas muitas vezes nos bastidores também havia amizades e desejo de crescimento. Por conta da pandemia e o cancelamento do carnaval, Claudia Leitte e Ivete Sangalo se uniram para realizar uma live no dia 13 de fevereiro e poder trazer a festa para dentro de casa dos foliões de forma segura. 


Em entrevista ao Bahia Notícias, Claudinha deu detalhes da sua expectativa para a festa momesca, seu projeto com Veveta e como a live vai acontecer. 


Em relação ao seu projeto com Ivete, a cantora explica que já era um desejo anterior e agora pode ser colocado em prática: “A gente vem falando sobre fazer alguma coisa juntas faz tempo. É muito clara nossa missão de levar alegria para as pessoas através da música. O carnaval é uma data onde a gente é muito feliz fazendo o que faz, apesar de estar passando por essa situação difícil. É muito justo compartilhar o melhor que a gente tem com as pessoas nessa época do ano.”


A cantora conta que sua expectativa para a chegada da vacina está lá em cima, principalmente pela saúde das pessoas: “A gente precisa de saúde pra trabalhar, saúde pra fazer qualquer coisa na vida. Há o desejo de retornar, claro, mas a preocupação é mesmo com o bem estar do próximo.”


Todo ano a folia anuncia as famosas músicas do carnaval, porém mesmo sem a festa ao vivo, alguns cantores já mostraram o que têm de melhor para o verão. Com Claudia Leitte não foi diferente: a cantora lançou um novo EP, chamado de “Sol a Sol”. 


“É um EP com quatro faixas que trazem uma sonoridade positiva, feliz... alto astral mesmo! Acredito que a música tem o poder de melhorar o nosso humor, o nosso dia, e isso tornou-se ainda mais necessário nos últimos tempos”, explica a baiana. 


Em relação à saudade deixada pela folia, a cantora é categórica: “Faz falta. Principalmente nesta época, que estaríamos às vésperas do carnaval. O trio é símbolo da nossa folia, puxa toda a multidão, agita a galera. O carnaval como um todo vai deixar esse espaço em aberto. Mas é preciso atenção! Agora é se cuidar e estarmos todos seguros!”, pondera a artista. 


Apesar do carnaval ser um setor de diversão, também traz um lucro alto em turismo e cadeia de produção na cidade de Salvador. Diante disso, pessoas que se beneficiavam da folia estão sem emprego. “É uma crise geral, infelizmente afetou vários setores. A gente vive de arrastar multidões, música é isso, e a paralisação afeta a todos. Foi preciso se reinventar nestes últimos meses. No caso do carnaval, que é um evento massivo, o impacto é direto também”, explica Claudinha.  

 

Com a espera da liberação da vacina e a contenção sofrida na capital baiana, o setor de eventos tem vivído momentos críticos.  Em janeiro de 2020, a cidade já fervilhava de ensaios e estava preparada para receber os visitantes para o Carnaval. No mês de fevereiro 16,5 milhões de pessoas circularam pelas ruas de Salvador. Diante deste contexto e da perda de mais de 1 bilhão de receitas não realizadas, o carnaval precisou se reinventar. Desta forma, alguns blocos afros procuraram formas de fazer uma receita na folia momesca (leia aqui) 

Sábado, 23 de Janeiro de 2021 - 00:00

Felipe Araújo destaca papel dos artistas na pandemia: 'É de se reconhecer esse esforço'

por Júnior Moreira Bordalo

Felipe Araújo destaca papel dos artistas na pandemia: 'É de se reconhecer esse esforço'
Foto: Divulgação

Com mais de 1,4 milhão de seguidores no Facebook, 8,2 milhões no Instagram, 4,9 milhões de inscritos no YouTube e 3,9 milhões de ouvintes mensais no Spotify, o cantor Felipe Araújo segue sendo um dos maiores nomes da música sertaneja da atualidade. Se em janeiro de 2018 - quando esteve na redação do Bahia Notícias - ele mostrou ansiedade com a possibilidade de comandar um show pela primeira vez em Salvador (veja aqui), agora vibrou ao relembrar a história que construiu ao longo desse intervalo.

 

“Acredito que algumas músicas que vieram nesse caminho, com certeza, alteraram bastante minha vida. Já estava tocando bem, mas em julho daquele ano gravei ‘Atrasadinha’ [parceria com Ferrugem] e foi um grande sucesso. Muito grato a Deus por tê-la colocado em meu caminho, porque no ano de 2019 pude conquistar alguns prêmios, que até então eram coisas de outro mundo, como a Música do Ano no Domingão do Faustão, Caldeirão do Huck, Prêmio Multishow... enfim, gratificante e surpreendente”, relembrou.

 

Filho da baiana Neusania Ana Nascimento, ele considerou que a sua relação com a Terra do Axé - além de um traço da “própria genética” - foi fortalecida. “O que mais amo aqui é o povo, o público mesmo. São festeiros. Morrendo de saudades de fazer show aqui. Pude vir no Carnaval em 2020, conheci a rainha Ivete Sangalo e pude ver de perto como esse evento é maravilhoso. O povo baiano é o que amo com certeza”, reforçou.

 

Porém, se naquela época seus admiradores “clamavam” por mais interação nas redes sociais, três anos depois - apesar do esforço do músico - pouca coisa mudou. “Na verdade, estou melhor, mas mesmo assim os fãs ainda me cobram. No final do ano, estava gravando meu novo EP e eu fiquei muito focado, já que não consigo fazer duas coisas ao mesmo tempo, aí esqueci de fazer os stories, eles cobraram... mas vou me adaptando”, amenizou.

 

Diferente da outra vez, Felipe está em Salvador para processo apenas de divulgação com os veículos do Nordeste, já que shows ainda estão suspensos por conta da pandemia da Covid-19. Em dezembro de 2020, ele lançou a música “Você não Vale” em parceria com Japinha da banda alagoana Conde do Forró, que faz sucesso com a pisadinha. O single dos dois já acumula quase 10 milhões de visualizações só no YouTube.

 

“É uma música que gosto demais. A Japinha é uma menina maravilhosa, grande cantora, super talento. O feedback tem sido muito legal”, afirmou. O sertanejo explicou que já vinha acompanhando o movimento do piseiro aqui da região. “Na verdade, Japinha lançou a música ‘Romance Desapegado’ em agosto, se não me engano. E logo no início de outubro fiz o convite. Achei uma artista de muita personalidade e transparência. Percebi que seria um grande sucesso”, confessou.

 

O vídeo conta com participação da atriz Lívia Aragão, filha do humorista Renato Aragão, que ficou famosa ao atuar em diversos filmes do pai. Quanto a isso, o cantor não escondeu o nervosismo. “Sou um péssimo ator. Fiquei na média no clipe, porque conversei com ela. Muito gente boa, parceira, humilde. Falei a ela que fiquei feliz por ela ter aceitado porque a gente conhece ela desde pequena. Ela é um baita talento. Super parceira”, pontuou. O clipe conta ainda com os atores Rainer Cadete e Sill Esteves.  Veja:

PROVAÇÕES NA PANDEMIA

Como dito, sua passagem pela Bahia está sendo sem o contato com o público por conta da permanência do estado pandêmico no País, potencializado neste início de 2021 após alta dos casos. Ao logo desse tempo, Felipe dedicou-se a produzir material que será disponibilizado futuramente com os fãs, a exemplo do seu próximo EP, que sairá em fevereiro, dividido em duas partes. “Está vindo muita música bacana por aí. Gravei este final de semana em São Paulo os clipes”, adiantou. O músico contou ainda que tem um outro projeto basicamente pronto em que unirá futebol, pagode e sertanejo. “Vai ser um documentário unindo tudo isso, as maiores paixões do Brasil”, definiu. O projeto terá participações de artistas do pagode e jogadores.

 

Além disso, ele pôde viver mais o “ambiente familiar” ao longo desse tempo. “Tá sendo um período de aprendizado, desafios para o mundo inteiro. Não vai ter ninguém que não irá se lembrar de 2020 e algo que aprendeu. Está sendo muito bacana aproveitar mais a família, pude refletir sobre a vida. Esses são os lados bons de tudo isso. Estou com saudade de fazer shows, quero muito voltar, mas lá na frente a gente vai entender o que está acontecendo”, acredita.

 

Por “aproveitar mais família” pode-se entender, no seu caso, como um teste de casamento também, já que iniciou o relacionamento com a modelo Estella Defant pouco antes de tudo parar por conta do novo coronavírus. “Casal que sobreviver à pandemia pode ficar para sempre junto (risos). Vimos o tanto de gente que se separou e que não imaginávamos que aconteceria. Começamos a namorar em janeiro de 2020, estávamos nos conhecendo, e logo veio a pandemia. Mas, graças a Deus, estamos firmes. Um ano de pandemia é quase bodas de ouro”, brincou ao fazer a equivalência com a celebração de 50 anos de um casamento.

 

Se de um lado se fortaleceu no relacionamento, por outro ele lidou com a morte de pessoas próximas, assim como milhares de brasileiros. Um desses casos foi o seu Francisco Camargo (veja aqui), pai de Zezé di Camargo e Luciano. Amigo pessoal da família e fã da história, Felipe, inclusive, se inscreveu para participar do filme “Dois Filhos de Francisco”, sucesso do cinema brasileiro de 2005 que narrou a ascensão da dupla sertaneja. “Sempre me inspirou. Sinônimo de exemplo para mim, para meu pai, irmão (Cristiano Araújo - morto em 2015). Temos o Zezé di Camargo e Luciano como ídolos da carreira. Seu Francisco é um herói para nação brasileira, imagino. Um cara que lutou pelos sonhos dele e dos filhos. Trabalhou como boa parte do povo brasileiro, enfrentando todos os desafios. A história dele é muito bonita. Meu pai sempre fez tudo pelos filhos também. Sempre lutou e fez de um tudo para nós”, detalhou.  

 

Baseado nessa inspiração de vida e diante do caos instalado no País, o músico defendeu que a responsabilidade dos artista é poder levar entretenimento para as pessoas. “No começo dessa pandemia, quando todos estavam em casa, apreensivos, acho que os artistas assumiram um papel muito bacana, levando alegria para pessoas e podendo ajudar quem estava passando por necessidades. O movimento das lives, que começou com o Gusttavo Lima e abriu os olhos de todos, [...] as doações arrecadas ajudaram muitas pessoas. Pude fazer também e arrecadamos mais de 200 toneladas de alimentos. É de se reconhecer esse esforço da nossa classe”, afirmou. Assista à entrevista completa:

Sexta, 22 de Janeiro de 2021 - 22:00

Luciano Huck deve anunciar saída da Globo no meio de 2021

Luciano Huck deve anunciar saída da Globo no meio de 2021
Foto: Reprodução/ Instagram

Luciano Huck já tem uma data para deixar a TV Globo e iniciar sua campanha presidencial na eleição de 2022. De acordo com informações da Contigo!, o apresentador se afasta do seu programa no meio de 2021 para se filiar ao DEM (Democratas), partido do atual presidente da câmara. 

 

Ainda de acordo com a publicação, o nome cogitado para ser o vice-presidente da chapa de Huck é o atual governador do Rio Grande do Sul. 

 

Em Setembro de 2020, a Globo emitiu nota em relação a situação: “Diante das especulações de que seria candidato, a Globo o procurou para saber se de fato ele concorreria à Presidência e enfatizar que, se assim fosse, teria de se submeter às regras da emissora, segundo as quais a vida político-partidária é incompatível com a permanência nos quadros da Globo, mesmo depois do processo eleitoral. Tais regras estão em vigor e são válidas para todos os talentos da emissora. E visam a resguardar a postura de completa isenção da Globo. Na conversa, como a emissora esperava, Luciano Huck foi franco, correto e aderente às regras mencionadas”, disse o canal ao jornalista Tales Faria, do UOL.
 

Sexta, 22 de Janeiro de 2021 - 21:00

Whindersson Nunes perde dente em treino na academia

Whindersson Nunes perde dente em treino na academia
Foto: Reprodução/ Instagram

Whindersson Nunes leva as situações mais exdruxulas com humor. O artista quebrou sua lente de contato do dente da frente em treino na academia e mostrou a situação para os fãs, tirando sarro nas redes sociais. 

 

“Whindersson Nunes perde tudo. Veja como ele está hoje em dia”, brincou ele na legenda da publicação nas redes sociais.

 

O humorista se mostrou bastante engajado em relação a falta de oxigênio em Manaus. Depois de mobilizar vários artistas, ele publicou uma foto de 217 cilindros de oxigênio que foram enviados para Manaus, na manhã de terça-feira (19) (relembre aqui)

 

Participante do BBB21 é cancelada e perde conta no Twitter
Foto: Reprodução/ Instagram

Uma das participantes do grupo Pipoca do BBB21, a DJ Baiana, Lumena, mal foi apresentada ao público e já teve sua conta do Twitter derrubada. Isso aconteceu por causa dos fãs do casal da Fazenda e Power Couple Brasil, Hariany e Lucas Viana, que costumavam usar o emoji da flecha para simbolizar o relacionamento dos dois. 

 

“Um fandom intitulado ‘Luriany’ nos acusa de ter roubado o emoji deles e no dia 21 de janeiro de 2021 se articulou para derrubar o perfil oficial do Twitter da Lumena. Ao que parece, é um fandom de um casal branco, hétero, cis”, publicou o perfil de Lumena no Instagram.

 

“Eles defendem que ‘Flecha é Luriany’ e insistem em querer que a gente não utilize nas redes de Lumena. Para isso, atacam e proferem ameaças de diversas formas”, completou a publicação.

 

Após a repercussão da situação no Twitter, a Hariany se pronunciou: “Gente, acaba de chegar ao meu conhecimento que tem torcida brigando por emoji e que derrubaram a conta de uma participante do BBB21 por causa disso. Eu honestamente não compactuo com isso, sou a primeira a falar que a gente precisa de paz e superar as coisas. É só um emoji, parem”, pediu.

Sexta, 22 de Janeiro de 2021 - 19:00

Empresários são indiciados por agredir Henri Castelli

Empresários são indiciados por agredir Henri Castelli
Foto: Reprodução/ Instagram

O caso de agressão envolvendo o ator Henri Castelli já está perto de um desfecho. Os empresários que haviam supostamente agredido o artista, Bernardo Malta e Guilherme Accioly,  foram indiciados pela Polícia Civil do Alagoas por lesão grave, mas apenas um laudo após 30 dias poderá confirmar a gravidade.

 

De acordo com informações da Uol, o advogado dos réus contou que, na realidade, Henri Castelli teria começado a briga e que ele havia chegado alterado na festa onde tudo aconteceu. "Ele foi para cima do Guilherme e foi gerada uma situação desnecessária. Quando o Henri Castelli deu um soco no Bernardo pegou no Guilherme e ele teve um derrame no olho. Temos testemunhas, esposas e marinheiros que viram a cena". 
 

Sexta, 22 de Janeiro de 2021 - 18:00

Filipe Ret é preso por porte de drogas no Rio de Janeiro

Filipe Ret é preso por porte de drogas no Rio de Janeiro
Foto: Reprodução/ Instagram

Na noite da última quinta-feira (21), o rapper Filipe Ret foi preso em uma operação Polícial Rodoviária no Rio de Janeiro. De acordo com o jornal Correio, ele estava no litoral carioca com um carro de luxo e uma certa quantidade de maconha. 


Ainda de acordo com o jornal, o cantor relatou que a droga era para seu próprio uso. A quantidade exata que ele estava portando não foi revelada.  Fãs do rapper disseram que já estão com "o pano pronto para passar".

 

Um amigo do rapper, identificado como Anezzi, lamentou a prisão dele "Tô boladão, Filipe Ret foi preso, tomar no c*!", escreveu ele, nas redes sociais.
 

MC Marcinho está internado com inflamação severa nos ossos
Foto: Reprodução/ Instagram

Após internação por Covid-19, o MC Marcinho de 43 anos, está com uma inflamação severa nos ossos. A informação veio a público na última quinta-feira (21), após comunicado da assessoria do cantor no Instagram. 


"Comunicado importante. Prezados amigos, fãs, parceiros e contratantes, informamos que nosso querido MC Marcinho encontra-se internado desde o dia 14 de janeiro em um hospital no Rio de Janeiro por conta de uma inflamação severa nos ossos causada por uma infecção (problema já pré-existente), que necessitou de cirurgia e cuidados novamente, impossibilitando assim o mesmo de honrar com seus compromissos de agenda por tempo indeterminado", iniciou a nota.

 

"Tão logo tenhamos uma atualização médica, compartilharemos com vocês. Desde já agradecemos a compreensão, orações e manifestações de carinho pela recuperação do nosso príncipe do funk. Atenciosamente, Equipe MC Marcinho", concluiu. 

 

Sexta, 22 de Janeiro de 2021 - 16:00

Felipe Castanhari diz que Marcius Melhem quer censurar quem apoia Dani Calabresa

por Folhapress

Felipe Castanhari diz que Marcius Melhem quer censurar quem apoia Dani Calabresa
Foto: Reprodução / Instagram

Felipe Castanhari, 31, afirmou nesta quinta (20) que Marcius Melhem, 48, está tentando censurar todos os artistas que se pronunciam em defesa de Dani Calabresa. Em publicação no Instagram, o apresentador e influenciador também voltou a chamar o ex-diretor da Globo de assediador, e disse que não irá se calar.

"Eles, os assediadores, usam de intimidação para amedrontar não só as vítimas, mas qualquer um que ouse demonstrar apoio a elas. Não se engane, Marcius Melhem, essa tentativa pífia de censura e intimidação só me fez ter ainda mais certeza do tipo de pessoa que você é. NÃO SEREI AMEDRONTADO!", escreveu.

Castanhari se manifestou após a Justiça de São Paulo negar pedido da defesa de Melhem para que o influenciador apagasse uma segunda publicação em defesa de Dani Calabrasa. Segundo decisão da juíza Ana Luiza Madeiro Cruz Eserian, do Tribunal de Justiça de São Paulo, no post em questão Castanhari "buscou apenas manifestar apoio a uma colega, externando sua sensação de revolta diante dos fatos veiculados pela mídia em notícias envolvendo o nome do autor [Melhem], sem, contudo, mencioná-lo expressamente".

"Não é possível identificar na postagem em debate conteúdo que extrapole o direito de livre manifestação constitucionalmente assegurado ao requerido", escreve a juíza.

A magistrada escreveu ainda que o caso é diferente de publicação analisada anteriormente, em que a Justiça determinou que o influenciador apagasse mensagem que publicou em seu perfil no Twitter em que chamava o ex-diretor da Globo de "criminoso", "escroto" e "assediador".
 

"Marcius Melhem falha em sua tentativa patética de CENSURA. Não satisfeito em me processar, por causa de um tuíte em que defendia a Dani, o sujeito ainda está tentando calar TODO MUNDO que se pronunciou em defesa dela", escreveu Castanhari no Instagram. Danilo Gentili, Rafinha Bastos e Marcos Veras também são alvos de ações judiciais da defesa do ator e ex-diretor, além de Dani Calabresa. Decisão judicial determinou, inclusive, que Rafinha Bastos apague três publicações que fez sobre o caso.

Melhem foi denunciado por atrizes da TV Globo por assédio sexual e moral. Elas procuraram o compliance da empresa e algumas já prestaram depoimento na Ouvidoria das Mulheres no Conselho Nacional do Ministério Público. Mas não existe ainda uma ação na Justiça contra ele.

"Minha total solidariedade a todas as mulheres (são várias!) vítimas do assédio dele. Você, Melhem, pode tentar me processar por este post também. Quando eu ganhar, farei outra publicação esfregando isso nessa sua cara sem graça. Lembrem-se desta frase: A imposição do silêncio é uma das principais armas de um assediador", conclui. Procurada, a defesa de Melhem não se manifestou até a conclusão deste texto.

Com produção de Davi Morais, Banda Jammil lança música Amar é Massa; confira
Foto: Divulgação

A banda Jammil lançou nesta sexta-feira (22) a música “Amar é Massa”, sua nova aposta, nas plataformas de streaming. Essa é a segunda canção com Rafael Barreto nos vocais, já que assumiu o grupo após saída de Levi Lima. A primeira foi a "Dona de Si" (veja aqui)

 

Composta por Manno Góes e Rafael, a faixa contou com a luxuosa produção musical de Davi Moraes e a presença de músicos na faixa como Alexandre Kassin, Guto Wirtti, Cesinha (baterista), Flávio Morgade e Mauro Araújo. “Estou feliz e ansioso. Com certeza os fãs do Jammil vão curtir a música tanto quanto a gente. E que honra ter Davi Moraes fazendo a produção musical”, conta Rafael. Confira clicando aqui.

'As pessoas estão viajando na maionese', diz Tuca Fernandes sobre descaso com a pandemia
Foto: Reprodução / YouTube

O cantor Tuca Fernandes esteve ao vivo no programa Bahia Notícias no Ar, da rádio Salvador FM, no início da tarde desta sexta-feira (22). Durante o papo com os apresentadores Patrícia Abreu e Maurício Leiro e colunista de entretenimento Júnior Moreira Bordalo, o baiano criticou quem não segue as orientações das organizações de saúde para o combate da Covid-19. "As pessoas estão viajando na maionese".

 

O artista, que comanda neste sábado (23), a partir das 17h30, a transmissão ao vivo para reviver o "We Are Carnaval – BH", festa que já se tornou tradicional no calendário mineiro, falou como está se preparando para a retomada dos eventos, assim que a maioria da população foi vacinada.

 

"Já tem pedidos. Estamos começando a organizar as coisas. Tinha uns quatro, cinco shows fechados em janeiro. Algumas coisas estão adiando para as mesmas datas do ano que vem. Estamos trabalhando para que a gente consiga ter uma previsão de data", confessou reforçando a "insegurança" para fechar um calendário assertivo.

 

Durante esse tempo de quarentena, o músico gravou músicas acústicas, revistou o repertório, fez clipes caseiros com participação dos fãs, outro em homenagem ao pai. "Quando comecei a ver que as coisas estavam demorando demais, que seria mais do que quarenta dias, passei a investir em outras coisas; a trabalhar com vídeos. Sempre tive o sonho de estudar piano e pude fazer agora", admitiu.

Sexta, 22 de Janeiro de 2021 - 13:05

Curtas e venenosas

por Natália Comte

Curtas e venenosas

*Até o final do mês, vou solicitar ao Ferragamo Mayor um aplicativo para organizar as lives dos axezeiros durante o Carnaval;

 

*Algo semelhante ao "Onde está meu trio?", porém com alerta de "Música do Carnaval" para cada início de uma live nova;

 

*Até porque só terá isso para nos distrair nos dias da folia;

 

*Não que eu vá assistir, mas já facilita a vida dos LGBTABCDEFGH que não vão ter um Beco da Off para espalhar seu glitter;

 

*Eles, que são os que movimentam de fato o Carnaval, não terão uma música da Bagaceira com Safadão para dançar no Blow Out;

 

*Ou não vou poder militar e se atracar no Crocodilo com a Rainha Má(la);

 

*Tio Bell mesmo já mandou a real dizendo que não adianta fazer rolêzinho ou arrastão durante seu show festivo lá na Barra;

 

*O veterano assegurou que não vai dar para ver nem ouvir nada. Fiquei curiosa para entender como ele pretende fazer esse isolamento acústico. Poderoso mesmo;

 

*Márcinho Victor não aguentou a pressão e já anunciou live do Carnaval também. Ainda disse que foi uma demanda dos fãs. Hum, tá...;

 

*Quanto ao restante que ainda não se pronunciou sobre lives, minha sugestão é: junta todo mundo e faz um dia só. Assim não sobrecarrega a internet e ainda tem possibilidade de ter um número "ok" de visualizações simultâneas;

 

*Soube que a Bagaceira contou que sempre sonhou em fazer um projeto com Ivetinha. Só faltou dizer que se inspira na "amiga" desde quando era criança;

 

*Seria a cereja para chamar a parceira de "old school". Mas temos consciência de que Ivete sempre foi a maior inspiração de Claudinha;

 

*E que bom que o tempo - necessidade - as juntou em uma live espontânea de Carnaval;

 

*Inclusive, só Ferragamo Mayor iniste na teoria de ter Carnaval conjunto em julho. O Soberano plantou a ideia no povo, criou expectativa e deixou a batata assando para o substituto resolver;

 

*Prova da insistência é que a prefeitura chegou  a estender por mais 12 meses o contrato para a locação de banheiros químicos “para o carnaval, eventos e festas populares”. Pelo menos, a imagem de cidade da "urina" precisa ser mantida;

 

*Se vai ter Carnaval mesmo no meio do ano, a gente ainda não sabe. Mas o Carnatal já confirmou sua data;

 

*Já é um sopro de esperança para alguns que estão sem ganhar nada desde o início da pandemia, tipo a Mulher Farofa;

 

*Por falar nisso, até achei que finalmente teria o momento da virada com os rumores de que entraria no BBB. Poxa, Boninho, eu fiquei aqui na torcida por ela;

 

*Sim, porque caridosa e boa alma que sou, me preocupa ver uma artista que está com a agenda em branco. Seria a oportunidade de virar essa carreira;

 

*Mas quem sabe ela ainda não entra no meio da disputa. Vamos aguardar;

 

*Não é que o Visconde de Sabugosa reapareceu após meses? Mas como de costume, fingiu que nada aconteceu, postou uma música e sumiu;

 

*Pelo menos, deu indícios de que segue no exterior. Só isso justifica para mim a opção de aparecer todo agasalhado;

 

*Será que até hoje ele está tentando encontrar uma forma de voltar para o Brasil? Fica aí o questionamento;

 

*Meu querido Manno Góes parece que ainda não aprendeu a viver em sociedade. A gente pode até ter ímpetos mais agressivos, mas existem condutas que precisam ser preservadas;

 

*A situação para o lado dele já não é das mais favoráveis e ainda fica com discurso de ódio nas redes sociais... está dando o prato cheio para os haters;

 

*Uma coisa é não gostar do Capitão, querer que ele saia do poder etc, outra bem diferente é desejar a morte, queimando dentro de um avião e com os filhos;

 

*É o tipo de coisa que no máximo você pensa sozinho trancado em casa e depois já pede desculpas a si mesmo;

 

*Esses relatos de agressões da ex-mulher de Rodriguinho só mostram que é preciso discutir gênero, associação com raça e recorte social, pois o que mais vemos são exemplos de músicos que agridem suas parceiras;

 

*Se formos olhar o que já aconteceu e acontece nos bastidores musicais aqui do Axé, muito telhado vai desabar;

 

*Sou da teoria que tem que denunciar agressão mesmo. De todos os tipos, inclusive. Meu Inho que se atreva para ele ver o que acontece; 

 

*Não julgo a TV Bahia estar fazendo reciclagem dos profissionais para apresentar as diversas funções da casa;

 

*O Menino Novo do Mosaico quase nem chegou e já foi escalado para cobrir o BBB também. É aquela velha perspectiva de acúmulo de funções disfarçada de "oportunidade e visibilidade";

 

*Precisaremos ver como andam as condições de trabalho para que isso ocorra;

 

*Inclusive, quem vai ficar no comando do Mosaico com a saída de Timbó? Só espero que não seja Maria Menezes. Melhor deixá-la indo visitar os bairros de Salvador pela 8997097ª vez;

 

*Por exemplo, vi Sica Freire fazendo um ao vivo para CNN esses dias, mas é preciso atualizar o modelo do celular. Já tá tão antigo que é capaz de deixá-la na mão no meio do link ao vivo e a gente não quer isso. De jeito nenhum;

 

*Na semana que marca o início da vacinação contra a Covid, entendi as lágrimas de Jel Senra por estar de férias;

 

*Seria a oportunidade de viralizar nas redes sociais com um textão ressaltando a importância da ciência e da pesquisa;

 

*Mas, desta vez, teve que ficar de casa vendo os amigos atuando nesse marco histórico. Força, amiga. #Estamosjuntos

 

*Tomo cada susto com Astrid... esta mesmo achei que fosse um personagem dos Vikings

Saiba quem são as personalidades citadas aqui:

 

Ferragamo Mayor             Bruno Reis 
Bagaceira                          Claudia Leitte
Rainha Má(la)                    Daniela Mercury
Soberano                          ACM Neto
Mulher Farofa                  Alinne Rosa
Visconde                         Saulo Fernandes
Capitão                            Bolsonaro

 

* Mandem sugestões de curtas para o Sabe o que eu acho? Ou me procurem no Facebook: Natália Comte. Para os desesperados, tem a opção de falar comigo pelo e-mail nataliacomte@bahianoticias.com.br.

Cacau Protásio fala de crises no casamento e cita terapia de casal: 'Desgastes diários'
Foto: Reprodução / Instagram

Cacau Protásio, 45, fez um desabafo sobre o casamento com o fotógrafo Janderson Pires. Os dois se casaram em 2015, em cerimônia realizada no Alto da Boa Vista, na zona norte do Rio.

Nas redes sociais, ela contou que a união passou por crises, mas que o casal conseguiu superar as dificuldades. Entre as hashtags, ela usou "terapia de casal".

"Casamento nao e facil", afirmou. "Quando casamos, nao tem uma enciclopedia para nos ensinar como vai ser. Fora que somos pessoas totalmente diferentes, acreditamos em coisas diferentes."

"E nossos sonhos? Às vezes se cruzam e às vezes, nao", comentou. "Fora os desgastes diarios, ai meu Deus, nessa hora eu quero sumir!"

"Bem-vindo ao mundo do casamento", avaliou. "Tem as coisas boas, boas nao maravilhosas, a bêncao de Deus sobre nos, o nosso querer estar junto, a nossa vontade, e as risadas e brincadeiras que so nos fazemos juntos."

"Ai vem tambem: o amor, a parceria, o companheirismo, a torcida, as alegrias, a cumplicidade", enumerou. "E eu hoje escolhi ainda ficar junta, estar casada com voce, Janderson Pires. Tem dia que so Deus... Vamos juntos de maos dadas aprendendo as descobertas do casamento."

Cacau encerrou a publicação com um trecho da música "Laços", de Nando Reis: "O impossível pode acontecer, só amor e capaz de dar a vida e encontrar uma saída pra esperança vir de novo a cada novo amanhecer".

Sexta, 22 de Janeiro de 2021 - 11:40

Bruno evita cancelar Carnaval de Salvador, mas acha difícil festa acontecer em julho

por Jade Coelho / Bruno Luiz

Bruno evita cancelar Carnaval de Salvador, mas acha difícil festa acontecer em julho
Foto: Elias Dantas/ Ag. Haack/ Bahia Notícias

Após o prefeito Eduardo Paes (DEM) dizer que não haverá Carnaval no Rio de Janeiro em 2021 (veja aqui), o prefeito de Salvador, Bruno Reis (DEM), preferiu adotar cautela ao não oficializar o cancelamento da festa este ano. Entretanto, afirmou ser remota a possibilidade de a folia acontecer em julho, como vem sendo cogitado por outras capitais brasileiras. 

 

O prefeito lembrou os atrasos no cronograma de vacinação contra Covid-19, provocados pela falta de doses suficientes para distribuição a estados e municípios, torna improvável a possibilidade de imunização em massa da população soteropolitana até junho, em um prazo no qual seja seja possível planejar o Carnaval para julho. 

 

“Eu prefiro ser mais conservador no posicionamento [de não cancelar o Carnaval]. Mas não tenha dúvidas que Carnaval só poderá ocorrer após imunização em massa, dos 3 milhões de moradores de Salvador serem vacinados. Diante do cenário que hoje está colocado, de cronograma para fornecimento da vacina, da dificuldade de aquisição da vacina, é fácil imunizar todo mundo até o mês de junho pra que a gente pudesse ter 45 dias, dois meses para realizar o Carnaval? Não”, afirmou Bruno.

 

Apesar da tendência, Bruno disse preferir aguardar “o desenrolar dos fatos” para tomar uma decisão. Ele também cogitou a possibilidade de a festa ser realizada mais próxima a fim do ano.

 

“A tendência é o processo de imunização não estar concluso em seis meses. Vai depender da vacina. Por isso, a tendência é que não ocorra em julho. Pode ser em outubro? Pode, mas pode ser que não tenhamos condição de realizar esse ano. Iremos fazer no momento em que for possível fazer”, declarou.

Banda baiana DH8 lança música com Claudia Leitte; ouça 'Tu Tu Tu'
Foto: Divulgação

A cantora Claudia Leitte aceitou participar da música "Tu Tu Tu" da banda baiana DH8, um dos grupos que surgiram no verão de 2020. “Conheci os meninos do DH8 através do som massa deles e me apaixonei! Esses meninos, além de talentosos e baianos, têm uma energia jovem, leve, divertida e sabem trazer tudo isso para música deles de forma muito moderna!”, comentou a artista.

 

O grupo, que já tem parcerias com Psirico e Lincoln & Duas Medidas lançou a canção nesta sexta-feira (22). A faixa é um mix de pop com ritmos baianos. “TU TU TU é uma música que todo mundo da banda e da equipe sempre acreditou muito, desde quando a gente ainda estava escrevendo... e ter Claudinha como parceira nesse projeto foi mais do que uma honra para a gente: foi um sonho! Até hoje é difícil acreditar... A música fala muito de saudade e nada mais adequado pro momento, né?”, questionou Gusta, vocalista da banda.

 

“Nossa maior saudade sem dúvida é poder voltar aos palcos e nos conectarmos com nossos fãs. 2020 foi muito difícil pra todo mundo e ‘TU TU TU’ veio como um presente que nos dá a certeza que esse ano vem com novos ares”, garantiu. A composição é dele com Gustavo Mamede. Ouça:

Bolsonaro chama Bonner de 'cara de pastel' e mentiroso: 'Política externa é excepcional'
Foto: Reprodução / Instagram

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a atacar o apresentador William Bonner, do Jornal Nacional, da TV Globo, nesta quinta-feira (21). De acordo com informações do Metrópoles, ele chamou o comunicador de "mentiroso" e "cara de pastel" ao rebater a relação com Índia e China. "Nossa política externa é excepcional", disse.

 

A declaração foi feita durante a transmissão ao vivo nas redes sociais que o presidente faz todas as quintas-feiras. Bolsonaro criticou a edição do telejornal exibido nesta semana, na qual Bonner diz que, atualmente, o Brasil depende da Índia para receber as doses da vacina de Oxford e depende também da China para receber a matéria-prima necessária para produzir o imunizante em solo brasileiro.

 

De acordo com a fala do comunicador, a situação do Brasil “não é confortável”, uma vez que a diplomacia do governo teria ocasionado situações que “minaram” a relação do país com a Índia e a China.

 

“Não vou entrar no mérito desta questão aqui. William Bonner dizendo, no Jornal Nacional, que eu e o Ernesto, nós minamos o nosso relacionamento com Índia e China. […] [Temos] Um excelente relacionamento e nada mudou. Nada mudou e o Bonner vem mentir no Jornal Nacional? Com aquela cara de pastel dele, com cara de quem é sempre o último a saber”, rebateu.

 

O político disse ainda que os impasses são questões "burocráticas". "O interesse que o mundo tem no Brasil e nós temos na Índia. Um excelente relacionamento. A questão da China, mesma coisa. Os números não mentem. Os números da nossa balança comercial — que nós vendemos — de 2019 foi maior que 2018. A de 2020 foi melhor que 2019. Alguns querem que eu fale o que eu conversei com o Xi Jinping… eu não sou esse cara de falar e correr para imprensa, não vou, muita coisa é reservada. Muita coisa essa semana foi tratada de forma reservada, quando recebemos o embaixador da Índia”, afirmou.

 

“Não tem nada como o Bonner falou, que nós minamos o relacionamento. Parem de mentir pessoal, tomem vergonha na cara. Vocês atrapalham o Brasil assim. Eu tenho vergonha de vocês por fazerem um jornalismo dessa maneira. […] A nossa política externa é excepcional", gabou-se.

 

No vídeo, o presidente ainda voltou a questionar a diferença salarial entre William Bonner e sua colega de bancada, Renata Vasconcellos. “Pagam tanto de igualdade, criticam: ‘Tem que ter uma política para homem e mulher ganhar a mesma coisa!'”, reclamou. Contudo, Bonner, além de âncora, é editor-chefe do JN. Portanto, ele é hierarquicamente superior à colega, que é editora-executiva e apresentadora.

 

Esta é a segunda vez que o político toca no assunto. A primeira aconteceu em 2018, durante uma entrevista no próprio noticiário da Globo. “Estou vendo uma senhora e um senhor aqui e com toda certeza há uma diferença salarial aqui, parece que é muito maior para ele do que para a senhora”, disse o então candidato à presidência.

 

Na ocasião, Renata interrompeu Bolsonaro para se posicionar. “Poderia até como cidadã ou cidadão brasileiro fazer questionamentos sobre seus proventos porque você é um funcionário público há 27 anos e eu, como contribuinte, ajudo a pagar seu salário”, disse.

 

“Já o meu salário não diz respeito à ninguém. E eu posso garantir, como mulher, que jamais aceitaria receber um salário menor do que o que um homem recebesse com as mesmas funções e atribuições que eu”, finalizou.

Sexta, 22 de Janeiro de 2021 - 08:00

Rodriguinho é acusado de agressão pela ex-mulher: 'Ele é um desgraçado, abusador'; veja

por Júnior Moreira Bordalo

Rodriguinho é acusado de agressão pela ex-mulher: 'Ele é um desgraçado, abusador'; veja
Foto: Reprodução / Instagram

O cantor e produtor Rodriguinho foi acusado de agressão pela ex-mulher, a cantora Nanah Damasceno, na noite desta quinta-feira (21). Em vídeo, ela aparece desabafando sobre o caso.

 

"Gente, eu estava na festa da Heloísa com meus filhos e eu cansei de esconder o filho da p*** que o Rodrigo é! Ele é um desgraçado, foi um abusador, tive um relacionamento abusivo durante anos. Não sei o que deu nele, o que ele viu. Ele me bateu dentro da festa! Eu estava saindo e ele me bateu, como já me bateu várias vezes", começou.

 

Ela diz ainda que esse é o verdadeiro Rodriguinho. "Fui mulher pra cara*** pra aguentar um cara desse durante anos. E quando me separei, me separei da melhor forma, pra ele ficar bem, não queimar ele no Brasil inteiro! Só que é essa bosta que ele é, esse lixo, um abusador filho duma p****!", acusou.

 

Eles confirmaram o fim do relacionamento no início de janeiro deste ano após meses de boatos de separação. Os dois se casaram em 2010. Na época, Nanah deu alguns detalhes através dos Stories do Instagram.

 

"É muito bom ter o apoio de vocês, independentemente do nosso status de casal. Eu e o Rodrigo nos separamos em novembro de 2019. Não falamos antes, porque é nosso direito de manter a nossa privacidade, para que as coisas fossem tratadas sem alarde. Temos uma boa convivência. Rodrigo é meu empresário, somos sócios, temos filhos", disse. "Nossa relação mudou como homem e mulher, mas continuamos companheiros de vida".

 

O músico ainda não se manifestou sobre as acusações. Inclusive, suas últimas publicações nas redes sociais foram voltadas para divulgação da música "3 da Manhã", de Nanah, que foi lançada nesta quinta-feira (21). Rodriguinho ficou famoso na década de 90 quando foi vocalista do grupo Os Travessos.

Sem Carnaval, prefeitura de Salvador renova locação de banheiros químicos, mas volta atrás
Foto: Júnior Improta / Ag. Haack / Bahia Notícias

A prefeitura de Salvador chegou  a estender por mais 12 meses o contrato para a locação de banheiros químicos “para o carnaval, eventos e festas populares”, de acordo com publicação divulgada na edição da última quarta-feira (20) do Diário Oficial do Município (DOM). No entanto, nesta quinta-feira (21), a Secretaria de Ordem Pública (Semop) tornou sem efeito o quarto aditivo de contrato.

 

Segundo a publicação, o vínculo seria de R$ 19.666.400, com início no dia 14 deste mês, com a empresa BF Serviços Ambientais Eireli. O contrato foi assinado pela nova titular da pasta, Marise Chastinet.

 

Vale destacar que o serviço não incluiria somente a locação para eventos festivos, mas também para “manutenção de sanitários públicos fixos, dependentes da rede de água, esgotamento sanitário e de energia elétrica, instalados e a serem instalados em logradouros públicos” da capital baiana.

 

Ao Bahia Notícias, a assessoria de imprensa da Semop indicou que a publicação no diário oficial foi tornada sem efeito por conta de um erro técnico na publicação. A pasta ainda informou que a secretária irá revisar o contrato para que o vínculo seja novamente assinado. Portanto, mesmo sem a realização de festividades em Salvador por conta da pandemia da Covid-19, a prefeitura deve manter o acordo de locação para eventos deste tipo, conforme objeto especificado pela própria gestão municipal no resumo do aditivo contratual posteriormente tornado sem efeito.

 

VAI TER CARNAVAL?
A festa momesca de 2021 foi adiada na capital baiana ainda na gestão do ex-prefeito ACM Neto (DEM). Neste ano, Bruno Reis (DEM), no entanto, sugeriu que o evento poderia acontecer, de forma reduzida, no mês de julho, em conjunto com cidades como Rio de Janeiro e São Paulo, que possuem gestores aliados políticos – Bruno Covas (PSDB) e Eduardo Paes (DEM) (leia mais aqui).

 

Contudo, nesta quinta, o prefeito do Rio descartou carnaval na cidade em julho, em meio à segunda onda do coronavírus no país (leia mais aqui). O BN tentou contato com Bruno Reis para saber qual vai ser o posicionamento de Salvador, mas não obteve retorno até a publicação desta matéria.

 

TRÊS ANOS DE VÍNCULO
O contrato entre o município e a empresa responsável pelos banheiros químicos foi fechado no dia 27 de outubro de 2017, com valor de R$ 20.429.788. Em dezembro de 2018, um aditivo de dois anos foi fechado pelo valor de R$ 39.332.800, e firmado até o dia 12 deste mês. Desta forma, até o momento, a BF Serviços Ambientais embolsou R$ 59.762.588, segundo as somas dos valores disponibilizadas pelo portal da transparência do município. 

Solange Couto rebate acusações sobre furar fila de vacina
Foto: Reprodução/ Instagram

Solange Couto foi uma das primeiras celebridades brasileira a tomar a primeira dose da vacina contra o Covid. Após postar na web, a atriz foi alvo de duras críticas, sendo acusada de ter burlado regras para receber a CoronaVac. Em mensagem no Instagram, a atriz rebateu os seguidores. 


"Sou residente do retiro desde 23 de outubro, por causa da minha mãe, do meu trabalho e porque eu tenho direito. A razão de eu ter tomado a vacina é porque eu tenho 64 anos, sou cardiopata e por estar residente fixa no Retiro dos Artistas, que é uma instituição residencial para idosos. Por isso eu tenho direito de tomar a vacina. Não tomei a vacina pagando, nem passando a frente de ninguém e não desrespeitei nenhuma lei ou norma. Fui vacinada pelos profissionais de saúde sanitária e não por profissionais do Retiro dos Artistas", argumentou.

Quinta, 21 de Janeiro de 2021 - 21:00

Márcio Victor anuncia live das Muquiranas para carnaval de 2021

por Clara Abbud

Márcio Victor anuncia live das Muquiranas para carnaval de 2021
Foto: Reprodução/ Instagram

Apesar da folia momesca não ser a mesma em 2021, Márcio Victor deu um jeitinho de trazer um pouco da avenida para dentro de casa. Na tarde desta quinta-feira, durante o programa Pipoco da Rádio Salvador Fm, o artista revelou que vai acontecer uma live dos Muquiranas, um dos trios mais conhecidos do carnaval da cidade. 

 

"Nossos fãs estão agoniados e o Brasil inteiro está me cobrando. A gente vai fazer a Live das Muquiranas e não falei isso nem no Instagram, na segunda-feira do Carnaval, no mesmo horário do bloco, com uma estrutura top e um repertório muito parecido em homenagem aos associados", revelou o cantor no programa. 

Foliões do Camaleão vão poder curtir live de Bell com Abadá
Foto: Divulgação

O Bloco Camaleão vai acontecer de uma forma diferente nesta carnava com um abadá surpresal. Para comemorar a folia momesca, Bell Marques vai comandar um show ao vivo no dia 14 de fevereiro, domingo de carnaval, às 16h. O horário é exatamente o mesmo que acontecia na avenida do Farol da Barra. 


 
Para os fãs do bloco Camaleão, que já adquiriram sua camisa para o carnaval de 2022, vão ganhar um abadá exclusivo para curtir a Live de Bell no conforto de casa. 

 

Quinta, 21 de Janeiro de 2021 - 19:00

Após meses sem postar, Saulo canta músicas sobre esperança na pandemia

por Clara Abbud

Após meses sem postar, Saulo canta músicas sobre esperança na pandemia
Foto: Reprodução/ Instagram

Após oito meses sem postagens no Instagram, o cantor Saulo Fernandes, que passou a pandemia no exterior, surpreendeu seus fãs na noite da última quarta-feira (20). O baiano postou um vídeo de mais de um minuto que conta com uma música chamada "Escute quando estiver triste".  

 

A música traz a ideia de que a vida não tira nada sem que dê algo em troca. Nos comentários, alguns famosos elogiaram a nova letra, criada por Mauricio Carvalho, e a volta do cantor. "Saudade de você, querido amigo", comentou Elba Ramalho. "Que música linda! Resgata a esperança e a autoestima", escreveu Olivia Santana. 
 

Pabllo Vittar faz parceria com Lauren Jauregui em remix de 'Lento'
Foto: Divulgação

No Twitter da Lauren Jauregui ela anunciou uma parceria que deixou os fãs brasileiro a palvorosa. Nesta quinta-feira (21), ela revelou aos seguidores a nova parceria que fez com Pabllo Vittar para o remix da música Lento. 


Com a descoberta a preview da música logo viralizou na web junto com a capa e foto das duas.  Apesar do anúncio oficial ainda não ter acontecido, é possível conferir o preview da música na Apple Music / iTunes da Nova Zelândia. O preview do remix de Lento, parceria de Lauren Jauregui e Pabllo Vittar pode ser ouvido aqui.

Supla confirma já ter ficado com Ana Maria e fãs brincam com semelhança entre os dois
Foto: Reprodução / TV Globo

Mais do que a descoberta de uma celebridade dos anos 90, a internet agora ficou sabendo de mais um detalhe da vida de Supla. O papito contou para seus seguidores do Instagram que já ficou com uma pessoa bem parecida com ele: Ana Maria Braga.

 

Questionado se já se relacionou com a apresentadora global, o filho roqueiro de Eduardo e Marta Suplicy respondeu com um vídeo em que assente com a cabeça confirmando que sim. 

 

Os comentários que vieram depois foram piadas comparando a aparência dos dois. "Para quem não sabe, a Ana Maria é irmã dele", se divertiu um perfil. Outro comentou: "Claro que já, e saiu o 'Louro' José".

 

A resposta de Supla é apenas mais uma que ele dá para perguntas engraçadas feitas por internautas através de caixas de questionamentos colocadas por ele em seus storys. 

 

Em outra ocasião os fãs chegaram a perguntar se o cantor já havia transado em um avião. Sem papas na língua, ele afirmou que sim. "Se é isso, eu acho que já", disse, misturando o inglês com o português.

Histórico de Conteúdo