Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 21:00

Festa da Purificação tem homenagem a Nicinha do Samba

Festa da Purificação tem homenagem a Nicinha do Samba
Fotos: Moisés Padilha / Acervo Grupo EXA

Tem início nesta quinta-feira (23) e segue até o dia 02 de fevereiro, em Santo Amaro, a Festa da Purificação, em homenagem à padroeira da cidade, Nossa Senhora da Purificação. O evento tem programação religiosa e musical, sendo o ponto alto da festa a lavagem do adro da Igreja da Matriz, realizada no próximo domingo (26).

 

A homenageada deste ano é Maria Eunice Martins, conhecida como Nicinha do Samba, matriarca do grupo de samba de roda Raízes de Santo Amaro.

 

Há ainda o bando anunciador que ganhará as ruas da cidade, na noite de 22 de janeiro distribuindo a programação da festa. Dia 23 tem início o novenário, que acontece na Igreja Matriz. O encerramento dos festejos ocorre no dia 02 de fevereiro com a Procissão em Louvor a Nossa Senhora da Purificação.


 
Já a parte profana, que inicia nesta sexta-feira (24), conta com shows e apresentações culturais, tendo como ponto alto da festa de rua a Lavagem do adro da Igreja, no dia 26 de janeiro. Entre as principais atrações estão Dilsinho, Psirico, Unha Pintada, É O Tchan, Duas Medidas, Igor Kanário, Edson Gomes. Durante os dias de festividades a expectativa é que a cidade receba cerca de 200 mil pessoas.

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 20:00

Filho de Regina Duarte é elo da atriz com direita bolsonarista

por Victoria Azevedo | Folhapress

Filho de Regina Duarte é elo da atriz com direita bolsonarista
Foto: Reprodução / Instagram

O filho mais velho de Regina Duarte, André Duarte Franco, é considerado pelo entorno da atriz como o elo dela com a direita alinhada ao presidente Jair Bolsonaro. Segundo relatos, ele poderá exercer grande influência na eventual gestão de Regina na Secretaria Especial da Cultura.

Em sua conta no Instagram, André aparece ligado à Plateia Agenciamento Artístico, que se define como uma empresa que une atores ao mercado publicitário. Ele também é empresário da mãe.

Ele está entre as pessoas que acompanham a atriz em sua visita a Brasília. André aparece em uma foto publicada no Instagram de Bolsonaro ao lado da mãe, do presidente, do jornalista Alexandre Garcia e do ministro da Secretaria de Governo, general Luiz Eduardo Ramos.

Em suas redes sociais, compartilha fotos e publicações favoráveis ao governo de Jair Bolsonaro e ataca a esquerda.

Em uma delas, de setembro de 2019, ele publica uma foto de Bolsonaro e elogia o discurso que o presidente fez na Assembleia Geral da ONU. "Verdades que machucam o establishment mundial. Coragem, Sr. Presidente", escreveu.

Em outra, critica dados sobre as queimadas no Brasil. "É inacreditável ver tanta gente 'inteligente' sendo manipulada pela mídia esquerdista e grupos que tem interesse em desestabilizar o governo".

Ele também diz que a ativista sueca Greta Thunberg é "marionete de grupos econômicos poderosos".

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 19:20

Prefeitura divulga resultado de licitação para construção do Parque Pedra de Xangô

por Matheus Caldas

Prefeitura divulga resultado de licitação para construção do Parque Pedra de Xangô
Foto: Reprodução / Fala Cajazeiras

A Superintendência de Obras Públicas do Salvador (Sucop) divulgou o vencedor da licitação para execução de obras de implementação do Parque de Pedra de Xangô, em Fazenda Grande III (leia mais aqui). A publicação saiu na edição do diário oficial desta quinta-feira (23). 

 

A empresa vencedora foi a CBR Empreendimentos Eireli, que receberá um valor global de R$3.747.860,50 para executar as obras de urbanização, pavimentação, drenagem e edificações. A vencedora foi convocada a assinar o termo de contrato. 

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 19:00

Giro: Biergarten se prepara para Carnaval com o Baile do Bier

por Adriana Barreto e Cris Montenegro

Giro: Biergarten se prepara para Carnaval com o Baile do Bier
Foto: Divulgação

Sucesso de público nos quatro anos de existência, o Biergarten prepara uma super edição pré-Carnaval. O evento, que acontece dia 9 de fevereiro, um domingo, no Trapiche Barnabé, entra no clima do verão e faz um esquente para o Carnaval com o Baile do Bier.

 

As atrações já confirmadas são Bailinho do Faustão e Banda Suinga. Os ingressos para aproveitar o Baile do Bier já estão disponíveis e o primeiro lote já esgotou. Corre lá no Sympla e garanta seu acesso. 

 

O Baile do Bier irá misturar a tradição dos jardins de cerveja em Munique com o batuque da folia baiana, reunindo música, entretenimento ao ar livre e mais de 20 rótulos de cervejas artesanais como família Brahma Extra e Colorado. (Por Cris Montenegro)

Rachel Reis apresenta 'Ventilador'; single de estreia tem produção de Barro
Foto: Reprodução / YouTube

A cantora e compositora Rachel Reis lançou o single de estreia "Ventilador". A canção marca a trajetória da artista que começou a cantar em 2016, fazendo apresentações covers em bares e eventos da sua cidade natal, Feira de Santana. Com produção do pernambucano Barro, a canção também ganhou um videoclipe. 

 

“Agora sinto que estou começando a criar minha identidade e me ver como artista, ter uma luz mais clara de que caminho eu quero seguir na música”, conta a cantora de 22 anos, que tem como maiores influências as vozes femininas de Amy Winehouse, Céu, Vanessa da Mata, Mariah Carey, Mayra Andrade, Norah Jones e Lana Del Rey.

 

A parceria com Barro surgiu em 2018, quando decidiu decidiu trilhar sua própria carreira e, ao conhecer Barro pela internet, foi para Recife gravar o seu trabalho autoral.

 

“Ventilador” é assinado por Rachel Reis, Fred Lima (banda Iorigun) e Barro e tem a participação dos músicos Guilherme Assis (baixo, synth, programação e guitarra) e Lassere (percussão).

 

Confira a canção:

'Na Rédea Curta': Causos de Mainha e Junior seguem em temporada no Teatro Jorge Amado
Foto: Divulgação

Após conquistar o público em uma websérie no YouTube, a dupla Thiago Almasy (Junior) e Sulivã Bispo (Mainha) estão em cartaz com "Na Rédea Curta - A Peça", no Teatro Jorge Amado, na Pituba, até o dia 26 de janeiro. O espetáculo acontece aos sábados, às 20h, e aos domingos, às 19h.

 

Em diferentes temporadas, a montagem já soma mais de 20 apresentações, todas com bilheterias esgotadas por um público que quer ir ver de perto aqueles personagens com quem tanto se identifica.


O QUÊ: Na Rédea Curta – A Peça
QUANDO: Até 26 de janeiro
ONDE: Teatro Jorge Amado - Pituba
VALOR: R$ 40 (inteira) R$ 20 (meia)

Monumento da Fundação de Salvador e obras de Carybé serão tombados nesta sexta
Foto: Divulgação

A prefeitura de Salvador realiza, nesta sexta-feira (24), às 17h, no Forte São Diogo - Espaço Carybé das Artes, a solenidade de tombamento municipal do monumento Marco Comemorativo da Fundação da Cidade e de 19 painéis de Carybé. Localizado no Farol da Barra, o monumento, assim como as obras espalhadas por diversos pontos de Salvador remetem à história da cidade. 


O tombamento do Marco da Fundação de Salvador atende ao pedido da Associação de Moradores e Amigos da Barra (Amabarra) e da Academia de Letras da Bahia (ALB). Já as obras de Carybé serão tombadas por solicitação do Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural, a partir da recomendação do Conselheiro Nivaldo Andrade. A seleção das obras se deu a partir de um o mapeamento de murais e painéis artísticos realizado em 2009, na capital baiana, pela professora Neila Maciel.

 

Saiba onde estão localizados os painéis:
P-1 - “Fundação de Salvador” - Teatro Castro Alves, Campo Grande;
P2 , P2A, P2B, P2C e P2D -“Orixás” - Museu Afro, Centro;
P-3 “Panorama de Salvador” - Escola Classe II, Pero Vaz;
P-4 “Tupinambás” - Ed. Tupinambá, Canela;
P-5, P5A E P5B - “Bahia” - Ed. Guilhermina, Campo Grande;
P-6 “A Colonização do Brasil” - Ed. Bráulio Xavier, Rua Chile/Centro;
P-7 “Quetzalcoatl” - Ed. Cidade de Ilhéus, Comércio;
P-8 “Fundação de Salvador” - Ed. Cidade do Salvador, Comércio;
P-9 “Progresso” - Ed. Cidade do Salvador, Comércio; 
P-10 “Índios Guerreiros” - Ed. Campo Grande, Campo Grande;
P-11 “As Mulheres e os Pássaros” - Centro Empresarial Iguatemi, Iguatemi;
P -12 – P12A e P12B - “Catarina Paraguaçu” - Ed. Catarina Paraguaçu, Graça;
P-13 “As três Raças” - Fundação Casa de Jorge Amado, Centro;
P-14 “A Colonização do Brasil” - Bradesco Rua Chile, Centro;
P15 – P-15A e P15B - “Os Pescadores” - Ed. Barão de Itapuã, Barra;
P-16 “Espécies Marinhas” - Ed. Labrás, Comércio;
P-17 “Descobrimento” - Banco Itaú Pituba, Praça Nossa Senhora da Luz;
P-18 “Painéis de Azulejos com Relevos” - Banco do Brasil Comércio;
P-19 “Manifestações Culturais” - Aeroporto

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 16:50

Pet Shop Boys lançam novo disco nesta sexta e devem fazer show no Brasil

por Rodrigo Pinto | Folhapress

Pet Shop Boys lançam novo disco nesta sexta e devem fazer show no Brasil
Foto: Reprodução

Foi na rua que o duo inglês Pet Shop Boys se fez. Em 1983, Neil Tennant (voz) e Chris Lowe (teclados) se conheceram numa loja de eletrônicos na região do Chelsea, em Londres, e dali saíram andando e fazendo planos.

Primeiro, adotaram West End como nome de futuro trabalho artístico, homenagem à área de Londres conhecida por teatros, inferninhos e sua cena gay, que eles, claro, frequentavam. Logo, já como "meninos da pet shop", explodiram mundialmente com o hit "West End Girls", alegoria dançante de brigas, fugas e diferenças de classe na noite do Soho. Trinta e sete anos depois, mais uma vez a rua é o combustível para a dupla.

"Sempre encontrei andando por aí os temas de nossa música", diz Neil Tennant sobre o 14º álbum do Pet Shop Boys, "Hotspot", com dez canções inéditas. "Por exemplo, 'Hoping for a Miracle', terceira do disco, fiz observando um pedinte em Waterloo Bridge. É sobre essas pessoas que se transformam em paisagem na cidade". Triste para um duo de pop eletrônico? Espere até ouvir a super dançante "Happy People". É inevitável o sentimento de ironia ao se comparar a alegria dilacerante exibida pelas pessoas nas redes sociais à tristeza escondida a sete chaves em suas vidas fora do celular.

"As redes sociais criaram uma situação em que as pessoas postam opiniões online e aquilo dá em nada. Há uma imensa expectativa, seguida por uma enorme frustração por não sermos ouvidos. É preciso sair, ir para as ruas fazer amor ou política de fato", elabora Tennant. De certo, "Hotspot" não escapa ao que ele e Lowe têm de melhor, o irresistível casamento entre melancolia e euforia. "Minha voz tem muito disso", concorda Tennant.

No entanto, a fricção entre alegria e tristeza não resultou em um disco mais político e menos dançante.

"Fizemos isso ano passado, no EP 'Agenda', com canções satíricas" lembra Tennant. Em "Hotspot" o Pet Shop Boys tenta levantar o astral, sem alienação, em um mundo dominado pelo noticiário pessimista.

"Nossa agenda é a liberdade. O mundo está indo por um caminho ruim, cheio de nacionalismos, refratários à liberdade. E nacionalismo dá em guerra, porque tem sempre alguém querendo provar algo", diz Tennant.

O cantor define "Hotspot" como o "álbum 'Berlim' de nossa carreira", em alusão aos célebres discos gravados nos anos 1970 por artistas como David Bowie ("Heroes") e Iggy Pop ("Lust for Life") na cidade alemã. Hotspot foi, efetivamente, registrado no gigantesco estúdio Hansa, conhecido por, nos tempos de Guerra Fria, estar a 150 metros do fatídico Muro de Berlim. Talvez por isso soe mais setentista do que a maior parte dos álbuns do PSB --principalmente os recentes "Electric" (2013) e "Super" (2016).

"O som está mais analógico, nostálgico. Gravamos com instrumentos vintage, alguns espalhados pelo chão", diverte-se Tennant, ao citar os termos comumente associados à sonoridade obtida no Hansa sem poder se lembrar das marcas dos equipamentos que usou. "Num dado momento, os elementos de uma canção --baixo, bateria, teclados e vozes-- foram executados em quatro caixas de som separadas, dentro do estúdio, como se fosse uma banda ao vivo, e regravados, para dar esse gosto mais analógico".

"Hotspot" aquece a turnê mundial que o Pet Shop Boys inicia em maio, em Berlim. "Só tocaremos hits", diz Tennant. Do disco novo, serão "Monkey Business" e "Dreamland", que tem participação do Years & Years.

"Desde já, em nossas cabeças, são hits", brinca Tennant, antes de afirmar querer ir novamente ao Brasil.

"O país tem um governo terrível, mas a melhor plateia do mundo. Os brasileiros batem palmas em um ritmo muito particular. Não há nada igual. Por isso, desde 1994, na Discovery Tour, sempre levamos nossas turnês ao país", completa.

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 14:40

Funarte veta rock, bandas militares e religiosas em edital de apoio à música

por Jamile Amine

Funarte veta rock, bandas militares e religiosas em edital de apoio à música
Foto: Movimento Samamba Rock/Divulgação

Após o presidente da Fundação Nacional de Artes (Funarte), Dante Mantovani, afirmar que o rock “leva ao aborto e ao satanismo" (clique aqui e relembre), o órgão vetou este estilo musical de um edital divulgado nesta quarta-feira (22).


"O rock ativa a droga que ativa o sexo que ativa a indústria do aborto. E a indústria do aborto alimenta uma coisa muito mais pesada, que é o satanismo. O próprio John Lennon disse abertamente, mais de uma vez, que fez um pacto com o satanás”, afirmou Mantovani em um vídeo publicado em suas redes sociais. 


Com inscrições abertas até 9 de março, o Prêmio de Apoio a Bandas de Música 2020, recém lançado pela Funarte, prevê a distribuição de instrumentos de sopro aos artistas selecionados. Além do rock, ficam de fora também outros gêneros musicais. “Não poderão participar deste Edital ‘fanfarras’ ou ‘bandas marciais’ ligadas ou não a instituições do ensino regular público ou privado, ‘bandas de pífanos’, ‘bandas de rock’, ‘big-bands’, bem como conjuntos musicais assemelhados, conjuntos musicais de instituições religiosas, bandas militares e bandas de instituições de segurança pública”, diz o edital (clique aqui e saiba mais). 

Antes mesmo de assumir cargo, Regina Duarte convida reverenda Jane Silva como adjunta
Foto: Divulgação

Mesmo ainda em “noivado” sem fechar “casamento” com o governo (clique aqui), Regina Duarte convidou a reverenda Jane Silva para o cargo de adjunta na Secretaria Especial da Cultura. A informação é da coluna de Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo.


Segundo a publicação, Jane, que atualmente é secretária de Diversidade Cultural da pasta, foi convidada pela atriz, nesta quinta-feira (23), durante uma reunião com assessores, secretários da pasta e o ministro do Turismo. 
A reverenda Jane Silva, que aceitou a proposta de Regina Duarte, deve substituir João Paulo Soares Martins. “Uma amiga querida que torço para aceitar [assumir o cargo de secretária de Cultura. A namoradinha do Brasil vai empolgar a cultura”, disse Jane à coluna.


Presidente da empresa Associação Cristã de Homens e Mulheres de Negócio, a reverenda assumiu a Secretaria de Diversidade Cultural em novembro, e é apoiadora do presidente Jair Bolsonaro e simpatizante do ex-secretário Roberto Alvim.

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 14:00

Filhos de Jorge, Ilê e Afrodisíaco estão entre atrações do Fuzuê e Furdunço; confira lista

por Lucas Arraz / Júnior Moreira Bordalo

Filhos de Jorge, Ilê e Afrodisíaco estão entre atrações do Fuzuê e Furdunço; confira lista
Foto: Reprodução / Instagram

A Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, através da Saltur, divulgou na última terça-feira (21) a lista com as atrações selecionadas para integrarem a grade dos eventos pré-carnavalescos Fuzuê e Furdunço neste ano, que acontecem a partir do dia 15 de fevereiro.

 

Entre os destaques estão a cantora Viviane Tripodi e o músico Luciano Calazans, além do bloco Ilê Aiyê. Já de bandas, os eventos contarão com nomes a exemplo de Diamba, Faustão e os Mongas, O Quadro, Quabales, Guig Ghetto, Adão Negro, Filhos de Jorge e Afrodisíaco.

 

Para o Fuzuê, que acontece no sábado (15), 35 atrações aprovadas e o foco são grupos ou manifestações culturais, com acompanhamentos como charangas, fanfarras, orquestras e grupos percussivos. A concentração geralmente acontece no Clube Espanhol e o desfile termina no Farol da Barra. Em relação ao Furdunço - que será realizado no domingo (16) - 49 foram selecionados e o pré-requisito é que fossem artistas solos, duplas, trios ou bandas.

 

Vale destacar que esta não é a lista final, já que o edital estabelece três dias úteis para a apresentação de recursos. A ordem dos desfiles será divulgada em breve. Para conferir a lista completa dos contemplados, clique aqui.

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 14:00

Giro: Axezin Summer

por Adriana Barreto e Cris Montenegro

Giro: Axezin Summer
Alexandre Peixe | Foto: Roque Holanda

O verão já tomou conta do clima de Salvador! E na primeira edição do Axezin Summer na Bahia Marina, evento capitaneado pelo cantor e compositor Alexandre Peixe, neste último sábado (18); também não foi diferente. O visual da Baía de Todos os Santos se somou ao clima de muito Axé Music e foi um sucesso total! Além das já tradicionais três horas de show do anfitrião, a festa também conta como espaço Corredor da História: um ambiente especialmente decorado para contar a história de nomes que marcaram época e ajudaram a levar a Bahia para o mundo. Os homenageados foram Gerônimo e André Macedo. Elesnão apenas admiraram suas retrospectivas, mas também, é claro, subiram ao palco para participações muito especiais! “Foi incrível! Só tenho a agradecer a todos e já começar a pensar nas surpresas para a próxima edição”, conta Alexandre Peixe.Durante o show, Peixe já anunciou a data da segunda edição do Axezin Summer: dia 15 de fevereiro, às 17 horas, na Bahia Marina.E com direito a show completo da cantora Márcia Freire, dando um pontapé nos festejos de Momo! (Por Cris Montenegro)

Centro de Convenções de Salvador terá busto em homenagem ao ex-senador ACM
Foto: Divulgação

O novo Centro de Convenções de Salvador, que será inaugurado nesta quinta-feira (23), terá um busto em bronze em homenagem ao ex-senador Antônio Carlos Magalhães. O complexo terá o nome do político baiano. A obra fará parte da decoração interna do novo equipamento, que será administrado pela GL Events pelos próximos 25 anos. O busto, feito pela artista e diretora da Escola de Belas Artes da Ufba, Nanci Novais, 

A peça pesa aproximadamente 30 quilos e mede 70 cm x 50 cm. "Sinto-me lisonjeada e premiada por ter uma obra em um espaço tão representativo e importante para a cidade", comemorou Nanci, conhecida por organizar e participar de diversas exposições, individuais e coletivas, no âmbito local, nacional e internacional. 

Como escultora, é autora de diversos projetos públicos e monumentos, tanto em Salvador como em cidades do interior da Bahia, atuando também na criação de troféus, medalhas e bustos de personalidades homenageadas. Dentre as obras feitas por ela na capital baiana está o monumento Engenheiro Carlos Batalha, na Praça Carlos Batalha (Rio Vermelho), a escultura da imagem peregrina do Senhor do Bonfim, na Basílica do Bonfim, e o Monumento à Sabedoria, no campus da Ufba de Ondina.

No interior do estado, há os monumentos ao poeta Castro Alves, na cidade de Cabaceiras, e ao ex-governador da Bahia Régis Pacheco, em Jequié."O trabalho é todo com base nas fotografias do personagem e indicações de pessoas que conviveram com ele para poder passar alguns detalhes da fisionomia. É um trabalho que exige concentração. Como o senador Antônio Carlos Magalhães era conhecido nacionalmente, facilitou muito”, revela Nanci.

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 12:50

Terror com Gary Oldman é previsível, mas tem boa história de possessão

por Thales de Menezes | Folhapress

Terror com Gary Oldman é previsível, mas tem boa história de possessão
Foto: Divulgação

As críticas americanas para o terror "A Possessão de Mary" não foram das mais generosas. Mas é difícil resistir a ver um filme com dois atores ingleses tão bons, Gary Oldman e Emily Mortimer. Nada com essa dupla pode ser desprezível, e o filme realmente não é. Problemas existem, mas é um boa história de possessão.

O diretor americano Michael Goi fez apenas um outro filme para o cinema, "Megan Is Missing", de 2011, uma história assustadora sobre duas adolescentes perseguidas por um molestador que chega a elas pelos chats da internet. É um caso típico de um roteiro melhor do que o filme, que tem problemas de ritmo.

Nesses oito anos de intervalo até o segundo longa de cinema, Goi dirigiu uma penca de episódios de séries de TV, alguns de grandes sucessos como "Riverdale", "American Horror Story" e "Pretty Little Liars". Parece ter conseguido evoluir muito, e "A Possessão de Mary" cria um bom clima de suspensa e tem um elenco bem conduzido. Essa observação vale para os atores coadjuvantes, já que Oldman e Mortimer não precisam de ajuda de um diretor, basta deixá-los com o texto e não atrapalhar.

Oldman é David, capitão de navios que levam turistas para passear no mar. Mas trabalhar como empregado para os outros não rende dinheiro suficiente para dar uma vida melhor para a mulher, Sarah (Mortimer), e suas duas filhas, uma adolescente e outra ainda trocando os dentes de leite (esse detalhe terá importância na trama).

David arrisca o dinheiro que tem (e o que não tem) na compra de um barco antigo e bem estragado, que tem o nome Mary, o mesmo de sua filha mais nova. Sarah inicialmente repreende o marido, achando que será dinheiro desperdiçado, mas depois cede à ideia e ajuda na restauração do barco.

Com a reforma terminada, a embarcação fica bonita e chama a atenção a figura na proa, uma mulher de cabelos longos e seios à mostra. Uma sereia? Uma representação da tal Mary? Enfim, os closes do rosto esculpido da figura serão abundantes, e aí o filme insiste demais nessa repetição para indicar aquilo que qualquer fã de filme de terror sabe desde o início: o barco está possuído pelo espírito vingativo de uma mulher.

Aí reside o verdadeiro problema de "A Possessão de Mary": é previsível além da conta. Em qualquer ponto da exibição é possível antecipar os próximos rumos da trama. David, Sarah e as meninas saem para o passeio inaugural, ao lado de um marinheiro experiente, amigo da família, e de um jovem aprendiz, que é namorado de Lindsey, a filha mais velha. E aos poucos o espírito de Mary começa a atacar a tripulação.

Talvez o filme fosse mais interessante sem a opção do diretor em contar o que aconteceu no barco em flashbacks, a partir do depoimento de Sarah na polícia, depois de ser resgatada no mar. Saber que ela sobreviveu à tragédia enfraquece um pouco o enredo. Mas o roteiro introduz um detalhe interessante: algum tempo antes, Sarah traiu David, que a perdoou. Isso não impede que exista uma tensão entre eles, que Oldman e Mortimer levam a um ótimo nível no meio dos aterradores fenômenos que presenciam no barco.

Um adepto fervoroso de filmes de terror pode relevar a previsibilidade do filme. Nesse gênero, criar uma atmosfera assustadora e resolver a história com um fechamento surpreendente valem muito, e "A Possessão de Mary" acerta nesses dois quesitos. E tem uma dupla de atores da pesada.

Bolsonaro ganha quadro de Romero Britto; artista já pintou Dilma, Doria e Sérgio Cabral
Foto: Reprodução / Instagram

Jair Bolsonaro será retratado pelo artista plástico Romero Britto, através de um quadro. A obra inacabada foi divulgada, nesta quarta-feira (22), nas redes sociais de Flávio Bolsonaro, filho mais velho do presidente. 


“Visita ao ateliê do fenômeno e orgulho brasileiro Romero Britto. Nova arte no forno em homenagem ao Presidente Jair Bolsonaro”, escreveu Flávio na publicação, que mostra o rosto do pai estampado com a estética marcante do artista pernambucano. 


Bolsonaro, no entanto, não é a primeira personalidade política retratado por Romero Britto, que também pintou nomes como a ex-presidente Dilma Rousseff (PT); o ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (MDB); o governador de São Paulo, João Doria (PSDB); o ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama e a ex-primeira-dama americana Hillary Clinton.

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Visita ao ateliê do fenômeno e orgulho brasileiro @romerobritto . Nova arte no forno em homenagem ao Presidente @jairmessiasbolsonaro .

Uma publicação compartilhada por Flávio Bolsonaro (@flaviobolsonaro) em

Moraes Moreira e Davi Moraes fazem show neste sábado no Pelourinho
Foto: Divulgação

Pai e filho, Moraes Moreira e Davi Moraes se apresentam juntos, neste sábado (25), a partir das 20h, no Largo Quincas Berro D'Água, no Pelourinho. 


Neste encontro de gerações, eles mostram sua afinidade e dedicam ao público um show de sucessos e clássicos de cada carreira. Os ingressos, que custam entre R$ 25 e R$ 80, estão à venda na plataforma Sympla. 


SERVIÇO
O QUÊ:
Moraes Moreira & Davi Moraes no Pelô
QUANDO: Sábado, 25 de janeiro, às 20h
ONDE: Largo Quincas Berro D'Água – Pelourinho – Salvador (BA)
VALOR: Lote 1 – R$ 25 (meia) e R$ 50 (inteira) | Lote 2 – R$ 30 (meia) e R$ 60 (inteira) | Lote 3 – R$ 35 (meia) e R$ 70 (inteira) | Lote 4 – R$ 40 (meia) e R$ 80 (inteira)

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 09:40

Após novo encontro, Regina Duarte diz que noivado com governo ainda não é casamento

por Daniel Carvalho e Gustavo Uribe | Folhapress

Após novo encontro, Regina Duarte diz que noivado com governo ainda não é casamento
Foto: Divulgação

A atriz Regina Duarte disse que não definirá nesta quarta-feira (22) se aceitará o convite do presidente Jair Bolsonaro para assumir a Secretaria de Cultura do governo.

Ao ser convidada, na semana passada, Regina disse estar noivando com o governo. No início desta tarde, ao chegar a Brasília para encontrar novamente Bolsonaro, disse que era preciso ir “com tempo”.

“Não, hoje não. Ei, pera aí, noivado é noivado. Vou continuar conversando, noivando”, disse a atriz, escoltada por funcionários do governo ao deixar o aeroporto de Brasília pela área de serviço.

Indagada sobre quais os termos para que o noivado fosse convertido em casamento, respondeu apenas que a pergunta era complicada e minimizou a importância sobre a secretaria voltar a ser ministério.

“Não acho importante falar disso neste momento”, afirmou a atriz, que disse ainda ter “uma porção de coisa” para ajustar na área cultural, mas sem entrar em detalhes.

Regina Duarte deixou o aeroporto rumo ao Palácio do Planalto, onde almoçou com Bolsonaro. Eles já haviam se reunido no Rio de Janeiro na segunda-feira (20) .

Na terça (21), o presidente disse já estar com saudades dela e brincou que o novo encontro deles teria que ser escondido da primeira-dama, Michelle Bolsonaro (clique aqui).

O governo estuda fazer nova modificação na Secretaria de Cultura e transferi-la do Ministério do Turismo para a Presidência da República. Inicialmente, o órgão era vinculado ao Ministério da Cidadania, chefiado por Osmar Terra.

Assim, em uma tentativa de prestigiá-la, a atriz responderia diretamente ao presidente e não a um ministro de estado.

A atriz programou um período de teste em Brasília a partir desta quarta para decidir se aceita a nomeação no lugar de Roberto Alvim, demitido por ter copiado frases de Joseph Goebbels, ministro de Hitler na Alemanha nazista, em um vídeo no qual anunciava um edital suspenso por ordem do governo.

Além de Bolsonaro e Regina, participaram do almoço o ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, e o jornalista Alexandre Garcia.

No encontro, segundo relatos feitos à Folha, o presidente garantiu à atriz que, caso ela aceite o convite, terá liberdade para trocar toda a equipe do órgão federal.

Para deixá-la mais à vontade, foi anunciada nesta quarta-feira (22) a exoneração do secretário-adjunto, José Paulo Soares Martins, que ocupava o posto desde 2016.

Para o seu lugar, Regina avalia o nome do ator Carlos Vereza, que também é simpático ao governo e é considerado um plano B de Bolsonaro caso a atriz não aceite o cargo.

Na sequência, Regina se reuniu no gabinete do ministro da Secretaria de Governo com Jorge Oliveira (Secretaria Geral) e Marcelo Álvaro Antônio (Turismo).

Troféu HQMIX: 'Oscar' dos quadrinhos brasileiros tem inscrições abertas até março
Foto: Divulgação

Estão abertas, até o dia 7 de março, as inscrições para a 32ª edição do Troféu HQMIX, considerado o “Oscar” dos quadrinhos brasileiros.


Para concorrer, as editoras, autores e produtores de quadrinhos precisam submeter trabalhos cujo lançamento tenha ocorrido no país ou tenha ocorrido no exterior, desde que organizado por brasileiros. A data de lançamento das HQs participantes devem ter acontecido entre 1º de janeiro e 31 de dezembro de 2019.


Uma taxa de R$ 15 é cobrada para inscrever cada obra em duas das 34 categorias disponíveis. A cada taxa paga, o interessado pode concorrer em outras duas. O regulamento está disponível no site do Troféu HQMIX (clique aqui).

Quinta, 23 de Janeiro de 2020 - 07:50

JAM no MAM faz sua primeira edição de 2020 neste sábado

JAM no MAM faz sua primeira edição de 2020 neste sábado
Foto: Divulgação / Pedro Gabriel

A tradicional JAM no MAM faz sua primeira edição do ano de 2020, neste sábado (25), a partir das 18h, na área externa do Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM-BA), em Salvador.


Na ocasião, André Becker, Gabi Guedes, Ivan Bastos, Ivan Huol, Lorena Martins, Luizinho Assis, Matias Traut e Rowney Scott, integrantes da anfitriã banda Geleia Solar, se reencontram. 


O evento contará ainda com a participação especial da pianista, flautista, arranjadora e compositora paulistana Debora Gurgel. 


No repertório da jam, o público poderá conferir uma mistura do jazz com ritmos e raízes da música brasileiras. Dentre os destaques do setlist estão canções como “Da Pá Virada” (Debora Gurgel), “Bananeira” (João Donato), “Trilhos Urbanos” (Caetano Veloso) e “Chovendo na Roseira” (Tom Jobim).


SERVIÇO
O QUÊ:
JAM no MAM
QUANDO: Sábado, 25 de janeiro, das 18h às 21h
ONDE: Área externa do Museu de Arte Moderna da Bahia – Salvador (BA)
VALOR: R$ 8 (inteira) e R$ 4 (meia) | Ingressos online por R$ 24 para ajudar campanha FÃ da JAM (clique aqui

Formada por novos comediantes baianos, DrogaRia do Humor estreia no Rio Vermelho
Foto: Divulgação

A DrogaRia do Humor estreia na próxima sexta-feira (24), no Red Depósito Bar, no Rio Vermelho, às 21h segue em curta temporada até o dia 31 de janeiro. Com a premissa de "dar um gás para o cenário do Stand Up comedy baiano", o espetáculo vai ter os comediantes Adriano Vaz e Edu Silva como anfitriões.

 

O projeto ainda conta coma participação especial de Alan Miranda e outros comediantes convidados. A primeira apresentação ocorre após temporada de estreia em São Paulo, onde Adriano e Edu lançaram o projeto. Juntos, os dois são responsáveis ainda pela criação do canal de humor M.I.D (Maldita Inclusão Digital), com esquetes no Youtube.

 

A noite da DrograRia conta também com a Feirinha Empreendedora, espaço para empreendedores da cidade.


SERVIÇO
O QUÊ: DrogaRia do Humor
QUANDO: De 24 a 31 de janeiro, às 21h
ONDE: Red Depósito Bar - Rio Vermelho
VALOR: R$ 15

Número dois da secretaria da Cultura é exonerado; ele era substituto de Alvim
Foto: Janine Moraes / MinC

A Secretaria Especial da Cultura do governo federal anunciou, nesta quarta-feira (22), a exoneração do titular interino da pasta, José Paulo Soares Martins, que substituía o ex-secretário Roberto Alvim, demitido após divulgar vídeo com aspectos estéticos e discursivos da propaganda nazista. 


O motivo da exoneração, segundo o G1, não foi anunciado. Ela deve ser publicada no "Diário Oficial da União". José Paulo estava na Cultura desde junho de 2016. Nesta quarta-feira, o presidente Jair Bolsonaro almoçou com a atriz Regina Duarte no Palácio do Planalto, convidada para assumir o posto deixado pelo agora ex-secretário.

 

Regina, que afirmou estar em "período de testes" à frente da Cultura, utilizou as redes sociais após o encontro e disse que o "noivado continua". Bolsonaro também não indicou se o convite foi aceito oficialmente pela atriz. 

Festival Oferendas reúne 25 atrações para celebrar o Dia de Yemanjá
Foto: Divulgação

O Lalá Casa de Arte vai realizar, nos dias 1º e 2 de fevereiro, a 9ª edição do Festival Oferendas. O evento será realizado a partir das 21h na varanda da casa, voltada para a Praia da Paciência, e reunirá 25 atrações, entre DJs sets, performances e shows.

 

O Festival Oferendas acontece no Rio Vermelho há 8 anos, como parte das celebrações para Yemanjá no dia 2 de fevereiro. Em um palco voltado para a rua, artistas independentes de todo Brasil já se apresentaram, a exemplo de Baco Exu do Blues, Xênia França, Larissa Luz, Marcia Castro, Russo Passapusso, Bruno Capinam, Moreno Veloso e Bem Gil. 

 

Artistas respeitados e consagrados como Mateus Aleluia (Tincoãs) e Letieres Leite, Alzira E e banda Metá Metá também integraram a festa. Os ingressos para esta edição estão disponíveis no Sympla e a programação completa você pode ver abaixo:

 

01 DE FEVEREIRO:
19h - DJ Mozaum (PE)
20h - Juçara Marçal e Kiko Dinucci (SP) – Show Padê
21h - DJ Set Lorena Calábria (SP)
21h30 - Odoyá Experience e convidados (BA - USA)
22h30 - DJ Beco Dranoff                                                                                             
23h - Jadsa Castro convida Giovani Cidreira (BA)
23h30 - DJ Patrick Tor4
00h - Héloa (SE)
00h30 - DJ Analog Africa (Tunísia)
01h - Márcia Castro e convida Felipe Cordeiro (BA - PA)

 

02 DE FEVEREIRO:
12h - DJ Catsamps
12h40 - DJ CamiloFroes
13h30 - Hiran e Convidados
14h30 - DJ Riffs
15h10 - Josyara
16h10 - DJ Tutu Moraes
17h - DJ Ubunto
17h50 - Nara Couto
19h - DJ Jerônimo Sodré & DJ Grace Kelly

 

SERVIÇO
O QUÊ: Festival Oferendas 2020
QUANDO: 1º e 2 de fevereiro
ONDE: Lalá Casa de Arte (Rua da Paciência, 329 – Rio Vermelho)
VALOR: R$ 60 (por dia) e R$ 100 (viradão)

Quarta, 22 de Janeiro de 2020 - 19:20

Chuvas: Festival do Malé Debalê e Ensaio da Orquestra Afrosinfônica são cancelados

por Jamile Amine / Bruno Leite

Chuvas: Festival do Malé Debalê e Ensaio da Orquestra Afrosinfônica são cancelados
Foto: Maurício Serra

Por conta das fortes chuvas que caem em Salvador desde a manhã desta quarta-feira (22), o Ensaio de Verão ao Ar Livre da Orquestra Afrosinfônica, que seria realizado no Largo do Pelourinho, às 19h, e o festival de música do Bloco Afro Malê Debalê, que aconteceria nesta quinta-feira (23), foram cancelados.

 

Conforme publicizou o Pelourinho Noite & Dia, vinculado a prefeitura municipal e que organiza o ensaio de verão, as demais programações da semana estão mantidas. Já a Diretoria do Malê Debalê informou que uma nova data deverá ser divulgada para o festival de música. 

 

O Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) emitiu um alerta amarelo para a situação das chuvas, que causaram estragos em diversos pontos da capital baiana (veja aqui). O Aeroporto Internacional de Salvador chegou a ter queda de energia (veja aqui).

 

Segundo a Defesa Civil de Salvador (Codesal) a previsão é de que a chuva continue até amanhã, podendo ser acompanhada de trovoadas. 

Quarta, 22 de Janeiro de 2020 - 19:00

Giro: Camarote da Rainha

por Adriana Barreto e Cris Montenegro

Giro: Camarote da Rainha
Daniela Mercury | Foto: Célia Santos

O evento Camarote da Rainha, que é sucesso no Brasil todo, vai ser realizado no próximo domingo, 26 de janeiro, a partir das 15h. O novo endereço foi um pedido da anfitriã Daniela Mercury, que conheceu o Espaço Jequitaia (antigo Arquipélago Summer Club), no bairro da Calçada, e se apaixonou. No local, o público poderá ainda curtir os shows do Bailinho de Quinta e do Cortejo Afro com vista para o mar da Baía de Todos os Santos, com mais conforto e segurança.

 

A festa começou em Salvador em 2011 e, depois de várias edições, passou a rodar o Brasil. Nos últimos anos, passou por cidades como São Paulo, Natal e Fortaleza, sempre com ingressos esgotados. Os ingressos estão à venda no San Folia. (Por Cris Montenegro)

Quarta, 22 de Janeiro de 2020 - 17:50

Selo que registrou começo da bossa nova e áudios de poetas restaura acervo

por Lucas Brêda | Folhapress

Selo que registrou começo da bossa nova e áudios de poetas restaura acervo
Reprodução / O Globo

Em 1955, o jornalista paulista Irineu Garcia começou a receber discos de pequenos selos da Europa. Entre eles, um do escritor André Gide, comentando uma aula de piano, e outro do poeta Paul Eluard, ambos franceses, declamando seu poema "Liberté".

"Ele perguntou ao Drummond e ao Bandeira se eles topavam ser gravados declamando os próprios poemas", conta Gracita Garcia Bueno, sobrinha do jornalista.

Nasceu assim o primeiro LP do Festa, pequeno selo de que viria a lançar dezenas de discos importantes para a cultura brasileira, tanto de literatura quanto de música erudita e popular.

Todo esse conteúdo, que inclui de Pablo Neruda declamando "Vinte Poemas de Amor e Uma Canção Desesperada" a um dos primeiros LPs de bossa nova, o "Canção do Amor Demais", deve chegar ao YouTube e às plataformas de streaming ainda neste ano.

O projeto é fruto de uma parceria entre Gracita e Anete Rubin Mignone, filha do pianista e maestro Francisco Mignone, que figurou em vários lançamentos do Festa.

"Nos encontramos porque ela precisava de coisas do pai e se interessou muito pelo selo", diz Gracita. "É preciso cuidado para lidar com esse material, por isso a convidei para ser herdeira do selo também."

As duas trabalham há três anos para reunir e preservar o catálogo. Atualmente, 80 dos 97 títulos estão disponíveis, entre fitas master, cópias digitais e vinis, guardados em um depósito no centro de São Paulo. Em paralelo, Anete cuida da masterização dos áudios e das autorizações dos artistas.

É uma revitalização de um material importante. São registros que, no esquema convencional das gravadoras, dificilmente teriam sido feitos.

"A existência do Festa sinalizou a presença de um nicho fonográfico voltado para produções refinadas", afirma Ana Paula Orlandi, jornalista que estudou o selo em sua dissertação de mestrado. "A experiência em relação ao registro de literatura foi replicada em iniciativas do gênero dentro de grandes gravadoras."

Já existiam discos de literatura antes do Festa, mas não um nicho de mercado. A coleção "Poesias", inaugurada com Drummond e Bandeira, por exemplo, teve 13 discos, sempre com um poeta brasileiro em cada face do vinil.

Isso só foi possível pela presença de Irineu Garcia, a partir dos anos 1940, entre os intelectuais e artistas que viviam nos bares de Copacabana. Lá, fez amigos e relações fundamentais para o selo.

"Tendo essa vida boêmia, noturna, ele conhecia muita gente", diz Gracita. "Foi o Vinicius de Moraes quem, por exemplo, sabia de um baianinho que tocava um violão diferente - e viria a ser João Gilberto."

João é um dos músicos que toca em "Canção do Amor Demais", disco de 1958 com composições de Tom Jobim e Vinicius de Moraes e voz de Elizeth Cardoso, um dos marcos iniciais da bossa nova.

O Festa também abarcou o nacionalismo musical brasileiro, lançando principalmente Francisco Mignone e Heitor Villa-Lobos. Àquela altura, diz Orlandi, a indústria fonográfica estava mais voltada à música popular, e a gravação de eruditos era prática incomum.

Nessa parte do catálogo, há ainda registros da música antiga brasileira, como a coletânea "Mestres do Barroco Mineiro (Séc. 18)", de 1958, que registra uma apresentação da Orquestra Sinfônica Brasileira no Theatro Municipal carioca.

O Festa durou até 1971, quando Irineu se exilou em Portugal. "Ele foi avisado pelos militares que tinha dois meses para sair do país", diz Gracita. O selo já não ia tão bem, e o catálogo acabou vendida para a Philips - depois PolyGram e Universal.

Gracita conseguiu recuperar os direitos do Festa após enviar várias cartas à gravadora, depois da morte do tio, em 1984. No começo dos anos 2000, chegou até a lançar títulos em CD.

Em uma pasta, ela guarda recortes de jornal e cartas a Irineu. Entre elas, algumas de Tom Jobim e de Chico Buarque, além de várias de Pablo Neruda, que ficava hospedado na casa de Irineu no Rio.

"Faziam as coisas de graça. Não tem documento com autorização", ela diz. O próprio Irineu, muitas vezes, executava as operações do selo, que não tinha vendas expressivas - "Canção do Amor Demais" e "O Pequeno Príncipe" tiveram tiragem de 1.050 cópias, mas a média era de 250 a 500.

Anterior ao boom do disco, que aconteceu nos anos 1960 no Brasil, o Festa representa um dos últimos momentos de ingenuidade e idealismo no mercado fonográfico brasileiro. Quando Irineu o entregou a uma grande gravadora, a indústria havia ficado grande demais para ele.

"De qualquer forma, era difícil ele continuar fazendo esse trabalho", diz Gracita. "Nosso objetivo é preservar essa memória cultural."

José Wilker: Garçom que servirá Regina Duarte na Cultura tem apelido de ex-colega da atriz
Foto: Reprodução / TV Globo

A atriz Regina Duarte, se assumir oficialmente o cargo de secretária da Cultura do governo Jair Bolsonaro, deverá ser servida por um garçom conhecido pelo nome de um colega da atriz na novela "Roque Santeiro", o já falecido ator José Wilker.

 

“Aqui todos me chamam de José Wilker ou de Leonardo Di Caprio”, disse o copeiro Wilker Francisco Barbosa de Lima Silva, 32, que trabalha há nove anos na secretaria, para a Folha. 

 


Wilker é copeiro da Secretaria da Cultura | Foto: Reprodução / Acervo pessoal

 

"As mulheres aqui falam que eu pareço com ele [Di Caprio], por causa do Titanic. Já o José Wilker é por causa do meu nome, mesmo. Ficam brincando: ‘José Wilker está vivo aqui em Brasília! [risos]’”, contou.

 

O garçom foi batizado com o segundo nome do ator porque sua mãe era "apaixonada" por ele. “Mas na família dela todos os irmãos são José, aí ela não colocou porque ia ficar muito José”.

 

A atuação de Wilker junto ao titular da pasta costuma acontecer em momentos específicos. “A gente serve o secretário mais quando tem reunião grande no auditório”, disse ele. Isso porque a sala que Regina pode ocupar fica no quarto andar do prédio da Secretaria da Cultura e a copa onde Wilker Francisco fica, no segundo andar.

 

Ele disse ainda não ser fã de novela e admitiu que a ida da "Namoradinha do Brasil" para o comando da secretaria “é uma novidade".

Após encontro com Doria, Brown pode captar R$ 984 mil para cantar no carnaval de SP
Foto: Divulgação / Fred Pontes

O baiano Carlinhos Brown, que recentemente se reuniu com o governador do estado de São Paulo, João Doria, conseguiu apoio da Secretaria de Fomento e Incentivo à Cultura (Sefic) – vinculada ao governo federal – para se apresentar este ano no carnaval da capital paulista.


De acordo com informações da coluna de Guilherme Amado, na revista Época, o artista foi autorizado pela Sefic a captar R$ 984 mil para desfilar no Bloco du Brasil, em fevereiro. A apresentação será gratuita. 

 

Recentemente Brown se encontrou com o governador João Doria:

Quarta, 22 de Janeiro de 2020 - 15:00

GastrôBahia: Degustação

por Cris Montenegro

GastrôBahia: Degustação
Karina Poggio, chef

A chef Karine Poggio, conhecida pelo trabalho autoral no Restaurante Coentro e atualmente no comando da cozinha do Healthy por Victoria Cintra, é convidada da chef Stella Maris, do Espaço Cultural Casa de Mãe, no Rio Vermelho, para uma Degustação de Comidinhas com Inspiração no Recôncavo, no próximo dia 23 de janeiro (quinta-feira), às 18h.

 

Entre delícias como Baião de Dois, Salada de Ostras do Kaonge, Bolinho de Feijão Verde com Linguiça de Maragogipe e Bao de Fumeiro com Maionese de Coentro, Vinagrete de Pimenta e Picles de Maxixe, os convidados poderão provar drinks à base do Tanajura Gin, marca local da bebida, e harmonizar os pratos com vinhos e espumantes da Família Kogan Wines, feita pelo Sommelier Augusto Messeder.

 

Após o evento, para quem quiser estender a noite, o Espaço Cultural segue com sua tradição de boa música e contará com apresentação de Palmira e Paulo Levita, cantando clássicos da MPB e Bossa Nova. O acesso ao evento custa R$ 80, que dão direito às comidinhas. Vinhos em taça serão vendidos a R$ 20 e R$ 25. Reservas: (71) 99926-2101.

Ator e fundador do Monty Python, Terry Jones morre aos 77 anos
Foto: Divulgação

O ator, diretor e fundador do grupo de comédia Monty Python, Terry Jones, morreu nesta terça-feira (21), aos 77 anos. A informação foi divulgada pela família do artista, à BBC. 


"Estamos profundamente tristes de anunciar a morte de nosso querido marido e pai, Terry Jones. Terry faleceu na noite do dia 21 de janeiro de 2020, aos 77 anos, com sua esposa Anna Soderstrom ao seu lado, após uma extremamente corajosa, e sempre bem-humorada, batalha contra uma rara forma de demência, FTD", disseram os familiares do comediante. "Seu trabalho com o Monty Python, seus livros, filmes, programas de televisão, poemas e outras obras viverão para sempre, um legado apropriado de um verdadeiro polímata", acrescentaram.


Ao lado de Graham Chapman, John Cleese, Terry Gilliam, Eric Idle e Michael Palin, o artista foi um dos fundadores do Monty Python, no ano de 1969. 

Quarta, 22 de Janeiro de 2020 - 14:00

Giro: 'A Feijoada'

por Adriana Barreto e Cris Montenegro

Giro: 'A Feijoada'
Cortejo Afro

As produtoras Diva Entretenimento e A4 Produções apresentam para o público de Salvador a festa “A Feijoada”. Será realizada neste sábado, dia 25 de janeiro, na Chácara Baluarte, no Santo Antônio Além do Carmo. A festa promete marcar o fim de semana com muito agito e música boa. O evento, que começa às 13 horas, vai oferecer serviço all inclusive com buffet de feijoada do Pereira e open bar (cerveja Devassa, whisky Ballantines, espumante Rio Sol, vodka Absolut, energético EnerUp, Cachaça Cabaré, refrigerante e água). Além disso, quem curte um espaço exclusivo – com direito a vista privilegiada para os shows e bar com drinks de gin – poderá optar pelo lounge Beefeater. A animação ficará por conta do cantor Jau, do Cortejo Afro e do Bailinho do Faustão, que prometem o melhor da música baiana. Os ingressos ainda estão à venda e podem ser adquiridos pelo site Sympla ou na loja da Diva, no L2 do Salvador Shopping. (Por Cris Montenegro)

Histórico de Conteúdo