Quinta, 12 de Julho de 2018 - 10:35

Felipe Soutto crê que reinício do Brasileirão será 'um pouco imprevisível'

por Glauber Guerra

Felipe Soutto crê que reinício do Brasileirão será 'um pouco imprevisível'
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias

A bola voltará a rolar no Campeonato Brasileiro no próximo dia 18 de julho. O recesso no certame nacional é por conta da disputa da Copa do Mundo na Rússia. O volante Fillipe Soutto, do Vitória, acredita que o reinício do certame nacional será um “pouco impresível”.

 

“Reinício é um pouco imprevisível. Cada equipe seguiu uma rotina durante esse tempo. A grande maioria, exceto Bahia e Ceará, que não tiveram recesso. Algumas optaram por fazer amistoso contra time da Série A, outras fizeram amistoso fora. Nós optamos por ficar aqui e aproveitar ao máximo nossa estrutura. Independente da forma como se prepararam, as equipes vão estar com muita energia, com muito vigor, com os aletas recuperados. A equipe que tiver aproveitado melhor o período de treinamento... Algumas mudaram treinador, nós temos vantagem de estar com Mancini há algum tempo. A equipe que se preparar melhor, principalmente a questão tática e de estudo do adversário, vai sair na frente. Lógico que fica difícil nesse momento, porque muita gente mudou. Nessa retomada, quem se impuser mais tecnicamente vai sair na frente”, afirmou.

 

Até o momento, o Vitória contratou três jogadores estrangeiros. O lateral Marcelo Benítez, o volante Marcelo Meli e o atacante Walter Bou, que ainda não foi anunciado oficialmente. O trio é argentino. Soutto revelou como o grupo tem colaborado para a adaptação dos atletas.

 

“Temos tentado ajudá-los na medida do possível dentro da comunicação. Nossos treinos são voltados ao jogo em si, não têm nada que não tenha no nosso modelo de jogo. Isso, de forma maciça, vai acabar entrando na cabeça deles de uma maneira ou de outra. Os treinos não estão tão fortes, mas é diferente. Talvez a questão de folgas, aquecimento. Nosso aquecimento é diferente da maioria dos times, porque já é voltado para o esquema de jogo. Comunicação, por ser latino, é um pouco mais fácil. Eles estão procurando se aproximar de quem tem facilidade de passar o que está sendo pedido pela comissão. Futebol não tem muito segredo. É bola, 11 contra 11. A maior dificuldade é a questão da comunicação, mas a gente vai conseguir não deixar isso interferir negativamente”, destacou.

 

O Vitória volta a campo contra o Paraná, no dia 18 de julho, no Barradão, válido pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Histórico de Conteúdo