Segunda, 18 de Novembro de 2019 - 15:45

Feliz com resultados, técnico do Bahia Feminino aponta meta de chegar na final

por Ulisses Gama

Feliz com resultados, técnico do Bahia Feminino aponta meta de chegar na final
Foto: Divulgação / EC Bahia

Com a goleada de 5 a 0 no time de Feira de Santana, o Bahia avançou para a semifinal do Campeonato Baiano Femnino. A boa atuação do time é motivo de felicidade para o técnico Igor Morena, que destacou o trabalho que vem sendo realizado nas últimas semanas.

 

"A gente fica muito feliz sabendo que nosso trabalho do dia a dia vem dando resultado em campo. Conseguimos impor um ritmo forte na partida, pedimos pra elas entrarem bem concentradas e conseguimos um bom resultado", disse.

 

Agora, o duelo será contra o Olímpia, time que as Meninas de Aço já encararam na primeira fase. Morena citou a dificuldade do duelo, mas apontou a missão de conseguir chegar na grande decisão.

 

"Tivemos dois triunfos contra elas, foram jogos muito difíceis. Então estamos conscientes do que vamos encontrar e já vamos recuperar para que possamos concentrar, focar, pois temos uma meta maior que é chegar na decisão e conquistar o título", completou.

 

A programação da partida entre Bahia e Olímpia vai ser divulgada pela Federação Bahiana de Futebol (FBF) nos próximos dias.

Segunda, 18 de Novembro de 2019 - 09:40

Sete jogadores do Bahia estão em fim de contrato

por Ulisses Gama

Sete jogadores do Bahia estão em fim de contrato
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

A temporada de 2019 está acabando e alguns jogadores do Bahia não devem continuar no clube para a próxima temporada. Segundo levantamento da reportagem do Bahia Notícias, sete jogadores do atual elenco estão em fim de contrato.

 

O goleiro Fernando, os zagueiros Xandão e Ernando, o lateral-direito Ezequiel, os meias Guerra e Shaylon, e o atacante Artur tem ligação válida até dezembro. 

 

Entre eles, a situação mais difícil é a de Artur. Em agosto, o presidente Guilherme Bellintani chegou a declarar que a possibilidade de renovação com o atacante do Palmeiras é nula. 

 

"Gustavo e outros do time de transição estão aos poucos ocupando espaço e sendo vistos. Sobre Artur Victor, não há chance de renovação", escreveu no Twitter.

 

Em relação aos outros jogadores, o Bahia analisa a situação de cada atleta individualmente, mas a maioria não deve seguir no Esquadrão de Aço. Recentemente, Ernando demonstrou o seu interesse em continuar no clube. 

 

"Lógico (que quero ficar), principalmente pelo primeiro semestre que fiz. Infelizmente, no segundo semestre não pude atuar tanto. Tenho vontade de permanecer no clube, que me acolheu bem, fiz muitas amizades. O Bahia tem uma estrutura excepcional. Se for da vontade deles que eu permaneça, também tenho essa vontade e quem sabe não possa renovar o contrato", indicou.

 

Antes do fim do ano, o Bahia ainda tem mais cinco compromissos pelo Campeonato Brasileiro. São estes: Goiás (fora), Atlético-MG (casa), CSA (fora), Vasco (casa) e Fortaleza (fora).

Segunda, 18 de Novembro de 2019 - 08:45

Apesar de jejum, Fernandão ainda crê que Bahia vai para a Libertadores

por Gabriel Rios / Ulisses Gama

Apesar de jejum, Fernandão ainda crê que Bahia vai para a Libertadores
Foto: Romildo de Jesus / Ag. Haack / Bahia Noticias

O Bahia não vence há sete partidas no Brasileirão e está distante seis pontos do Internacional, primeira equipe na zona de classificação para a Copa Libertadores. Ainda assim, o centroavante Fernandão ainda está esperançoso em recolocar o Esquadrão na competição internacional após 30 anos.

 

Ao fim da partida contra o Palmeiras, empatada em 1 a 1, o camisa 20 lamentou o resultado, mas destacou a confiança em recuperar a situação dentro da tabela de classificação.

 

"Sensação triste. A gente sabia que tinha condições de sair com o triunfo, lutamos de igual para igual, mas somamos um ponto. Sabemos que futebol é oportunidade, tenho certeza que vamos para a Libertadores", disse, em entrevista à Rádio Metrópole.

 

A última vez que o Tricolor venceu na competição nacional foi no dia 16 de outubro, contra o Grêmio, fora de casa. De lá até aqui, o time comandado por Roger Machado acumula quatro derrotas e três empates.
 

Segunda, 18 de Novembro de 2019 - 07:15

FBF divulga tabela básica do Campeonato Baiano 2020

por Ulisses Gama

FBF divulga tabela básica do Campeonato Baiano 2020
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias

Após a realização do conselho técnico, a Federação Bahiana de Futebol (FBF) divulgou no último domingo (17) o regulamento e a tabela básica do Campeonato Baiano 2020. A competição terá início no dia 15 de janeiro.

 

Atual campeão, o Bahia vai fazer a sua estreia contra a Juazeirense, no estádio Adauto Moraes. Já o vice-campeão Bahia de Feira começa a jornada contra o Doce Mel na Arena Cajueiro. O Vitória, por sua vez, estreia no Barradão contra o Jacobina.

 

Assim como em 2019, o estadual do próximo ano terá a sua primeira fase disputada no sistema de pontos corridos, com todas as equipes se enfrentando em turno único. Os quatro primeiros vão às semifinais e o lanterna é rebaixado. Nas semifinais e na final, jogos de ida e volta, com a decisão na casa da equipe com melhor campanha.

 

Confira as três primeiras rodadas do Baianão 2020:

 

Domingo, 17 de Novembro de 2019 - 19:37

Veja os gols de Bahia 1 X 1 Palmeiras

Veja os gols de Bahia 1 X 1 Palmeiras
Colaboração de Foto: Gabriela Simões

Domingo, 17 de Novembro de 2019 - 18:44

Roger avalia empate com Palmeiras e diz que desfalques não influenciaram no resultado

por Gabriel Rios

Roger avalia empate com Palmeiras e diz que desfalques não influenciaram no resultado
Foto: Romildo de Jesus/Ag Haack/ Bahia Notícias

O Bahia empatou com o Palmeiras em 1 a 1 neste domingo (17), na Arena Fonte Nova, e aumentou o jejum no Brasileirão para sete seguidas partidas sem vencer. Após o jogo, o técnico Roger analisou a partida e afirmou que os desfalques de Artur, Guerra, Juninho e Marco Antônio não influenciaram no resultado do confronto.

 

“Durante um primeiro tempo equilibrado, conseguimos sair na frente, tendo controle do jogo em muitas vezes. Conseguimos organizar nossas jogadas. Fomos melhores no primeiro tempo. No segundo tempo, com as trocas que o Palmeiras fez, acabou nos empurrando um pouco para nosso campo, e não conseguimos acertar nossa saída. Em vários momentos tivemos muitos erros de passes. Não vejo que as ausências tenham sido determinantes, jogamos contra o vice-líder da competição. O que a gente lamenta são pontos que deixamos em casa, como contra Ceará e Chapecoense, que nos deixaria em uma situação melhor na tabela”, avaliou Roger em entrevista coletiva.

 

O treinador também admitiu que o Bahia perdeu chances na primeira etapa que resolveriam a partida, mas salientou que a má fase da equipe causa uma ansiedade que acaba influenciando nas decisões. O treinador ainda afirmou que o Bahia pode chegar mais longe no certame nacional.

 

“Vimos o limite que alcançamos nos melhores jogos que fizemos na competição. A gente busca recuperar a motivação e a cabeça dos atletas. No primeiro tempo, perdemos algumas oportunidades importantes, mas muitas delas foram intervenções do goleiro do Palmeiras, que foi muito bem. Sabíamos que pela postura do Palmeiras, essas profundidades seriam possíveis fazer, mas é como eu disse, a ansiedade pesa, pesa também meu artilheiro estar há muitos jogos sem marcar, acontece. Ainda podemos fazer a melhor campanha da história do Bahia no Campeonato Brasileiro, isso que temos que buscar. Não sei aonde vai nos levar, mas são momentos importantes para avaliar futuro e possíveis mexidas”, observou.

 

Questionado sobre a opção de atuar com João Pedro na lateral, deixando Nino no banco, o treinador explicou a decisão. Ele também revelou a escolha de colocar o meia Shaylon, que não atuava desde o empate sem gols contra a Chapecoense no primeiro turno.  

 

“A opção pelo João foi técnico-tática. Embora o Nino seja muito importante para a gente, temos dois laterais a virtude de ser bom na linha e ataque ao espaço. Mas não temos um lateral que tenha um bom passe e uma condução com qualidade no campo de ataque. Eu queria o jogo mais por dentro quando o Palmeiras estava nos atacando bastante. A entrada do Shaylon foi justamente para isso, para que a gente pensasse melhor as jogadas na construção de ataque”, finalizou.

 

O Bahia volta a campo no próximo domingo (24), diante do Goiás, às 16h, no Serra Dourada.      

Domingo, 17 de Novembro de 2019 - 18:34

Élber explica lesão sofrida contra Palmeiras e admite que Bahia recuou no 2º tempo

por Gabriel Rios

Élber explica lesão sofrida contra Palmeiras e admite que Bahia recuou no 2º tempo
Foto: Romildo de Jesus/Ag Haack/ Bahia Notícias

Um dos principais destaques do Bahia no empate em 1 a 1 com o Palmeiras, neste domingo (17), na Arena Fonte Nova, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro, o atacante Élber acabou sendo substituído na segunda etapa por conta de uma lesão. Após a partida, o camisa 7 tricolor explicou o momento em que sentiu o adutor da coxa.

 

“Eu acho que foi o lance quando saí na cara do gol do Weverton, o zagueiro me empurrou, a bola ficou longa, eu tentei esticar a perna e senti o adutor. Espero que não seja nada demais”, afirmou Élber em entrevista à Rádio Metrópole.

 

O atacante ainda comentou a partida. Ele elogiou a primeira etapa feita pelo Esquadrão de Aço, mas reconheceu que o time baixou o ritmo no segundo tempo e acabou recuando: “Fizemos um grande primeiro tempo, tivemos grandes chances e não concluímos. No segundo, abdicamos de atacar e acabamos tomando o gol. Quanto mais a gente somar é o que importa”.

 

O Esquadrão ocupa a 9ª colocação, com 44 pontos conquistados, mas ainda pode perder uma posição com o complemento da rodada. O time volta a campo contra o Goiás, no próximo domingo (24), às 16h, no Serra Dourada.  

Flávio leva terceiro amarelo e não enfrenta o Goiás na próxima rodada do Brasileirão
Foto: Romildo de Jesus/Ag Haack/ Bahia Notícias

O Bahia terá um importante desfalque para o confronto contra o Goiás, que acontece no próximo domingo (24), às 16h, no Serra Dourada. O volante Flávio tomou o terceiro cartão amarelo na partida contra o Palmeiras, neste domingo (17), na Arena Fonte Nova, e não poderá enfrentar o time Esmeraldino.

 

O camisa 5 do Bahia levou cartão amarelo logo aos 18 minutos do primeiro tempo contra o Palmeiras. O volante cometeu falta em Deyverson e acabou advertido. O Esquadrão de Aço empatou com o Verdão em 1 a 1, e aumentou o jejum no certame nacional para sete partidas sem vencer. A equipe ocupa a 9ª colocação, com 44 pontos conquistados.

Gilberto cita declaração polêmica e agradece torcida do Bahia: 'Achei que ia me vaiar'
Foto: Romildo de Jesus/Ag Haack/ Bahia Notícias

Após o empate do Bahia em 1 a 1 com o Palmeiras, na tarde deste domingo (17), o atacante Gilberto comentou à declaração que deu ao dizer que sonha em jogar no Flamengo (relembre aqui), e revelou que esperava ser vaiado na Arena Fonte Nova durante o confronto contra o time paulista. Ele aproveitou para agradecer aos torcedores que o aplaudiram quando foi substituído por Fernandão na segunda etapa.

 

“Acho que a entrega foi muito importante. Agradecer ao torcedor. Vim para o jogo ansioso, por conta da declaração que dei. Achei que a torcida ia me vaiar, mas agradeço pelo que fizeram por mim”, destacou Gilberto em entrevista à rádio Metrópole.

 

Com o resultado, o Bahia segue na 9ª colocação, com 44 pontos conquistados. A equipe volta a campo no próximo domingo (24), contra o Goiás, às 16h, no Serra Dourada.  

Domingo, 17 de Novembro de 2019 - 17:53

Bahia sai na frente, mas sofre empate do Palmeiras e amplia jejum no Brasileirão

por Gabriel Rios

Bahia sai na frente, mas sofre empate do Palmeiras e amplia jejum no Brasileirão
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

O Bahia ficou no empate com o Palmeiras em 1 a 1, neste domingo (17), na Arena Fonte Nova, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro, e aumentou a sequência negativa no certame nacional para sete partidas seguidas sem vencer. De quebra, segue sem bater o time paulista em seus domínios. O último resultado positivo ocorreu há 31 anos. O Esquadrão saiu na frente com Arthur Caíke, de falta, mas Borja igualou o marcador para o time visitante.

 

Com o resultado, o Bahia segue na 9ª colocação, com 44 pontos conquistados, mas pode perder mais uma posição com o complemento da rodada. O Esquadrão volta a campo no próximo domingo (24) contra o Goiás, às 16h, no Serra Dourada.

 

O JOGO

O Bahia chegou com perigo logo aos três minutos. Élber fez boa jogada na direita e rolou para João Pedro, o lateral chegou batendo, mas pegou mal na bola. A zaga do Palmeiras afastou parcialmente e ela sobrou para Ronaldo, o volante cruzou e Arthur Caíke cabeceou, mas Weverton defendeu. Aos 14, Gilberto saiu na cara de Weverton após belo passe de Élber, o camisa 9 bateu bem, mas o arqueiro do Palmeiras fez ótima defesa.

 

Aos 36, Gregore carregou pelo meio, ganhou da marcação e abriu na direita para Élber, o camisa 7 ganhou na velocidade e tentou tirar na saída do goleiro Weverton, que mais uma vez fez grande defesa.

 

De falta, Arthur Caíke marca

O Bahia abriu o placar no último lance do primeiro tempo. Aos 46, Gilberto sofreu falta na entrada da área. Arthur Caíke bateu e a bola passou entre dois jogadores da barreira, sem chances para o goleiro Weverton.

 

Segundo tempo

Na segunda etapa, foi a vez do Palmeiras chegar com perigo no início. Aos 2, Zé Rafael tocou para Lucas Lima, que achou Borja dentro da área, o camisa nove girou e chutou, mas a bola passou com perigo à esquerda do gol de Douglas. O Bahia respondeu aos 9. Gregore tocou para João Pedro na direita, o lateral foi até a linha de fundo e cruzou, Arthur Caíke ganhou no alto e cabeceou, mas Weverton pegou em dois tempos.

 

Aos 13, Dudu recebeu na direita, cortou pra dentro e só rolou para Bruno Henrique, o volante chegou como jogador surpresa dentro da área, mas chutou por cima do gol.

 

Borja empata o jogo

O Palmeiras empatou aos 25. Em bom contra-ataque, Dudu lançou bonito para Zé Rafael, o camisa 8 dominou e enfiou linda bola para Borja, o colombiano chutou rasteiro de canhota e o goleiro Douglas acabou aceitando.

 

Aos 30, Lucas Lima recebeu livre na meia-lua, girou e chutou forte de canhota, obrigando o goleiro Douglas a fazer boa defesa. Aos 36, mais uma vez Dudu na direita, ele cortou para esquerda e chutou, a bola explodiu na barriga de Borja e ia morrer no gol, mas Douglas operou um milagre.

 

FICHA TÉCNICA
Bahia x Palmeiras
Campeonato Brasileiro - 33ª rodada

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 17/11/2019 (domingo)
Horário: 16h
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ)
Auxiliares: Luiz Claudio Regazone e Michael Correia (ambos do Rio de Janeiro)
VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga, com auxílio de João Batista de Arruda e Daniel do Espirito Santo Parro (todos do Rio de Janeiro
Cartões amarelos: Flávio e Ronaldo (Bahia)
Gols: Arthur Caíke (Bahia) / Borja (Palmeiras)

 

Bahia: Douglas; João Pedro, Lucas Fonseca, Wanderson e Moisés; Gregore, Flávio (Shaylon) e Ronaldo; Élber (Lucca), Arthur Caíke e Gilberto (Fernandão). Técnico: Roger Machado.

 

Palmeiras: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Vitor Hugo e Diogo Barbosa; Bruno Henrique, Thiago Santos e Gustavo Scarpa (Lucas Lima); Dudu, Zé Rafael (Willian) e Deyverson (Borja). Técnico: Mano Menezes.

Histórico de Conteúdo