'Respeita as Mina' é tema de decoração junina do Pelourinho
Foto: Divulgação / Rosilda Cruz / Bahiatursa

Com projeto artístico concebido pela artista Telma Calheira, inspirado na diversidade feminina do Nordeste, a decoração junina do Pelourinho este ano tem como tema “Respeita as Mina”. “Resgatamos elementos da nossa cultura, como dança da fita, a arte dos fuxicos, a beleza das rendas, a poesia dos balões, o colorido das bandeirolas e as vestimentas tradicionais”, explicaa Calheira. “Toda decoração foi planejada no sentido de não provocar danos ao patrimônio público”, destaca.


Espalhada pelos 780 mil metros quadrados do Pelourinho, a decoração conta com mais de 35 mil metros de bandeirolas distribuídas entre ruas e largos, 40 luminárias de três metros, 200 metros de gambiarras de luminárias, além de um balão de sete metros, 20 de quatro e 40 de três.


No Cruzeiro de São Francisco, um portal de entrada de 6m x 7m dá boas vindas aos turistas e baianos que forem curtir a festa. Cinco bonecas de 3,5m, sendo uma cangaceira, uma noiva caipira, uma retirante, uma forrozeira caipira e uma forrozeira vaqueira valorizam a luta das mulheres do Nordeste. Arcos de fuxico formam um túnel ligado a gambiarras coloridas. O espaço conta ainda com bustos femininos em resina de 1,60m x 1,10m. No Largo do Cruzeiro de São Francisco fica a tradicional “casa de reboco” com elementos característicos de um “arraiá” de raíz.


Já o Terreiro de Jesus terá dois portais de entrada de 6m x 5m, cinco bustos femininos, bandeirolas plásticas coloridas, um poste com dez metros de altura no centro da praça, 12 postes de oito metros e balões coloridos. Nas ruas 20 luminárias forradas em tecido de chitão, acabamentos com fitas e flores de fuxico.

Histórico de Conteúdo