Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 18:32

Vitória acerta contratação do atacante Bernardo, de 19 anos

por Glauber Guerra

Vitória acerta contratação do atacante Bernardo, de 19 anos
Foto: Divulgação/ Jacuipense

O Vitória acertou nesta quinta-feira (23) a contratação do atacante Bernardo, de 19 anos, por empréstimo junto ao Jacuipense. O Bahia Notícias apurou que o contrato será válido por um ano com opção de compra.

 

O jogador disputou a Copa São Paulo de Futebol Júnior pelo Jacuipense e marcou três gols. Ele atraiu interesse de diversas agremiações, mas a diretoria do Leão Grená optou por aceitar a proposta do Vitória, principalmente por conta da parceria dos dois clubes, que foi iniciada nesta gestão de Paulo Carneiro.

 

A princípio, o jogador chega para integrar a equipe sub-23, que disputa o Campeonato Baiano.

 

Além do Jacuipense, Bernardo acumula passagem pela base do Palmeiras.

Estádio do Bahia de Feira deve ter ampliação entregue na próxima semana
Foto: Reprodução / Facebook

 

Prevista desde a construção do estádio em 2018, parte da ampliação da Arena Cajueiro, casa do Bahia de Feira, deve ser entregue na próxima semana. Em entrevista para o Bahia Notícias no final do ano passado (leia mais aqui), Thiago Souza, presidente do Conselho Deliberativo do Clube, disse que parte da reforma seria entregue durante o Campeonato Baiano de 2020. 

 

“O projeto vem sendo executado e os jogos vêm acontecendo normalmente”, esclareceu o dirigente. “Já vamos estar com uma nova parte pronta na próxima semana e a nossa expectativa é de que toda essa parte de ampliação esteja pronta no final da primeira fase do Campeonato Baiano”, completou, acreditando no cumprimento de prazos que foram previstos no início da reforma.

 

Até então, a Arena Cajueiro tinha capacidade de 1.700 pessoas. A expectativa é que, com a finalização do processo de ampliação, o espaço ganhe cerca de mais 4 mil lugares. Apenas a primeira fase do projeto será entregue durante os próximos dias.

 

Com expectativas sobre o time na disputa do Campeonato, Thiago Souza falou sobre como a ampliação deve atrair a torcida do Bahia de Feira. “O público nesse jogo deverá ser maior e assim vamos tocando”, comentou, se referindo à próxima disputa do time. Neste jogo o adversário será o Bahia, pela segunda rodada do Baianão 2020, na quarta-feira (29) da próxima semana, às 21h30. 

 

“Esperamos que o time chegue entre os quatro primeiros colocados porque aí com a conclusão das outras, quem sabe não teremos casa cheia aqui? O nosso objetivo é esse”, declarou o presidente, projetando boas perspectivas para os resultados da equipe no Campeonato. 

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 17:45

Figueiredo celebra estreia pelo Vitória: ‘Estava trabalhando para isso’

por Glauber Guerra

Figueiredo celebra estreia pelo Vitória: ‘Estava trabalhando para isso’
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

O volante Figueiredo, de apenas 17 anos, pulou etapas e saiu direto do time sub-20 para a equipe sub-23, que disputa o Campeonato Baiano. O jogador comemorou a sua estreia em uma competição profissional e garantiu que já vinha se preparando para esse momento. Ele foi titular no triunfo do Leão por 1 a 0 sobre o Jacobina, na última quarta-feira (22) e ganhou elogios do técnico Agnaldo Liz (relembre aqui).

 


“Sensação única. Fiquei muito feliz quando soube que iria estrear em uma competição profissional. Só tenho agradecer a Deus por isso tudo. Na minha opinião eu fui bem na partida. Recebi elogios da comissão técnica e de meus companheiros. Mas vou manter os pés no chão e continuar trabalhando forte”, disse em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Figueiredo ainda se diz determinado. “Eu estava trabalhando para isso. Vinha treinando bem e fiz dois bons amistosos preparatórios e coloquei que eu queria uma vaga no time e acabou acontecendo, graças a Deus. Mas eu sei que tenho que continuar trabalhando. E  vou fazer isso”, destacou.

 

Natural de Salvador, Figueiredo tem contrato com o Vitória até dezembro de 2021.
 

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 17:35

Bahia aprimora parte técnica e bola parada; confira provável escalação

por Ulisses Gama

Bahia aprimora parte técnica e bola parada; confira provável escalação
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

O elenco do Bahia fez na tarde desta quinta-feira (23), no CT Evaristo de Macedo, o seu penúltimo treino antes de enfrentar o Santa Cruz no próximo sábado (25), pela rodada de abertura da Copa do Nordeste.

 

Em meio ao clima chuvoso, os atletas começaram a atividade com uma atividade técnica, focada na troca de passes e movimentação. Na sequência, o comandante orientou um intenso trabalho de bolas paradas, com jogadas ensaiadas. Durante a atividade, a provável escalação foi esboçada.

 

A formação tricolor deve ser a seguinte: Douglas; João Pedro, Lucas Fonseca, Juninho e Juninho Capixaba; Gregore, Flávio, Clayson, Rossi (Daniel) e Élber; Gilberto.

 

Os desfalques da atividade foram o volante Elton e Marco Antônio. Os dois resumiram o seu trabalho a uma atividade na academia.

 

A equipe tricolor finaliza o trabalho na manhã desta sexta-feira (24), a partir das 9h, novamente na Cidade Tricolor. Na sequência, pela tarde, a delegação viaja para Recife.

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 16:15

Roger valoriza preparação e projeta mudanças na característica de jogo do Bahia

por Ulisses Gama

Roger valoriza preparação e projeta mudanças na característica de jogo do Bahia
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

Pela primeira vez em 2020, o técnico Roger Machado, do Bahia, foi entrevistado no CT Evaristo de Macedo. As respostas para a imprensa antecedem a partida contra o Santa Cruz, neste sábado (25), no Arruda, pela primeira rodada da Copa do Nordeste.

 

Na opinião do treinador, o período para treinar o time foi satisfatório, contando com o fato de que boa parte da equipe é remanescente de 2019. A principal missão, que começou no último dia 6 de janeiro, foi ambientar os novos contratados.

 

"Para o futebol brasileiro, a gente sabe que esse é um período grande. Não é o suficiente para que consiga aplicar tudo, mas a continuidade do trabalho antecipa algumas etapas. Acredito que 19 dias foram importantes para que a gente ambientasse os jogadores que estão chegando, trabalhasse algumas coisas de forma diferente em função das características desses jogadores, reforçasse algumas questões importantes que fizemos na temporada passada. Não é o suficiente, mas é um período que é bem importante", destacou.

 

Outro ponto importante foi trabalhar alternativas no modelo de jogo do Esquadrão de Aço. Segundo ele, as características vão mudar por ter jogadores mais leves no setor ofensivo. O comandante, inclusive, previu que será possível ver coisas positivas na partida.

 

"A característica dos jogadores, por si só, já vai mudar um pouco a característica do modelo. Importante é, nesse começo de temporada, treinar plataformas diferentes para que em algum momento você use. Treinei muitas vezes quase que num 4-2-4, num 4-3-3 que a gente está habituado, mas com jogadores mais leves, com características diferentes, ora com pontas, ora com meia-pontas. Acho que vai dar para ver algumas mudanças sim, mas mais pela característica dos jogadores. Importante se pensar esse começo de temporada jogo a jogo. Saber que é o primeiro jogo, jogo fora, jogo de uma das competições que é classificatória. Tudo isso leva em conta o que vamos levar para dentro de campo. Acredito que vai dar para ver coisa boa, mas não o máximo que a gente pode render em função do tempo", declarou.

 

O elenco tricolor segue viagem para Recife na tarde desta sexta-feira (24).
 

Após goleada do Bahia de Feira, Capone projeta duelo com Jacuipense
Capone (E) | Foto: Divulgação / Bahia de Feira

Após a boa estreia do Bahia de Feira no Baianão, com direito a goleada sobre o Doce Mel por 4 a 1, o volante Capone já virou a chave para o próximo compromisso da equipe. No domingo (26), o Tremendão visita o Jacuipense na Arena Valfredão, pela segunda rodada. 

 

"Temos mais um restinho da semana para trabalhar, virar a chave e pensar no jogo contra o Jacuipense. Vai ser muito difícil. Eles tem jogadores de qualidade que já conhecemos. Mas cada jogo do Baiano vai ser muito difícil, mas nossa equipe está bem focada, bem ciente do que precisamos fazer e vamos em busca dos três pontos também", afirmou em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Sobre a goleada na abertura do estadual, Capone elogiou a atuação do Tremendão. "Atuação muito boa. Sabíamos que seria um jogo difícil, não conhecíamos a equipe do Doce Mel. Não tínhamos visto eles jogando juntos, mas conhecíamos alguns jogadores que estão lá. Tivemos dificuldades no primeiro tempo para encaixar a marcação. Barbosinha conversou com a gente, voltamos para o segundo tempo e conseguimos neutralizar a ofensividade deles. Conseguimos fazer os gols e estrear com o pé direito na competição", disse. "Sabemos como é o Campeonato Baiano e cada jogo é uma final que temos que pontuar sempre. Então, a equipe está de parabéns pela entrega, pela determinação que foi", finalizou.

 

A bola rola para Jacuipense e Bahia de Feira a partir das 16h no domingo. Neste momento, com o placar elástico do primeiro compromisso, o Tremendão é o líder do Baianão por levar vantagem no saldo de gols sobre o Vitória, que também venceu na estreia.

Copa do Nordeste: Ingressos à venda para duelo entre Vitória e Fortaleza 
Foto: Max Haack/ Ag. Haack/ Bahia Notícias

O Vitória pega o Fortaleza no sábado (25), às 16h, no Barradão, pela Copa do Nordeste. E os ingressos já estão à venda para o confronto. 

 

O setor de arquibancada custa R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia), enquanto o setor de cadeira é oferecido por R$ 100 (inteira) e R$ 50 (meia).

 

O torcedor poderá adquirir os ingressos por meio do site do Futebol Card e nos pontos físicos.

 

Pontos de Venda

 

Quinta-feira (23/01)
Internet – 24 horas;
Loja do Shopping Capemi – até às 17h;
Loja do Shopping Lapa – até às 17h.

 

Sexta-feira (24/01)
Internet – 24 horas;
Loja do Shopping Capemi – 10h às 17h;
Loja do Shopping Lapa – 9h às 17h.

 

Sábado (25/01)
Internet – até 12h;
Loja do Shopping Capemi – 9h às 12h;
Loja do Shopping Lapa - 9h às 12h.
Bilheterias do Barradão - a partir das 12h

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 14:30

Atacante fala da estreia da Juazeirense no Baianão e mira próximo jogo contra Jacobina

por Leandro Aragão

Atacante fala da estreia da Juazeirense no Baianão e mira próximo jogo contra Jacobina
Foto: Divulgação / Juazeirense

O atacante Elcarlos falou da estreia da Juazeirense no Campeonato Baiano 2020. Jogando no Estádio Adauto Moraes, o Cancão de Fogo acabou cedendo o empate em 1 a 1 ao Bahia, na noite desta quarta-feira (22), pela rodada de abertura. No entanto, o atleta já mira o próximo desafio da equipe de Juazeiro, que será contra o Jacobina longe de casa.

 

"Nos preparamos para essa estreia. A gente sabia que a equipe deles já vinha entrosada há um tempo e que ia impor dificuldades para a gente, por mais que seja uma equipe sub-23. A gente tentou colocar nossa proposta de jogo que era sair nos contra-ataques nas bolas de velocidade. Acabamos tendo algumas chances, conseguimos fazer o gol de bola parada, mas infelizmente aconteceu um erro de desatenção e acabamos fazendo o pênalti. Mas a gente sabe da importância desse jogo até para pegar mais ritmo, a equipe se uniu há pouco tempo", comentou em entevista ao canal "Premiere". "Vamos nos preparar para pegar um adversário fora que é bem difícil também", completou.

 

O duelo entre Jacobina e Juazeirense será no próximo sábado (25), às 16h, em Pituaçu, pela segunda rodada. No dia seguinte, mas no mesmo horário e local, o Tricolor recebe o Vitória da Conquista.

Zagueiro ou volante? Gabriel Furtado garante não ter preferência por posição no Vitória
Foto: Glauber Guerra/ Bahia Notícias

Versátil, Gabriel Furtado atua como volante e zagueiro. Porém, o novo contratado do Vitória garante não ter preferência por posição.

 

“Meu pensamento é de que jogador não tem muito o que escolher. Professor colocou, você tem que jogar. Está aqui porque gosta, é o sustento da sua família. O que o Geninho colocar, primeiro volante, zagueiro, lateral, o que for, vou estar disposto para ajudar a equipe”, afirmou.

 

O atleta ainda se diz pronto para estrear pelo Vitória. “Estou preparado. Se Deus quiser vamos fazer uma estreia boa contra o Fortaleza. E, como falei, se colocar para jogar, vou jogar. Colocou, jogou”, ressaltou.

 

O jogo contra o Fortaleza está marcado para sábado (25), às 16h, no Barradão, pela primeira rodada da Copa do Nordeste.

 

Gabriel Furtado, de 20 anos, pertence ao Palmeiras, mas estava no Getafe, da Espanha. O atleta foi cedido por empréstimo ao Vitória até o término da temporada.

Com direito a gol, Magno Alves avalia estreia no Baianão aos 44 anos: 'Joguei os 90 minutos'
Foto: Reprodução / Instagram

Todo atacante sonha em balançar as redes nas estreias. E com Magno Alves não foi diferente. O veterano marcou um dos gols do Atlético de Alagoinhas no empate em 2 a 2 com o Flu de Feira, na rodada de abertura do Campeonato Baiano. Mesmo com 44 anos, o jogador teve fôlego para jogar durante os 90 minutos da partida.

 

"Joguei os nove minutos, para quem não acredita que mesmo depois aos 40 anos fosse suportar. Corri, batalhei, lutei, fiz meu gol na estreia. É importante para a sequência, para confiança. Creio que vamos melhorar para o próximo jogo", avaliou em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Magno Alves também analisou a atuação do Carcará no embate com o Touro do Sertão. Para ele, a equipe cometeu erros que precisam ser corrigidos para o próximo compromisso. "Nesse primeiro jogo creio que não foi tão bom como seria se tivéssemos vencido até pelo que nós fizemos, principalmente no segundo tempo, porque no primeiro não jogamos tão bem. Poderia ser diferente, caso não levássemos o gol de empate tão rápido e consequentemente a virada, aí depois o time desandou. No segundo tempo, fomos mais determinantes, até por se tratar de jogo em casa", analisou. "Precisamos melhorar muita coisa, algumas coisas importantes como nos gols que levamos de bobeira. Assim como eu, que tive oportunidades no segundo tempo e preciso ser mais letal em aproveitar a oportunidade. Mesmo que eu tenha feito o meu melhor, feliz por ter feito gol na estreia. É o primeiro jogo, creio que dá para ter uma avaliação para que no próximo não se repitam os erros que cometemos", completou.

 

No domingo (26), às 16h, o Atlético de Alagoinhas visita o Doce Mel, pela segunda rodada. Com a reforma do estádio de Ipiaú, a partida vai acontecer no Lomantão, em Vitória da Conquista.

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 13:05

Fernando Neto se diz ansioso para estrear pelo Vitória

por Glauber Guerra

Fernando Neto se diz ansioso para estrear pelo Vitória
Foto: Glauber Guerra/ Bahia Notícias

Recém-contratado pelo Vitória, o meia Fernando Neto foi apresentado oficialmente à imprensa nesta quinta-feira (23). O jogador não vê a hora de estrear e elogiou o técnico Geninho.

 

“Geninho é experiente. Passa toda consciência para a gente. Cheguei uma semana depois de todo mundo, mas já estou bem preparado e ansioso para estrear”, disse em entrevista coletiva.

 

A equipe principal do Vitória estreia na temporada contra o Fortaleza, sábado (25), às 16h, no Barradão, pela Copa do Nordeste. Fernando Neto admite que ainda não está 100%, mas espera um grande jogo.

 

“Tenho pouco tempo de preparação. Não vou falar que estou 100% porque é com jogos que vamos ganhando ritmo. Espero que eu e toda minha equipe faça um grande jogo no sábado”, declarou.

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 12:30

Técnico do Flu de Feira critica arbitragem após empate com Atlético de Alagoinhas

por Leandro Aragão

Técnico do Flu de Feira critica arbitragem após empate com Atlético de Alagoinhas
Foto: Arivaldo Publio / Flu de Feira

O Fluminense de Feira começou perdendo do Atlético de Algoinhas, conseguiu a virada, mas acabou empatando em 2 a 2 na estreia no Baianão 2020, na noite desta quarta-feira (22), no Carneirão. Após o apito final, o técnico do Touro do Sertão, Edu Silva, saiu na bronca com a arbitragem.

 

"O time sofreu um pouco com as ações do adversário, que soube aproveitar nossas fragilidades que surgiram por deficiência física em relação à lesão do Xande. Ele se machucou numa jogada que, para mim, seria para cartão vermelho e o árbitro fez vista grossa. O cara deu uma porrada por trás desleal no meu lateral que voltou para o jogo sentindo o tornozelo. Nesse momento, eu já tinha feito algumas substituições e ficamos prejudicados com um atleta sem totais condições dentro de campo e algo que poderia ter sido punido com o vermelho", criticou em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Apesar da crítica à arbitragem, Edu Silva admitiu as falhas da sua equipe na partida. Ele não gostou nada de ver o adversário abrindo o placar com dois minutos de jogo.

 

"Tomar gol muito cedo, que é algo que considero grave. Nosso time não pode tomar um gol tão cedo, isso desarticula bastante nossa ideia de jogo. Mas reagimos bem no primeiro tempo. Conseguimos tirar as ações do adversário com mais qualidade", apontou.

 

No entanto, ele elogiou a reação do Flu de Feira. "Eu diria que foi um primeiro tempo bem jogado da nossa parte e um segundo tempo muito aquém do que a gente espera e quer. Mas sempre procuramos a vitória a todo instante mesmo jogando fora de casa", finalizou.

 

Na próxima rodada, o Flu de Feira recebe a visita do Vitória no Joia da Princesa. A partida acontece no domingo (26), às 16h.

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 11:35

Paulo Carneiro pede desculpas após antecipar informações pelo WhatsApp

por Glauber Guerra

Paulo Carneiro pede desculpas após antecipar informações pelo WhatsApp
Foto: Paulo Victor Nadal / Bahia Notícias

O presidente do Vitória, Paulo Carneiro, se desculpou por divulgar informações pelo WhatsApp direcionado para um grupo de torcedores. Na última quarta-feira (22), o cartola utilizou o aplicativo de mensagens para anunciar as contratações de Jean e Levi (relembre aqui), além de um acerto com Everton Sena e Rayan (saiba mais aqui).

 

 “O áudio que saiu ontem não era nossa intenção que ele vazasse. Eu fiz um movimento errado no meu celular e ele vazou. Que bom... Pelo menos o torcedor percebe um pouco como é o nosso raciocínio à frente do Vitória e do futebol principalmente. E fica sabendo exatamente do que estamos pensando e de forma transparente. Há males que vem para o bem, mas realmente o áudio não era para vazar, porque as notícias são dadas sempre para os sócios e eu peço desculpas aos sócios, porque as notícias eram para ser dadas pelos canais de comunicação do clube”, afirmou.

 

Desde a semana retrasada, o Vitória tem passado a divulgar contratações e outros assuntos em primeira mão para os associados do clube por e-mail (relembre aqui). 
 

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 11:30

Flamengo oficializa a contratação do atacante Pedro

Flamengo oficializa a contratação do atacante Pedro
Foto: Reprodução

O Flamengo oficializou a contratação do atacante Pedro. O anúncio foi feito na manhã desta quinta-feira (23) e no vídeo de divulgação aparece o jogador fazendo uma reverência à estátua de Zico, maior ídolo da Gávea. Para ter o novo reforço, por empréstimo durante um ano, o Rubro-Negro carioca vai pagar cerca de 1 milhão de euros à Fiorentina. Esse valor será abatido, caso o clube opte por comprar os direitos econômicos do atleta, de 22 anos, ao final deste período. 

 

Pedro desembarcou no Rio de Janeiro (lembre aqui) na última sexta (17) e já deu início aos trabalhos físicos durante a semana. O Flamengo dependia apenas do recebimento de alguns documentos para oficializar a contratação.

 

A Fiorentina comprou o atleta em setembro do ano passado junto ao Fluminense por 11 milhões de euros. O atacante disputou apenas quatro jogos e não marcou nenhum gol com a camisa do time italiano.

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 10:45

Dado se diz surpreso com expulsão de Anderson e avalia substitutos

por Ulisses Gama

Dado se diz surpreso com expulsão de Anderson e avalia substitutos
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

Nos minutos finais da partida entre Juazeirense e Bahia, terminada em 1 a 1, o zagueiro Anderson, do Tricolor, acabou expulso por dois cartões amarelos pelo árbitro Bruno Pereira Vasconcelos. A saída do defensor acabou deixando muitos dos presentes no Adauto Moraes confusos. Um deles foi o técnico Dado Cavalcanti. Em entrevista após a partida da noite da última quarta (22), o comandante disse não ter visto o primeiro cartão aplicado.

 

"Confesso que não lembro nem do primeiro cartão que ele tomou. Não vi. Não entendi ainda. Me surpreendeu a expulsão. A falta estava longe. Fico do outro lado. Não deu para visualizar muito. Não vou entrar no julgamento. Acho que o árbitro fez uma boa arbitragem. Mas confesso que não visualizei o primeiro cartão que ele tomou. Não dá para julgar tanto. Vou rever o jogo, conversar com o próprio Anderson para entender o primeiro cartão que ele tomou", disse.

 

Sem Anderson para a próxima rodada, Dado diz que vai avaliar os possíveis substitutos. Jaques e Fábio Alemão são concorrentes pela vaga.

 

"Vou avaliar em Salvador. Nas minhas escolhas durante o trabalho, vinha trabalhando com o Jaques pelo lado esquerdo e o Alemão pelo direito. Preciso fazer uma avaliação desses dois atletas. São dois atletas que estão bem. Qualquer um não tenho dúvida que vai fazer uma boa partida. Mas não vou confirmar ainda pela avaliação que a comissão técnica vai fazer na volta", indicou.

 

O Bahia volta a jogar pelo Campeonato Baiano no próximo domingo (26), às 16h, contra o Vitória da Conquista no estádio de Pituaçu.

Jardine aprova atuação do Brasil sub-23 na vitória sobre Uruguai: 'Controlou mais o jogo'
Foto: Mauro Horita / CBF

O técnico André Jardine aprovou a atuação da Seleção Brasileira sub-23 na vitória sobre o Uruguai por 3 a 1, pela segunda rodada do torneio Pré-Olímpico. Pepê, Pedrinho e Matheus Cunha anotaram os gols brasileiros no duelo no estádio Pereira. Apesar dos elogios, o comandante lamentou o tento sofrido marcado pelo uruguaio Bueno.

 

"Hoje fomos uma equipe que me convenceu mais, que amadureceu em relação ao primeiro jogo. Que controlou mais o jogo, errou menos e atacou com mais consciência. Ainda não foi perfeita a atuação. O gol do Uruguai a gente poderia ter evitado, mas tem uma série de evoluções em relação ao primeiro jogo", disse na entrevista coletiva. "Estamos no segundo jogo da temporada, com potencial de crescimento imenso. Quero agradecer aos atletas pela dedicação imensa, não tivemos um dia de folga, trabalhando de manhã, de tarde, de noite e a recompensa veio com essa grande vitória", completou.

 

O Brasil é líder isolado do Grupo B do Pré-Olímpico com seis pontos, três a mais do que o Paraguai e Uruguai, respectivamente na segunda e terceira colocações. Os garotos do time Canarinho voltam ao gramado na próxima terça (28), às 22h30, para encarar a Bolívia, no Centenário Armênia, pela quarta rodada do torneio.

Abel Braga elogia entrega dos garotos sub-20 do Vasco no revés para o Flamengo: 'Foi lindo'
Foto: Rafael Ribeiro / Vasco

O Vasco saiu derrotado no clássico com o arquirrival Flamengo por 1 a 0, na noite desta quarta-feira (22), no Maracanã, pela segunda rodada da Taça Guanabara. Os dois entraram em campo com times sub-20. Apesar do resultado negativo, o técnico Abel Braga exaltou a entrega da garotada vascaína.

 

"Hoje foi lindo, cara. Os garotos tentaram, mas teve uma hora que não deu", declarou o comandante. "O termo é esse: amassamos. Fizemos 30 minutos surpreendentes. Eles estavam nos dando a bola. Mas não conseguimos marcar o gol. Foi surpreendente nosso início", continuou.

 

Abel Braga justificou a opção por colocar um time misturando jogadores reservas e do sub-20 no clássico carioca. O treinador defendeu o planejamento do clube neste início de temporada e avisou que a equipe alternativa voltará à ação diante do Botafogo, visando o primeiro duelo contra o Oriente Petrolero, pela Copa Sul-Americana.

 

"Estou em pré-temporada. O Botafogo esticou o tempo de treinos, por exemplo. O time que fez o primeiro jogo (Bangu) teve problemas. Não é por aí. Os jogadores trabalharam hoje em dois períodos. Jogamos contra um time que ganhou tudo no ano passado, tem um coletivo muito bom. Os primeiro 30 minutos foram excepcionais. No segundo tempo, o Jordi, Juninho e Andrey sentiram um pouco. Nossa preocupação é o grupo e temos tentado usar da melhor forma possível. Sábado (Boavista) vamos com a equipe titular e contra o Botafogo os titulares não vão jogar", explicou. "Temos um jogo na Sul-Americana. Temos muitos meninos da base que hoje me deixaram muito satisfeitos. E não queremos um grupo de contundidos. E para nós a Sul-Americana é uma competição muito séria", completou.

 

Como disse Abel, o torcedor do Cruz-Maltino verá os titulares em campo no próximo sábado (25) contra o Boavista e na quinta (30) diante da Cabofriense, respectivamente pelas terceira e quarta rodadas da Taça Guanabara. O clássico com o Fogão será no dia 2 de fevereiro, pela quinta jornada. Três dias depois, o desafio é contra o Oriente Petrolero, em casa, pela Sul-Americana.

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 09:25

Henriques fala sobre operação para segurar Gilberto no Bahia: 'Esforço grande'

por Ulisses Gama

Henriques fala sobre operação para segurar Gilberto no Bahia: 'Esforço grande'
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

Gilberto fica no Bahia ou vai embora? Essa é uma dúvida que ainda não está respondida pelo clube. Após a proposta de um clube japonês, o Esquadrão de Aço se desdobra em esforços para manter o camisa 9 no CT Evaristo de Macedo. 

 

Em entrevista ao Bahia Notícias na última quarta-feira (22), o diretor executivo Pedro Henriques falou sobre a operação para segurar o jogador e indicou que a movimentação financeira será similar a da compra de um jogador. Ainda segundo o gestor, a cúpula está otimista em um final positivo.

 

"Sobre Gilberto... Gilberto, Gregore e Douglas são jogadores que a torcida tem identidade. Ainda mais Gilberto, que foi artilheiro no ano passado. É difícil. Ele veio em uma situação de oportunidade, pegamos ele livre. Quem não é do futebol entende que quando o jogador está livre, é de graça. Não é assim. Os empresários substituem os clubes. Se eu pagaria X para um clube, os empresários dizem 'eu quero esse X para mim'. Estamos tentando uma operação para manter o jogador. Se Gilberto ficar, não é uma manutenção de contrato. É uma aquisição importante. O pessoal está otimista, mas não é simples. Se acontecer, será um esforço muito grande. Guilherme, Diego e Vitor estão mais a par e estão empenhados para fazer acontecer. Quando Guilherme está empenhado, o pessoal fica otimista", declarou.

 

O Shimizu S-Pulse, do Japão, cobriu a multa do jogador, que gira em torno de R$ 2,5 milhões, além de oferecer boas condições ao atacante. Desde 2018 no Tricolor, Gilberto soma 83 partidas e 38 gols marcados. No Brasileirão do ano passado, com 14 gols, Gilberto foi o terceiro colocado na artilharia.

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 08:45

Caio Mello valoriza oportunidade no Bahia e avalia empate: 'Justo'

por Ulisses Gama

Caio Mello valoriza oportunidade no Bahia e avalia empate: 'Justo'
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

Revelado na base do Bahia, o volante Caio Mello teve na última quarta-feira (22) a oportunidade de ser titular na estreia do Campeonato Baiano 2020. Após o empate em 1 a 1 com a Juazeirense no estádio Adauto Moraes, o atleta comemorou a sua participação e avaliou positivamente a atuação do Esquadrão, que volta a jogar pelo estadual no domingo (26), contra o Vitória da Conquista.

 

"Venho da base e acho que é uma bela oportunidade. Espero que a gente volte a fazer um bom jogo no domingo", disse.

 

Na opinião de Mello, a igualdade no placar foi justa.

 

"Fizemos um bom trabalho e um bom jogo, fazendo o que a gente faz nos treinamentos. Acho que o empate foi justo", completou.

 

A próxima partida do Tricolor no calendário será com o time principal. O rival da vez é o Santa Cruz, no Arruda, pela Copa do Nordeste.
 

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 08:30

Volante do Jacobina analisa derrota para o Vitória: 'Não conseguimos impor nosso jogo'

por Leandro Aragão

Volante do Jacobina analisa derrota para o Vitória: 'Não conseguimos impor nosso jogo'
Foto: Reprodução / Premiere

O Jacobina estreou com derrota no Campeonato Baiano 2020. O Jegue da Chapada perdeu para o Vitória por 1 a 0, no Barradão, nesta quarta-feira (22), pela rodada de abertura da competição. Para o volante Fabiano, o time do interior não conseguiu impor o seu jogo na partida.

 

"No primeiro tempo a gente não conseguiu impor nosso jogo. Deixamos eles jogar bastante, sair com a bola. No segundo tempo melhoramos um pouco até com as mudanças. Pressionamos mais em cima, tivemos algumas oportunidades, antes deles fazerem o gol, não concluímos e infelizmente tomamos naquela bola ali", disse em entrevista ao canal "Premiere".

 

Punido com a perda do mando de campo, o Jacobina recebe a Juazeirense em Pituaçu, no próximo sábado (25), às 16h, pela segunda rodada do Baianão. No dia seguinte, mas no mesmo horário, o Leão visita o Flu de Feira, no Joia da Princesa.

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 08:05

Figueiredo recebe elogios de Agnaldo Liz: 'Um gigante'

por Glauber Guerra

Figueiredo recebe elogios de Agnaldo Liz: 'Um gigante'
Foto: Max Haack/ Ag. Haack/ Bahia Notícias

Considerado uma joia das divisões de base do Vitória, o volante Figueiredo, de apenas 17 anos, fez sua estreia em uma competição profissional no triunfo por 1 a 0 sobre o Jacobina, na última quarta-feira (22), no Barradão, pela primeira rodada do Campeonato Baiano. O desempenho do jogador em campo rendeu elogios do técnico Agnaldo Liz.

 

“A gente coloca sem medo. Atleta de 17 anos, mas um gigante. Parece um atleta muito experiente. Conquistou o espaço dele. A gente viu e oportunizou. Vai ser normal com os atletas daqui para frente. Iniciar com a confiança, com a vitória, a confiança do torcedor. Esse é o nosso objetivo, jogar para o torcedor. Essa que vai ser a tônica de nosso trabalho”, afirmou o comandante rubro-negro.

 

Figueiredo tem contrato com o Vitória até dezembro de 2021.

 

Com Figueiredo em campo, o Vitória Sub-23 encara o Fluminense de Feira na próxima rodada do Campeonato Baiano. O duelo acontece no domingo (26), às 16h, no Joia da Princesa.

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 07:30

Clebson lamenta empate da Juazeirense com o Bahia: 'Não tivemos a tranquilidade'

por Leandro Aragão

Clebson lamenta empate da Juazeirense com o Bahia: 'Não tivemos a tranquilidade'
Foto: Reprodução / Premiere

A Juazeirense saiu na frente do Bahia logo no primeiro minuto do segundo tempo, mas acabou cedendo o empate logo em seguida aos 12 na noite desta quarta-feira (22). Porém, o empate em 1 a 1 no Estádio Adauto Moraes, que encerrou a rodada de abertura do Campeonato Baiano, não deixou o meio-campista Clebson feliz. Para ele, o Cancão de Fogo foi melhor do que o adversário, mas não teve tranquilidade para matar o jogo.

 

"Pela segunda etapa que a gente fez e pelo volume mais de jogo, as chances de gol que tivemos mais poderíamos ter saído com os três pontos. Mas acho que foi um grande jogo. No primeiro tempo erramos muito em alguns aspectos, mas consertamos no segundo tempo e fizemos o gol. Infelizmente não tivemos a tranquilidade para fazer o segundo e sair vitorioso", afirmou em entrevista ao canal "Premiere".

 

Com um ponto marcado na tabela de classificação, o próximo desafio da Juazeirese será no sábado (25), às 16h, contra o Jacobina, em Pituaçu, pela segunda rodada da competição. No dia seguinte, o Tricolor recebe o Vitória da Conquista, no mesmo horário e local.

Executivo do Bahia relembra processo para viabilizar CT e avisa: 'Obras não vão parar'
Foto: Paulo Victor Nadal / Bahia Notícias

Hoje diretor executivo do Bahia, Pedro Henriques viveu intensamente o processo que levou o Bahia a enfim inaugurar o CT Evaristo de Macedo no último dia 11 de janeiro. Entre 2015 e 2017, como vice-presidente, o gestor participou de todo o imbróglio jurídico para recuperar o Fazendão e as chaves da Cidade Tricolor. Na sequência, Henriques voltou ao clube na gestão de Guilherme Bellintani para assumir o atual cargo e cuidar de toda a requalificação do espaço, que estava deteriorado em virtude da sua não utilização.

 

Em entrevista exclusiva ao Bahia Notícias, o dirigente relembrou todo o processo com a Construtora OAS, que usou os dois centros de treinamento como garantia de uma dívida com uma financeira, e a decisão de usar a área de Dias D'Ávila como o novo espaço dos atletas do clube.

 

"Tem todo o imbróglio da Cidade Tricolor que é anterior à gestão passada. Ainda na época de [Fernando] Schimidt foi feito um acordo com a OAS para que o clube voltasse a ter os dois patrimônios, só que nesse período estourou a Operação Lava Jato. Um dos primeiros contratos do clube em que me debrucei foi desse acordo e Vitor Ferraz, na época diretor jurídico, também esteve muito ativo. A minha preocupação era a capacidade da OAS cumprir o contrato diante do escândalo. Ouvimos sobre a possibilidade de recuperação judicial e na época conversamos com advogados, conselheiros e fizemos uma comissão para tratar do tema, e resolvemos que era importante fazer uma ação para preservar a Cidade Tricolor, o Fazendão e o terreno do Jardim das Margaridas. A gente entrou com uma ação cautelar, pedindo uma série de medidas, inclusive bloquear as matrículas dos imóveis. No decorrer da gestão, tentamos uma aproximação tanto com a OAS como com a Planner, que era a financeira que tinha a alienação fiduciária. O acordo foi viabilizado quando sentamos com os outros bancos que tinham o nosso patrimônio como garantia para chegar em um termo. Isso aconteceu lá em 2017, o Bahia efetuou o pagamento em cerca de R$ 6,5 milhões e uma quantidade considerável de Transcons. Acabou a gestão em 2017, começou a gestão de Guilherme e Vitor, e era preciso fazer uma escolha de como lidar com os patrimônios. Diante da grandeza e do potencial da Cidade Tricolor, entendemos que era importante fazer a migração", disse.


"Foi um dos pontos que Guilherme me abordou quando me convidou para voltar. O pessoal acha que no Bahia tem pouco trabalho, mas acho que tem pouco dirigente para muito trabalho. Há uma série de obrigações estratégicas e institucionais. Dentro desse contexto, ele me passou e começamos a trabalhar nisso. As primeiras demandas foram os campos e os prédios. Precisava fazer uma reforma muito grande e os orçamentos estavam variáveis. O que a gente fez? Contratou uma empresa para definir o escopo da obra. Foi feita uma planilha global para que as empresas fizessem propostas específicas de acordo com a definição", explicou.

 

 

Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

 

Com o desafio do investimento, feito com recursos próprios, Henriques admitiu que o clube teve dificuldades para encaminhar toda a reconstrução do CT. Hoje, com a Cidade Tricolor em funcionamento, o dirigente garante que as obras vão continuar para melhorar ainda mais a estrutura. Mais alojamentos, campos e um sistema de energia solar estão entre os planos da diretoria.

 

"Iniciamos em 2019, mas numa velocidade mais lenta do que a gente gostaria. Começamos a tocar a obra e o desafio passou a ser mobiliar e equipar. Conversamos com as melhores fornecedoras de aparelhos de academia, com a ajuda dos nossos preparadores físicos. Construímos uma academia que não estava no projeto para a base. Tinham dois auditórios no prédio e fizemos uma sala de fisioterapia, departamento médico e academia. Entendemos que isso foi importante para a base. Esse foi o grosso em termo estrutural. Houveram outros detalhes de paisagismo, obras de arte, que dão um visual diferente, além da comunicação visual. É muita coisa! Originalmente pensávamos em junho, mas entendemos que mudar no meio da temporada seria ruim. O CT não vai ficar 100% pronto porque as obras não vão parar. Estamos na segunda fase. Agora mesmo estava em uma reunião para instalação da energia solar. É um investimento grande, mas que se paga", relatou o gestor.

 

Sem se aprofundar, Henriques rebateu o ex-presidente Marcelo Guimarães Filho, que comemorou a inauguração do CT nas redes sociais (relembre aqui).Ele lembrou que o mandatário destituído em 2013 deixou o clube sem os centros de treinamento e com uma grande dívida.

 

"Tenho me envolvido cada vez menos na política do clube. Mas como uma pessoa que torce e acompanha o Bahia, acho engraçado. Na gestão dele, o Bahia não tinha Cidade Tricolor, Fazendão... Tinha sim um endividamento de quase R$ 200 milhões. Quem tem boca fala o que quer, né?", indicou.

 

Com a Cidade Tricolor pronta, o clube se prepara para vender o Fazendão. Um edital já foi publicado e o clube já recebeu propostas, de acordo com Henriques. Vale lembrar que o processo também passará pelo Conselho Deliberativo e pela Assembleia Geral de Sócios. 

 

"A gente fez uma avaliação com um profissional e é um valor dentro da realidade do mercado. Recebemos algumas propostas, mas não acredito que seja uma proposta que vá entrar muito dinheiro à vista no Bahia. Essas operações não são assim. Digamos que seja de R$ 15 milhões a R$ 25 milhões. Querendo ou não, pode vir um aporte mensal que nos ajude nessas execuções de projeto e nas demais atribuições".

 


Confira outros pontos da entrevista: 

PERMANÊNCIA DE BELLINTANI

"Guilherme é um grande gestor e a sociedade baiana tem ele como uma referência de empreendedor de sucesso. É natural que seja cotado. Felizmente ele desejou permanecer. Dá uma estabilidade importante para a democracia e tenho certeza que ele levou isso em consideração. O Bahia vem em uma crescente. Houveram mudanças estruturais para essa política do Bahia, com estatuto reformado e modernizado, credibilidade saneada e o caminho pavimentado para que ele pudesse fazer investimentos mais ousados, essa agressividade no marketing. Acho que ele deve focar na gestão que ele tem, assim como qualquer um que venha a dirigir o clube".

 

PILARES PARA SALTO NO ORÇAMENTO

"A estruturação e a credibilidade. Sem isso, seria uma bola de neve em endividamento. O fundamental também foi a receita com torcedores. Sócios, ingressos, loja, Arena Fonte Nova... Se somar tudo, chega perto da TV. Estamos trazendo o torcedor para perto do clube e isso é mérito da democracia. É uma base de saída muito importante. Na venda de atletas, o clube tem conseguido fazer bons negócios. Para mim, o próximo grande desafio, além de melhores performances, é dar um salto de qualidade na base. Vendemos Jean, Juninho Capixaba, Becão, Brumado... Essas vendas fazem a máquina girar. A gente queria que os jogadores da base jogassem sempre no profissional, mas podem ser que tenhamos jogadores que sirvam para vender para outros centros. Isso faz a máquina girar, ainda mais com a valorização de outras moedas".

 

EXPECTATIVA PARA 2020

"Tem que ser melhor que o ano passado. Gostaria de ver o clube levantar um título além do Baiano e o mais factível é a Copa do Nordeste. É uma competição que a torcida gosta, que tem apelo e que tem um retorno financeiro melhor que o estadual e nos coloca nas oitavas da Copa do Brasil. Queremos uma campanha boa na Sul-Americana e na Copa do Brasil. Claro que todo mundo quer ser campeão, mas sabemos da dificuldade. O mínimo é ser melhor que no ano passado. E no Brasileiro não acho que seja razoável não terminar na primeira página. Estando na primeira página, olhando uma vaga na Libertadores ou na pré. Demos uma vacilada no ano passado. Essa é uma das coisas que a democracia também proporcionou: a frustração era quando era rebaixado, perdia Ba-Vi, que tem tempo que não perdemos... Hoje nossa frustração é não ir para a Libertadores, perder de virada para o Flamengo...".

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 00:40

Dado aponta jogadores ansiosos e espera melhorias na sequência do Baianão

por Ulisses Gama

Dado aponta jogadores ansiosos e espera melhorias na sequência do Baianão
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

O Bahia começou a temporada de 2020 com um empate em 1 a 1 contra a Juazeirense na noite de quarta-feira (22), pela rodada de abertura do Campeonato Baiano. Em sua análise sobre o time de transição, o técnico Dado Cavalcanti destacou a ansiedade por causa da estreia e as condições desfavoráveis promovidas pelo adversário. Visando a sequência da competição, o comandante disse esperar por evolução do grupo.

 

"A estreia é sempre um pouco mais ansiosa, um pouco mais nervosa. Um grupo mais jovem acaba sentindo um pouco mais. Nossa equipe estava bem ansiosa em campo. Erramos bolas fáceis que em condições normais nossa equipe não erra. Faz parte do processo. Primeiro jogo aconteceu. Nossa equipe colocou a bola no chão, tentou jogar. Adversário também jogou. A partida foi animadora. As duas equipes tiveram chances. Primeiro tempo muito mais no nosso domínio, segundo tempo correu um pouco de nossas mãos. Sofremos mais no segundo. Não dá para lamentar tanto o resultado em si. A condição de jogo acaba sendo um pouco mais difícil, jogar fora, adversário imprimindo ritmo forte, campo irregular, nossa equipe tem tudo para amadurecer, para crescer mais no campeonato. Espero fazer um jogo melhor em casa", indicou.

 

Durante a partida, Dado optou por Cristiano, Luciano Buiu e Caíque e acabou não escolhendo reforços como o meia Fessin, vindo do Corinthians, e o atacante Régis, emprestado pela Chapecoense. O comandante explicou suas decisões.

 

"Alguns atletas já estão prontos para jogar, porém hoje guardei as três trocas por questões físicas. Duas muito mais por cansaço, por desgaste. A última, do Caíque pelo Saldanha foi uma opção mais minha. O campeonato vai andar. Terei outras oportunidades, com todos jogadores mais bem preparados", explicou.

 

A equipe volta a jogar pelo estadual no próximo domingo (26), às 16h, contra o Vitória da Conquista, em Pituaçu.

Quarta, 22 de Janeiro de 2020 - 23:45

Autor de gol do Bahia, Ramon comemora e mira o Vitória da Conquista

por Ulisses Gama

Autor de gol do Bahia, Ramon comemora e mira o Vitória da Conquista
Foto: Felipe Santana / EC Bahia

O meio-campista Ramon, do Bahia, foi o responsável pelo primeiro gol da equipe na temporada 2020. Com o tento, o Tricolor chegou ao placar final de 1 a 1 com a Juazeirense na noite desta quarta-feira (22), no Adauto Moraes, pela primeira rodada do Baianão. Após a partida, o jogador comemorou e apontou a missão de vencer a próxima partida.

 

"Feliz pelo gol. Como eu disse anteriormente, poderíamos ter saído com a vitória. Não foi um resultado ruim pelas
circunstâncias. Agora, dentro de casa, temos que buscar o triunfo", disse.

 

Ramon comentou o estilo da cobrança e celebrou o sucesso de balançar as redes.

 

"Venho treinando no dia a dia e tenho minha forma de bater. Fui feliz na escolha do canto", completou.

 

O Bahia volta a jogar pelo Baianão no próximo domingo (26), contra o Vitória da Conquista, em Pituaçu. Antes, o time principal encara o Santa Cruz, no Arruda, pela Copa do Nordeste.
 

Quarta, 22 de Janeiro de 2020 - 23:41

Após empate, Gustavo destaca 'jogo truncado' contra a Juazeirense

por Ulisses Gama

Após empate, Gustavo destaca 'jogo truncado' contra a Juazeirense
Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias

O atacante Gustavo, do Bahia, lamentou o empate em 1 a 1 com a Juazeirense na noite desta quarta-feira (22), no Adauto Moraes, pela primeira rodada do Campeonato Baiano. Segundo ele, o jogo foi truncado e o Tricolor poderia ter saído vencedor do duelo.

 

"Um jogo truncado. Poderíamos ter saído com o triunfo, os dois tiveram chances... Vamos embora comum ponto. Não está bom, mas também não está tão ruim", disse, em entrevista à Rádio Metrópole.

 

Com o resultado, a equipe comandada por Dado Cavalcanti soma um ponto e volta a jogar pelo estadual no próximo domingo (26), contra o Vitória da Conquista, no estádio de Pituaçu.
 

Quarta, 22 de Janeiro de 2020 - 23:27

Bahia empata com a Juazeirense na estreia do Campeonato Baiano

por Ulisses Gama

Bahia empata com a Juazeirense na estreia do Campeonato Baiano
Foto: Felipe Santana / EC Bahia

O Bahia empatou em 1 a 1 com a Juazeirense na noite desta quarta-feira (22), no estádio Adauto Moraes, pela rodada de abertura do Campeonato Baiano. O Cancão saiu na frente com gol marcado por Jhonata. De pênalti, Ramon empatou a partida a favor do Tricolor.

 

Com um ponto, o Tricolor volta a jogar pelo estadual no próximo domingo (26), contra o Vitória da Conquista, em Pituaçu. Antes, o time principal enfrenta o Santa Cruz no próximo sábado (25), no Arruda, pela Copa do Nordeste.

 

O JOGO

 

Logo nos primeiros segundos de jogo, o Cancão de Fogo assustou. Em jogada rápida pela direita, Alex Travassos chutou cruzado e a bola passou muito perto. Na sequência, o Esquadrão de Aço botou a bola no chão e respondeu com Gabriel Esteves, que recebeu cruzamento de Mayk e mandou por cima aos seis minutos.

 

Com 17 minutos, Saldanha ficou com a sobra da cobrança do lateral, girou e bateu com a perna esquerda para defesa do goleiro Roger Kath. Aos 27, foi a vez de Gustavo tentar de fora da área, mas a bola passou ao lado da meta. 

 

Roger Kath evita gol do Bahia

 

Aos 31 minutos, surgiu a primeira boa chance da partida. Livre na esquerda, Mayk cruzou na medida para uma grande defesa do goleiro Roger Kath.

 

Antes do fim da primeira etapa, o Tricolor perdeu uma grande chance. Em jogada de contra-ataque rápido, Lepo recebeu a bola de frente para o gol, mas na hora de driblar o goleiro, Roger Kath levou a melhor.

 

Segundo tempo

Após falha do Bahia, Jhonata coloca o Cancão na frente

 

Logo no início do segundo tempo, após cobrança de falta na grande área, Fernando socou a bola nas costas do zagueiro Anderson e a bola foi em direção ao gol, limpa para Jhonata abrir o placar e fazer a festa da torcida do Cancão de Fogo.

 

De pênalti, Ramon empata

 

Aos dez minutos, Gustavo tentou o cruzamento e a bola ficou com Saldanha, que tentou o drible e foi derrubado na área. O juiz acusou a penalidade máxima. Na cobrança, Ramon bateu rasteiro e não deu chance para o goleiro Milton.

 

Aos 30, a Juazeirense quase tomou a frente do placar. Depois de cobrança de escanteio, Elcarlos completou para o meio da área, a bola desviou e a defesa do Bahia conseguiu evitar o gol em cima da linha. Três minutos depois, Alex Travassos cobrou falta para boa defesa de Fernando.

 

Gugu acerta a trave

 

O Cancão quase marcou o segundo quando o relógio marcava 36 minutos. Após cruzamento, Elcarlos desviou e Gugu chutou a bola no pé da trave.

 

Aos 45, Elcarlos cruzou na área, Douglas Valle completou e o goleiro Fernando ficou com a bola.

 

FICHA TÉCNICA
Juazeirense 1 x 1 Bahia
Campeonato Baiano - 1ª rodada

Local: Adauto Moraes, em Juazeiro
Data: 22/01/2020 (quarta-feira)
Horário: 21h30
Árbitro: Bruno Pereira Vasconcelos
Auxiliares: Paulo de Tarso Bregalda Gussen e Edevan de Oliveira Pereira

Cartões amarelos: Clebson, Nino Guerreiro, Anderson (2x) (Juazeirense) / Cristiano (Bahia)

Cartão vermelho: Anderson

Gols: Jhonata (Juazeirense) / Ramon (Bahia)

 
Juazeirense: Roger Kath (Milton); Alex Travassos, Kanu, Junior Gaúcho e Wendell; Waguinho, Jhonata, Clebson e Elcarlos; Jeam (Gugu) e Nino Guerreiro (Douglas Valle). Técnico: Vladimir de Jesus
 


Bahia: Fernando; Willean Lepo; Ignácio, Anderson e Mayk; Edson, Ramon (Luciano Buiu) e Caio Mello (Cristiano); Gustavo, Gabriel Esteves e Saldanha (Caíque). Técnico: Dado Cavalcanti.

Quarta, 22 de Janeiro de 2020 - 22:33

'Começar com vitória é muito bom', celebra Agnaldo Liz

por Glauber Guerra

'Começar com vitória é muito bom', celebra Agnaldo Liz
Foto: Glauber Guerra/ Bahia Notícias

O Vitória Sub-23 iniciou sua jornada no Campeonato Baiano com triunfo. O time rubro-negro venceu o Jacobina por 1 a 0, nesta quarta-feira (22), no Barradão, em Salvador. O técnico Agnaldo Liz aprovou a postura da sua equipe em campo e valorizou o resultado positivo.

 

“Começar com o Vitória é muito bom para aquilo que a gente imaginava. Dificuldades de início por conta do pouco tempo de preparação, mas gostei do volume de jogo de nossa equipe, que soube fazer um jogo controlado, trabalhando bem a bola. Sofreu um pouco no final, mas o importante foi o resultado”, afirmou.

 

O próximo compromisso do Vitória Sub-23 é contra o Fluminense de Feira, domingo (26), às 16h, no Joia da Princesa, pela segunda rodada do Campeonato Baiano.

Quarta, 22 de Janeiro de 2020 - 21:57

Nickson comemora triunfo sobre o Jacobina e diz compreender cobrança da torcida

por Glauber Guerra

Nickson comemora triunfo sobre o Jacobina e diz compreender cobrança da torcida
Foto: Max Haack/ Ag. Haack/ Bahia Notícias

O meia-atacante Nickson foi o autor do gol que deu o triunfo por 1 a 0 sobre o Jacobina, nesta quarta-feira (22), no Barradão, válido pela primeira rodada do Campeonato Baiano. O jogador falou da felicidade em balançar as redes, bem como do resultado positivo.

 

Estou feliz por esse gol. No ano passado, não fui bem e quero esquecer. Estou feliz com esse gol e a vitória. Vou continuar trabalhando forte”, disse Nickson.

 

Alvo de críticas da torcida, Nickson diz que isso serve de incentivo.

 

“Isso é legal. Eles estão me cobrando para eu jogar bem e eu estou jogando por eles. Quero mostrar que a cobrança está dando certo e isso para mim é gratificante”, finalizou.

 

O Vitória volta a campo pelo Campeonato Baiano no domingo (26), contra o Fluminense de Feira, às 16h, no Joia da Princesa.

Quarta, 22 de Janeiro de 2020 - 21:24

Vitória supera o Jacobina e estreia com triunfo no Campeonato Baiano 2020

por Glauber Guerra

Vitória supera o Jacobina e estreia com triunfo no Campeonato Baiano 2020
Foto: Max Haack/ Ag. Haack/ Bahia Notícias

O Vitória Sub-23 estreou com triunfo no Campeonato Baiano. Em duelo disputado nesta quarta-feira (22), no Barradão, o time rubro-negro bateu o Jacobina por 1 a 0. O gol foi marcado pelo meia-atacante Nickson.

 

Sem tempo para descansar, o time comandado pelo técnico Agnaldo Liz volta a campo no domingo (26) para enfrentar o Fluminense de Feira, às 16h, no Joia da Princesa.

 

O JOGO

 

O Vitória apresentou um maior volume de jogo nos minutos iniciais, mas deixou a desejar nas conclusões. Aos sete, Gabriel Bispo arriscou de fora da área e mandou muito longe do gol. Aos 14, Caíque Souza recebeu dentro da área, limpou a marcação e bateu para o gol, porém a defesa do Jacobina conseguiu travar.

 

O Jacobina só fez o seu primeiro chute a gol aos 16. Edcarlos soltou uma bomba e Lucas Arcanjo defendeu. 

 

Aos 20, o Vitória teve uma boa chance de abrir o placar. Caíque Souza mandou de fora da área e a bola passou bem perto da trave. Um minuto depois, outra oportunidade desperdiçada. Nickson fez um passe açucarado para Eron, que arrematou e mandou na trave.

 

Apesar de ter sido o dono das melhores chances, o Vitória não conseguiu fazer o gol.
 

Segundo tempo

O time comandado pelo técnico Agnaldo Liz continuou em busca do gol. Aos seis, Caíque Souza cobrou escanteio, Nickson apareceu livre e cara a cara com o goleiro mandou para fora.

 

O Vitória fez uma boa trama aos 13 minutos e a bola sobrou para Wellisson, que invadiu a área, soltou uma bomba, mas mandou para fora.

 

Aos 32, Leocovick fez boa jogada pela esquerda e cruzou na direção de Nickson, que cabeceou e mandou para o fundo das redes. 
 

FICHA TÉCNICA
Vitória 1 x 0 Jacobina
Campeonato Baiano – 1ª rodada

Local: Barradão, em Salvador (BA).
Data: 22/01/2020 (quarta-feira).
Horário: 19h30.
Árbitro: Reinaldo Silva de Santana;
Assistentes: Alessandro Álvaro Rocha de Matos e Daniella Coutinho Pinto;
Cartões amarelos: Matheus Farinha (Vitória); Hércules, Deca e Iran (Jacobina);
Gol: Nickson (Vitória);

 

Vitória: Lucas Arcanjo; Welisson, Dedé, Nuno e Leocovick; Gabriel Bispo (Matheus Farinha), Figueiredo (Renzo) e Nickson; Gabriel Santiago (Negueba), Eron e Caíque Souza. Técnico: Agnaldo Liz.

 

Jacobina: Mateus; Edcarlos (Caio), Bruno, Iran e Deca; Hércules, Elielton e Dionísio; Luís Ricardo, João Neto (Fabiano) e Deivison (Ricardinho). Técnico: Arnaldo Lira.

Histórico de Conteúdo