Vitória tenta acordo após Bragantino mover ação por não pagamento em compra de Fabiano
Foto: Glauber Guerra/ Bahia Notícias

O Bragantino ingressou com uma ação com uma ação  contra o Vitória, na Câmara Nacional de Resolução de Disputas, da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), por falta de pagamento da compra do lateral-esquerdo Fabiano, adquirido no ano passado, quando o clube era presidido por Ricardo David. A informação foi revelada por Paulo Carneiro, nesta sexta-feira (19), atual mandatário do Leão.

 

“O Vitória contratou na gestão de Ricardo David um lateral esquerdo do Bragantino, na época na Terceira Divisão, chamado Fabiano. E para ficar com o atleta, o Vitória tinha que pagar R$ 100 mil em quatro parcelas a partir de 30 de janeiro de 2019. E ceder por um empréstimo um atleta ao Bragantino, responsabilizando pelo pagamento na sua totalidade R$ 100 mil. Ou seja foram R$ 200 mil  o valor do empréstimo de um atleta de Terceira Divisão. Agora, o Bragantino entrou no CNRD, que é um conselho semelhante ao que existe na Fifa, mas que só para questões nacionais. Consequência disso: bloqueio de receita de televisão e etecetera e etecetera. Vou falar com Tiago Scuro [gestor de futebol do Bragantino] para que ver o que consigo fazer”, disse por meio de áudio postado nas redes sociais.

 

Fabiano desembarcou no Vitória em setembro de 2019. No começo desta temporada, ele foi emprestado ao Coritiba. Na negociação, o Coxa cedeu o meia Ruy para o Leão.

Histórico de Conteúdo