Quinta, 22 de Agosto de 2019 - 18:40

MPF investiga vetos a produções da Ancine com temas LGBT

MPF investiga vetos a produções da Ancine com temas LGBT
Foto: Reprodução / TV Globo

O Ministério Público Federal (MPF) no Rio de Janeiro abriu uma investigação sobre vetos do governo federal a produções da Ancine que possuíam temas LGBT. No último sábado, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) anunciou a suspenção de um edital que previa verbas para esse tipo de produção (veja aqui).

 

De acordo com o órgão federal, caso as produções tenham sido realmente censuradas, ficará configurada violação de regras de editais, além de discriminação, o que é proibido pela Constituição Federal. O edital, publicado em março de 2018, já estava em fase final, mas foi suspenso pelo ministro da Cidadania, Osmar Terra.

 

Segundo o G1, o MPF expediu ofícios ao Ministério da Cidadania e à Ancine, para que eles apresentassem informações sobre a suspensão do edital. O prazo para resposta é de 10 dias. Outra questão que foi colocada em pauta é a suposta decisão do governo de não aprovar projetos audiovisuais que tenham temáticas LGBT.

 

O ministro Osmar Terra alegou, nesta quinta-feira (22), que a suspensão não foi um ato de censura. De acordo com ele, o edital foi lançado no governo passado, e a atual gestão "tem direito de opinar sobre os temas que são mais importantes" quando os editais envolverem recursos públicos. 

Após 10 anos, produtores do VMA contam bastidores de confusão entre Kanye e Swift
Foto: Divulgação / Kevin Mazur / WireImage / Getty Images

Dez anos após a polêmica no MTV Video Music Awards envolvendo Kanye West, Taylor Swift e Beyoncé, a Billboard fez revelações sobre as histórias dos bastidores do evento. 

 

Para os que não lembram, Kanye interrompeu o discurso de Taylor, que ganhou o prêmio de Melhor Vídeo Feminino por "You Belong With Me", para dizer que quem merecia ter vencido era Beyoncé.  "Estou feliz por você, mas Beyoncé fez um dos melhores vídeos de todos os tempos", disse o rapper após tirar o microfone das mãos da premiada, deixando-a sem reação. 

 

Na época, Taylor tinha 19 anos e no palco, enquanto ela segurava o troféu ela parecia estar assustada e envergonhada. A câmera do evento ainda mostrou Beyoncé, que estava visivelmente chocada com a ação do amigo. 

 

Na mesma noite, quando Bey recebeu o prêmio de Vídeo do Ano ela chamou Taylor ao palco para que ela terminasse seu agradecimento. Mais tarde, Kanye West pediu desculpas à cantora, aos fãs e à mãe dela em seu blog. "Ela é muito talentosa. Errei por ter ido ao palco e roubado o momento dela!", escreveu.

 

BASTIDORES
De acordo com a Billboard, na hora da premiação Kanye estava sentado na primeira fileira do local, mas aquela não era sua posição correta. Dias após o incidente, um produtor decidiu chegar qual era a poltrona original de Kanye e descobriu que o lugar reservado para ele era originalmente em várias fileiras para trás. 

 

O rapper foi passado para frente após os produtores perceberem que não havia homens suficientes para os momentos de corte de câmera e transferiram o artista na última hora para a primeira fileira. E como a produção estava preocupada com o que estava sendo transmitido pela TV, optou por não deixar nenhum segurança próximo ao palco.

 

Produtores ainda informarão ao site que no intervalo, a cantora Pink foi falar com Kanye. Ela estava aparentemente nervosa e chegou a apontar o dedo na cara do cantor. 

 

Taylor estava com o emocional abalado e o presidente da Viacom, Van Toffler, contou a Billboard que foi o responsável por conversar com a jovem cantora. "Ela e a mãe estavam chorando e eu me desculpei, afirmando que não sabíamos de nada". 


Quando Van Tofler foi para trás do palco, ele encontrou Beyoncé acompanhada do pai e a cantora também estava chorando. “Me sinto mal por ela”, dizia Bey. “Foi quando deu um clique na minha cabeça, e talvez na dela, sobre potencialmente fechar o ciclo daquela noite. Em certo momento, a deixei saber que provavelmente ela subiria ao palco ao final para um prêmio. E não seria legal se Taylor voltasse para ter o momento dela?", contou o representante da Viacom.

 

 "Normalmente eu não diria nada, mas eu tinha duas artistas chorando”, disse ele, revelando a quebra de protocolo em premiações.

Luedji Luna apresenta show 'Um Corpo no Mundo' no Pelourinho
Foto: Divulgação

Luedji Luna retorna a Salvador com seu show "Um Corpo no Mundo". Há um ano a baiana se apresentou no Teatro Castro Alves, com ingressos esgotados, desta vez a cantora realiza o show no Largo Quincas Berro D'Água, no Pelourinho, no dia 29 de setembro, às 18h. 

 

O álbum da turnê é o primeiro da sua carreira e já foi contemplado com o Prêmio Caymmi de Música e o Prêmio Afro em 2017, e com o Prêmio Bravo 2018, todos na categoria Revelação. Nele, Luedji faz um passeio por diversas sonoridades como MPB, samba, ritmos africanos, batuque baiano e jazz, e aborda temas sociais em suas letras, principalmente no que se refere à identidade afro-brasileira.

 

Os ingressos já estão à venda na plataforma Sympla e em breve, nas lojas Soul Dila dos shoppings Barra e Salvador. Os valores são 1º lote R$ 25 meia e R$ 50 inteira, 2º lote R$ 30 meia e R$ 60 inteira, 3º lote R$ 35 meia e R$ 70 inteira e 4º lote R$ 40 meia e R$ 80 inteira.

 

SERVIÇO
O QUÊ:
 Luedji Luna – Um Corpo no Mundo
QUANDO: Domingo, 29 de setembro, às 18h
ONDE: Largo Quincas Berro D'Água – Pelourinho – Salvador (BA)
VALOR: Lote 1 – R$ 25,00 (meia) / R$ 50,00 (inteira) | Lote 2 – R$ 30,00 (meia) / R$ 60,00 (inteira) | Lote 3 – R$ 35,00 (meia) / R$ 70,00 (inteira) | Lote 4 – R$ 40,00 (meia) / R$ 80,00 (inteira)

Dão é convidado especial do Cabaré Vibrátil desta sexta no Vila Velha
Foto: Divulgação

O cantor baiano Dão é o convidado especial da próxima edição do Cabaré Vibrátil, que acontece nesta sexta-feira (23), a partir das 22h, no Cabaré dos Novos, no Teatro Vila Velha, em Salvador.


Antes do artista, Claudia Cunha e Bruna Barreto já participaram do projeto, que é inspirado na estética dos cabarés alemães e tem como proposta celebrar a diversidade e a liberdade (clique aqui e saiba mais sobre o Cabaré Vibrátil). 


O espetáculo de variedades leva ao palco o convidado e os atores-cantores Duda Woyda, Leandro Villa e Talis Castro, acompanhados da banda feminina Coral, composta por Roberta Dantas, Poliana Coelho, Luísa Santos, Ingrid Steinhagen e Maira Lins.

 

SERVIÇO
O QUÊ:
Cabaré Vibrátil
QUANDO: Sextas-feiras de julho e agosto, às 22h
ONDE: Cabaré dos Novos - Teatro Vila Velha – Salvador (BA)
VALOR: R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia)

Quinta, 22 de Agosto de 2019 - 14:40

Caetano Veloso anuncia data extra de show 'Ofertório' no Teatro Castro Alves 

por Jamile Amine

Caetano Veloso anuncia data extra de show 'Ofertório' no Teatro Castro Alves 
Foto: Divulgação / Jorge Bispo

A produção de Caetano Veloso anunciou uma data extra para a série de shows da turnê “Ofertório”, na sala principal do Teatro Castro Alves. Além das apresentações que o artista baiano fará ao lado dos filhos Zeca, Moreno e Tom, de 24 a 26 de outubro, eles sobem ao palco também no dia 23.


“Creio que não somos uma família de músicos, como há tantas, dado o caráter comprovadamente genético do talento musical, mas seguramente somos músicos de família. Os shows são dedicados às mães deles, a Cézar Mendes e à memória de minha mãe”, diz Caetano, sobre o espetáculo, cujo repertório traz sucessos como “O Leãozinho“, “Reconvexo” e “Um canto de afoxé para o bloco do Ilê“, e a composição “Todo Homem”, de Zeca Veloso.


Os ingressos custam entre R$ 45 e R$ 210, e estão à venda nos postos do SAC nos shoppings Barra e Salvador, na bilheteria do TCA ou no site Ingresso Rápido.


SERVIÇO
O QUÊ:
Ofertório – Caetano, Moreno, Zeca e Tom Veloso
QUANDO: 23 a 26 de outubro. Quarta a sábado, às 21h
ONDE: Sala Principal do Teatro Castro Alves – Salvador (BA)
VALOR: A a P - R$ 210 (inteira) e R$ 105 (meia) | Q a Z5 - R$ 170 (inteira) e R$ 85 (meia) | Z6 a Z11 - R$ 90 (inteira) e R$ 45 (meia)

Quinta, 22 de Agosto de 2019 - 14:00

Giro: Lucas Hawkin no baile O Pente

por Adriana Barreto e Cris Montenegro

Giro: Lucas Hawkin no baile O Pente
Lucas Hawkin 

Da favela do Rio de Janeiro, com força e verdade, o cantor Lucas Hawkin desembarca em Salvador na próxima véspera de feriado, dia 6 de setembro para estabelecer as primeiras conexões do baile O Pente com as terras cariocas. Lucas é um dos artistas escolhidos para o ocupar o inédito Espaço Favela na edição do Rock in Rio 2019, chegando também à Bahia pela primeira vez no baile mais preto do Brasil. Nascido no Realengo, Lucas traz na sua música a realidade de uma vida cheia de obstáculos e repleta de conquistas.

“Meu som é uma mistura do Pop e R&B. Eu falo sobre amores, vivências em que todas as pessoas passam.  Minha música é para todos que desejam me ouvir” contou Lucas que lançou recentemente “Sonho Bom”, já com vídeo no Youtube e se prepara para apresentar em todas as plataformas digitais, o novo single “O Jogo”, ambas autorais. No line up do Pente, o bailarino Lucas Montty que agitou a pista da última edição da festa, sendo aclamado por todos que solicitaram um bis do moço que ferve o baile. Ainda do Rio, o DJ Castor mandará o melhor do afrobeat e ritmos africanos e ainda guardamos espaços para os ritmos do ghetto sob o comando do DJ Tau Brasil. Muitos foram os pedidos para colocar a mina que sabe como tocar fogo no rolê e pela primeira vez no Pente, Bruxa Braba foi intimada e marcará presença com aquele set dos pecados. @opente_afesta. (Por Cris Montenegro)
 

Netflix divulga lista de filmes LGBTQ+ e alfineta Bolsonaro: 'Só assiste quem quer, tá?'
Documentário brasileiro 'Laerte-se' é um dos destaques | Foto: Divulgação

Após o ministro da Cidadania, Osmar Terra, cancelar edital voltado para produções com temática LGBTQ+ a mando do presidente Jair Bolsonaro (clique aqui), a Netflix Brasil divulgou uma lista de filmes do gênero nas redes sociais e aproveitou para alfinetar o presidente.


“Gente, deixei cair aqui uma lista de séries e filmes MA-RA-VI-LHO-SOS sobre LGBTQ+”, diz a publicação do serviço de streaming. “Ah, sim, lembrando que só assiste quem quer, tá?”, ironizou.


"Queer Eye", "Special", "Elisa y Marcela", "Grace & Frankie" e o documentário nacional "Laerte-se" foram as obras elencadas pela Netflix.


A decisão de cancelar o edital provocou mais uma baixa no governo Bolsonaro. Alegando não ser conivente com a censura, Henrique Pires deixou a Secretaria Especial de Cultura (clique aqui), vinculada ao Ministério da Cidadania e criticou também o ministro Osmar Terra (clique aqui). 

Vereador propõe criação da Festa Literária Nacional e Internacional da Câmara
Foto: Divulgação

O vereador de Salvador Odiosvaldo Vigas (PDT) apresentou um projeto de resolução com o objetivo de criar a Festa Literária Nacional e Internacional da Câmara Municipal (FliCâmara).


A proposta prevê a realização do evento nas instalações da Câmara de Salvador, em datas paralelas à Festa Literária Nacional e Internacional do Pelourinho (Flipelô). A coordenação e organização da FliCâmara ficaria a cargo do Centro da Cultura da Câmara, que hoje é gerido por Odiosvaldo. “O projeto objetiva ampliar as ações culturais da cidade com envolvimento de artistas locais e demais personagens da cultura. O FliCâmara será uma extensão da Flipelô", explica o vereador.  "Vamos fazer ecoar para outros estados brasileiros a cultura baiana e nordestina", acrescenta.

TVE exibe documentário sobre vida e obra do sambista Batatinha nesta sexta
Foto: Divulgação

A TVE Bahia exibe, nesta sexta-feira (23), às 22h, o documentário “Batatinha - O Poeta do Samba”, que mostra a vida, obra e trajetória do cantor e compositor baiano Oscar Penha, mais conhecido como Batatinha e considerado um dos maiores nomes do samba na Bahia.


Dirigido por Marcelo Rabelo, o longa-metragem é conduzido pelos filhos do artista, que conversam com amigos, colegas e vizinhos importantes na vida do pai. Nascido em 1924, Batatinha morreu em 1997, deixando composições regravadas por nomes de peso no cenário musical brasileiro como Chico Buarque, Gilberto Gil e Caetano Veloso. Autor de 150 músicas, o sambista gravou apenas um disco solo em toda sua vida.


O documentário será exibido em horário alternativo no domingo (25), às 12h30, no sábado (31), às 17h30, e pode ser assistido também pela internet (clique aqui).

Ex-secretário de Cultura sobre Osmar Terra: 'Era um cara extremamente democrático'
Foto: Clara Angeleas / Ministério da Cidadania

Após deixar a Secretaria Especial de Cultura do governo Bolsonaro, alegando não querer coadunar com a censura nas políticas culturais (clique aqui e saiba mais), Henrique Pires se mostrou decepcionado com a postura do ministro Osmar Terra, titular da pasta da Cidadania, à qual a secretaria está vinculada.

 
“Ele mudou. Era um cara extremamente democrático, mas virou a chave. Tomara que seja só uma fase”, disse Pires, à coluna de Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo. Os dois já trabalhavam juntos desde 2016, quando o ex-secretário chefiava o gabinete do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), comandado por Terra no governo de Michel Temer.


Ainda segundo a publicação, Henrique Pires afirmou também ter recebido uma oferta de Terra para presidir uma fundação no Rio de Janeiro, mas disse que recusou. “Todas as diretorias de fundações têm ido muito bem, obrigado. Cargo em fundação não é prêmio de consolação para quem não está afinado com a censura”, disse. 


O ministro da Cidadania, no entanto, rebateu seu ex-subordinado e afirmou que Pires foi demitido porque “não estava desempenhando as políticas propostas pela pasta”.

De Demi a Camila Pitanga, famosos fazem apelo contra série de queimadas no Brasil
Foto: Divulgação

Vários famosos brasileiros e internacionais usaram suas redes sociais nesta quarta-feira (21) para se manifestar contra a série de queimadas que atinge o país nas últimas semanas. A hashtag #PrayforAmazonas também chegou a ser a mais usada no mundo no início da tarde. 

A atriz e cantora americana Demi Lovato, 27, afirmou que a "maior floresta tropical do mundo está em chamas pelo 16º dia e a mídia não está dando a mínima". "A Amazônia está queimando há três semanas e eu só soube agora, por conta da covardia da imprensa. Este é um dos mais importantes ecossistemas do mundo", completou ela. 

Já a atriz Camila Pitanga, 42, afirmou estar recebendo com desespero as notícias sobre as queimadas no Centro-Oeste. "Nossas matas pedem socorro, nossos rios pedem socorro, nossos animais pedem socorro. O ar fica irrespirável, o dia vira noite e o rastro de destruição atinge cada um de nós, mesmo a quilômetros e quilômetros de distância". 

Ela continua: "Porque também somos nós que estamos queimando ali. É nossa história, nossa riqueza, nossa gente. Não podemos deixar o país virar cinzas, lama e devastação. Não deveria existir dois lados quando estamos falando de preservação ambiental, apenas o lado da vida de todo planeta."

Já o padre Fábio de Melo, 48, e a atriz Grazi Massafera, 37, postaram fotos dos incêndios e ilustrações a respeito. "Peço perdão ao meu filho e aos vossos. A todas as gerações futuras por tamanha ignorância e ganância de alguns seres humanos. Mil perdões", publicaram eles, repostando uma mensagem da cantora portuguesa Mariza. 

Com 72.843 focos de incêndio do início de janeiro até segunda-feira (19), o Brasil registra um aumento de 83% em relação ao mesmo período do ano passado. O fogo também avança sobre áreas protegidas. Somente nesta semana, houve 68 ocorrências dentro de terras indígenas e unidades de conservação estaduais e federal.

Roberto Alban Galeria recebe mostra fotográfica com visão poética de Salvador
Foto: Divulgação

A Roberto Alban Galeria, situada no bairro de Ondina, em Salvador, recebe a mostra “Voltaire Fraga, Hoje (entre o ontem e o amanhã)” entre os dias 20 de agosto e 9 de setembro.


A exposição reúne 36 fotografias em preto e branco, captadas pelo baiano Voltair Fraga entre os anos de 1930 e 1960. Com curadoria de Dilson Midlej, doutor em Artes Visuais e professor da Escola de Belas Artes da Ufba, a mostra abrange quatro núcleos temáticos: A água e regiões bucólicas da cidade (Ribeira, Dique do Tororó, praias do Porto da Barra e Farol da Barra, os saveiros na Rampa do Mercado etc); A iconografia da cidade: vista da Cidade Baixa com o Elevador Lacerda, Praça Castro Alves, Praça Municipal, Mercado Modelo etc); as festas populares e as baianas e os trabalhadores (feirantes, ambulantes).


“São nestes dois últimos núcleos que se evidenciam mais notadamente as preocupações de transmissão de valores humanistas dignificantes, impregnados nos papéis sociais dos sujeitos de suas fotografias”, observa o curador. “Sua sensibilidade e apuro técnico alçaram-no a um patamar que o distinguia da produção regular dos demais fotógrafos, mesmo quando cumpria pautas jornalísticas ou trabalhos comerciais. Assim, sua visão artística se conformava intrinsecamente com os recursos da técnica fotográfica”, diz.

 


SERVIÇO
O QUÊ:
Mostra “Voltaire Fraga, Hoje (entre o ontem e o amanhã)”
QUANDO: Abertura no dia 29 de agosto, às 20h. Visitação de 30 de agosto a 9 de setembro. Segunda a sexta, de 10h às 19h e sábado, de 10h às 13h
ONDE: Roberto Alban Galeria – Ondina – Salvador (BA)

Uneb promove roda de conversa sobre influência do Povo Kimbundu na Bahia
Foto: Divulgação

O Núcleo de Estudos Estrangeiros (NEE), da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), promove a roda de conversa “O Kimbundu no dia a dia na Bahia”, nesta sexta-feira (23), a partir das 18h30, no Centro de Formação em Artes, situado no Pelourinho.


O evento contará com as participações do professor Dr. Tiganá Santana; Profª Drª Denise Carrascosa; Profª Zelinda Barros; Prof. Landê Onawale Munzanzu e o Prof. Niyi Monazambi.


A mesa tem como proposta dialogar sobre dados da distribuição geográfica do povo Kimbundu, situá-lo na diáspora, especialmente na Bahia, além de trazer elementos linguísticos e culturais que fazem parte de toda a população baiana e, em certa medida, de outros lugares da diáspora.


A iniciativa pretende ainda aproximar do público o sentimento de pertencimento, por perceber que o "português" que se fala no estado interage com o quimbundo até dias atuais em vários níveis da língua e na cultura, permanecendo, consequentemente, na atmosfera rítmica e gestual do povo brasileiro. As inscrições estão disponíveis online (clique aqui).
 

 
SERVIÇO
O QUÊ:
Roda de conversa – O Kimbundu no dia a dia na Bahia
QUANDO: Sexta-feira, 23 de agosto, às 18h30
ONDE: Centro de Formação em Artes – Pelourinho – Salvador (BA)

'Não vou fazer apologia a filtros culturais', diz ex-secretário especial de Cultura
Foto: Mauro Vieira / Divulgação

Demitido nesta terça-feira (21) do cargo de  secretário especial de Cultura (leia mais aqui), Henrique Pires disse, em nota, que “não vai fazer apologia a filtros culturais”. Segundo o jornal O Globo, o atual secretário-adjunto da Cultura José Paulo Soares Martins, assumirá o cargo.

“Para mim, isso tem nome: é censura. Se eu estiver nesse cargo e me calar, vou consentir com a censura. Não vou bater palma para este tipo de coisa. Eu estou desempregado. Entre ficar e bater palma pra censura, eu prefiro cair fora”, disparou.

Em comunicado, o Ministério da Cidadania, pasta pela qual a Secretaria de Cultura é subordinada, afirma que o ministro Osmar Terra “pediu” o cargo do secretário na noite da última terça-feira (20). “Ao contrário da versão divulgada pelo ex-secretário especial da Cultura José Henrique Pires o cargo foi pedido pelo ministro da Cidadania, Osmar Terra, na terça-feira (20), à noite, por entender que ele não estava desempenhando as políticas propostas pela pasta. O ministro se diz surpreso com o fato de que o ex secretário, até ser comunicado da sua demissão, não manifestou qualquer discordância à frente da secretaria. O secretário-adjunto e secretário de Fomento e Incentivo à Cultura, José Paulo Soares Martins, assume o cargo”, diz a nota do Ministério.

Pires, por sua vez, fez um balanço de sua passagem pela secretaria. - Acho que conseguimos fazer um trabalho legal - avaliou. “A equipe foi ótima, conseguimos avançar em várias coisas nesses oito meses. Mas, de uns tempos pra cá, tem sido um pouco complicado. Sempre tinha algum tipo de aplauso para iniciativas de adequar a produção cultural à visão do governo.  Algumas coisas nos últimos meses, a gente conseguiu contornar. Mas aí vem esse edital LGBT, fica-se criando situações para não premiar os caras”, declarou.

Filme 'Mulan' pode ser boicotado por manifestantes de Hong Kong
Foto: Divulgação

O movimento por boicote ao live-action de Mulan, que começou após a protagonista Liu Yifei ter apoiado as ações da polícia chinesa nos protestos contra a soberania do Estado chinês sobre Hong Kong, pode ganhar forças nas próximas semanas. De acordo com informações do site The Hollywood Reporter, manifestantes estão considerando realizar um protesto organizado na Disneyland de Hong Kong neste sábado (24). 

 

O grupo ainda não decidiu se a manifestação acontecerá no local, já que é uma área que dificultará a movimentação das pessoas e pode facilitar prisões em massa. Se o protesto realmente acontecer no parque, é possível, que a Disney se pronuncie pela primeira vez sobre a questão política. 

 

O THR conversou com um especialista na indústria de entretenimento chinesa, Stanley Rosen, e ele analisou a difícil posição da Disney, que não deve mostrar apoio aos manifestantes dado peso do mercado chinês para o estúdio. Se a situação piorar, Rosen especula que o lançamento do filme pode ser adiado. A estreia está prevista para 26 de março de 2020.

Quarta, 21 de Agosto de 2019 - 19:50

Série de Keanu Reeves em São Paulo tem figurante ferido com fogos de artifício

por Thiago Amâncio | Folhapress

Série de Keanu Reeves em São Paulo tem figurante ferido com fogos de artifício
Foto: Divulgação

As gravações da série de Keanu Reeves em São Paulo já deixaram até agora um bairro às escuras (veja aqui), paulistanos assustados, um ator ferido com fogos de artifício e figurantes descontentes.

 

A série de ficção científica é dirigida pelo inglês Carl Rinsch ("47 Ronins") e produzida por Keanu Reeves e pela uruguaia Gabriela Rosés Bentancor. As ruas de São Paulo são o cenário do futuro distópico da obra. A produção no Brasil é feita pela O2 Filmes, de Fernando Meirelles.

 

Já houve pelo menos quatro dias de filmagem na cidade, com atores nus pelo centro, tropas militares na avenida Paulista e sinalizadores pelos céus no melhor estilo invasão alienígena. Foram esses sinalizadores o motivo de desentendimento na madrugada da última segunda (19), quando pelo menos uma pessoa ficou ferida.

 

A reportagem ouviu quatro pessoas da equipe, que pediram anonimato por terem assinado termos de confidencialidade sobre a série. No domingo, a produção disparou fogos que caíam em chamas com uma espécie de mini paraquedas que suavizava a descida. Segundo os trabalhadores ouvidos pela reportagem, alguns desses amortecedores falharam, e os rojões atingiram a equipe.

 

Um vídeo mostra o momento em que um figurante, ferido, é carregado para receber atendimento. Os atores eram proibidos de levar celular ao set de filmagem. Alguns, no entanto, burlaram a regra depois de presenciarem o que dizem considerar grosserias da equipe, a fim de registrar situações de assédio.

 

Está escuro --os postes de toda a região foram desligados pela prefeitura a pedido da produtora-- e uma pequena lanterna ilumina o rapaz. Há gritos pedindo que abrissem espaço para o ferido e que o público fosse para outro lugar. Uma mulher pergunta: "Queimou?". Ao que outra responde, "Deu uma queimadinha, né?".

 

A O2 afirma que a queimadura foi superficial e que o ator foi "prontamente atendido no local" e se recusou a ir ao hospital. "No dia seguinte, a nossa produção entrou novamente em contato e o caso vem sendo acompanhado desde então, ele está bem". A produtora diz que tinha no local duas ambulâncias, médico, enfermeiros, bombeiros e seguranças.

 

Em outro vídeo, um produtor fala com alguém pelo telefone. "Olha só, tem uma galerinha aqui dando defeito, gritando, falando que está perigoso. Gostaria de alguém aqui para botar um freio nisso, porque a galera tá ficando bolada." Uma mulher reage: "'Uma galerinha dando defeito'? Defeito foi a bomba [o artefato que caiu sobre os figurantes]. Olha o respeito, cara, pela gente".

 

O produtor responde: "A culpa não é do nosso departamento. A gente não tem nada a ver com efeito", diz o rapaz. "Vocês só vão para lá quando tiver seguro, cara. A gente está providenciando segurança para vocês." Outro vídeo gravado poucos minutos depois mostra um homem falando que mudaria a posição dos atores para "não se repetir o que aconteceu ali agora".

 

"Vocês não vão sair mais daqui, vão sair mais lá da frente. Quando vocês estiverem lá, em segurança, na altura do Teatro Municipal, eles vão soltar os 'flares'. Os 'flares', se eles caírem aqui, não vai ter ninguém mais de vocês aqui. A gente não quer que aconteçam acidentes. Esse é o melhor jeito para não acontecer e não se repetir o que aconteceu ali agora."

 

Segundo os figurantes, porém, a situação continuou perigosa: um outro artefato em chamas teria caído ao lado da barraca de um morador de rua.Com o receio de mais acidentes, parte da equipe foi embora antes do fim das filmagens --sob ameaças de que não receberiam cachê se o fizessem, eles afirmam. A O2 diz que os figurantes que não quiseram continuar no set "foram prontamente dispensados".

Quem aceitou ficar ali diz que era impedido de pegar um casaco ou de se proteger da chuva. Naquela madrugada, os termômetros do CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências, da prefeitura) registraram temperatura média de 15°C na capital.

A produtora afirma que "o figurino desta filmagem não era desprotegido. Todos estavam com uma camiseta por baixo do macacão de manga comprida justamente pensado para proteger do frio. Inclusive os figurantes usavam um capacete que ajudou ainda mais a protegê-los das baixas temperaturas. E durante os intervalos os descansos eram feitos em um local fechado, com alimentação, bebidas quentes e todo apoio necessário".

Os figurantes dizem também que o cachê demorou para cair. O primeiro ensaio foi no dia 7 de agosto e os pagamentos só começaram a ser feitos só nesta quarta (21). A O2 afirma que a prática do mercado é pagar em 30 dias, mas que o pagamento começou a ser feito três dias após as filmagens.

 

As filmagens de domingo causaram outros transtornos. Os postes públicos do centro foram apagados pela prefeitura e os moradores reclamaram de não terem sido avisados da situação que deixou a região mais insegura. A Prefeitura de São Paulo, sob a gestão Bruno Covas (PSDB), afirmou que instalou faixas notificando o bloqueio das ruas ("procedimento padrão previsto em legislação"). A vinda da produção ao país ocorre por meio da São Paulo Film Commission, braço da SPCine que trabalha para facilitar filmagens na cidade. As negociações começaram em maio do ano passado. 

 

A O2 diz que 1.500 pessoas trabalham na série, produção de grandes proporções para os padrões nacionais, "gerando renda e movimentando a economia do setor, colocando a cidade de São Paulo em evidência e servindo de cenário para uma produção internacional".

Quarta, 21 de Agosto de 2019 - 19:00

Giro: Pérola do Mar Jônico

por Adriana Barreto e Cris Montenegro

Giro: Pérola do Mar Jônico
Mariana Castro

A arquiteta e urbanista Mariana Castro está com um ambiente na mostra Casas Conceito 2019, o Estar Taormina. O espaço foi inspirado na cidade de Taormina, na Itália, conhecida como a “Pérola do Mar Jônico”, com litoral considerado um dos mais belos do mundo.

 

Trata-se de uma sala de estar de 42m², em estilo contemporâneo, em um apartamento urbano de zona litorânea, idealizado para um casal super descolado, de meia idade, sem filhos. A intenção da arquiteta é unir o simples e o sofisticado, passeando pelas texturas naturais, pelos tons terrosos, mesclados com o cinza, verde, azul e laranja, além dos materiais como a madeira e o couro que proporcionam o aconchego desejado.

O uso de materiais naturais contrastados com metal dourado e aço fundido indicam a contemporaneidade de um ambiente urbano a beira mar. Para a arquiteta, os principais destaques do seu espaço são: os painéis de porcelanato (Portobello) em formatos variados, fitas metálicas e espelho bronze, que delimitam a mesa de jantar e enriquecem todo o ambiente, e a iluminação invertida e flutuante, presa por cabos de aço e com base de madeira, que passa a sensação de amplidão no ambiente. (Por Cris Montenegro)

Após suspensão de editais, secretário de Cultura de Bolsonaro deixa cargo
Foto: Divulgação

O secretário especial de Cultura do governo de Jair Bolsonaro, Henrique Pires deixou o seu cargo. Segundo o jornalista Ancelmo Gois, o Ministro da Cidadania Osmar Terra tentou contornar a situação nesta terça-feira (20), oferecendo ao secretário o comando da Casa Rui Barbosa ou outra instituição ligada ao ministério. 

 

O site informou que Pires saiu por "discordâncias de gestão". Porém, nos bastidores, dizem que Henrique saiu protestando contra a suspensão feita por Bolsonaro para editais que apoiam projetos culturais ligados a comunidades LGBTs (veja aqui).

Filme de Wagner Moura, 'Marighella' ganha primeiro trailer; confira
Foto: Reprodução / YouTube

O filme "Marighella", dirigido por Wagner Moura, ganhou seu primeiro trailer nesta terça-feira (20). A produção está marcada para estrear no Brasil no dia 20 de novembro, o Dia Nacional da Consciência Negra. 

 

O longa, que foi inspirado no livro "Marighella - o Guerrilheiro que Incendiou o Mundo", do jornalista e escritor Mario Magalhães, narra os últimos anos do ativista baiano Carlos Marighella, que recorreu à luta armada para enfrentar a ditadura militar e terminou morto em uma emboscada em 1969. 

 

 

 

O filme conta no elenco com Seu Jorge no papel principal e também com Bruno Gagliasso, Adriana Esteves, Charles Paraventi, Humberto Carrão, Bella Camero e Luiz Carlos Vasconcelos. 

 

Salvador recebe primeiro show do projeto Ziminino com Rafa Dias e Ricô Beis
Foto: Divulgação / Nora Rahimian

O duo Ziminino, formado pelos músicos Ricô Beis (O Quadro) e Rafa Dias (Àttooxxá), realizará nesta sexta-feira (23), o show de lançamento do álbum recém-lançado. O show será no Commons Studio Bar, no Rio Vermelho, a partir das 22h. O cantor Raoni (Àttooxxá) fará uma participação especial na apresentação e a DJ Sica e o DJ Jef Rodriguez irão apresentar seus sets durante a noite.

 

Ziminino é um força musical pan-Africana. O projeto é um veículo para explorar as relações entre diferentes culturas e povos espalhados pela diáspora africana. Raízes afro-brasileiras se encontram com o hip hop, o funk carioca, o violão musical MPB, musica eletrônica, Afropop e até o rock.

 

Os ingressos estão à venda na plataforma do Sympla, por R$ 15 (meia) e R$ 30 (inteira), além da inteira solidária por R$ 15 + 1kg de alimento não perecível a ser entregue no dia do show.

 

SERVIÇO
O QUÊ:
Projeto Ziminino 
QUANDO: Sexta-feira, 23 de agosto, a partir das 22h
ONDE: Commons Studio Bar, no Rio Vermelho
VALOR: R$ 15 (meia) e R$ 30 (inteira) e Inteira solidária por R$ 15 + 1kg de alimento não perecível

Quarta, 21 de Agosto de 2019 - 16:30

30 anos sem Raul: Raulzito e Os Panteras

por Pacheco Maia

30 anos sem Raul: Raulzito e Os Panteras
Foto: Reprodução/ Mercado Livre

Raulzito. Assim ele era chamado pelos familiares e amigos da infância e adolescência, quando resolveu montar uma banda de rock and roll, empolgado com Elvis Presley. Inicialmente, foram os “Relâmpagos do Rock”, com os irmãos Gama. A banda, então, mudou de formação. Saiu um dos irmãos Gama e entrou Mariano Lanat. Virou “Raulzito e The Panthers”, nome inspirado na flâmula americana do felino, que havia no quarto do Maluco Beleza.

 

“The Panthers” soou mal e trocou-se para “Raulzito e Seus Panteras”. O pronome possessivo não agradou os companheiros, que, enfim, resolveram batizá-la como “Raulzito e Os Panteras”. Um dos irmãos que compunha o primevo trio, “Os Relâmpagos do Rock”, Thildo Gama, integrou “Os Panteras”, como muitos outros, a exemplo de Emanoel Pacheco e Perinho Albuquerque. Mas a banda se consolidou com Mariano, Carleba e Eládio. São eles que gravam o disco “Raulzito e Os Panteras” no final de 1967.

 

O encontro de Raulzito com cada um dos três é curioso. O primeiro deles foi com Mariano. Eles tinham um amigo em comum: Olival, que morava no mesmo prédio da família Seixas, na Rua João das Botas, no Canela. Olival pegou o violão de Mariano, que residia próximo, para emprestar a Raul, que demorou de devolvê-lo. Mariano sentiu falta do instrumento e resolveu ir à casa do vizinho de Olival para pegá-lo de volta.

 

Raulzito o atende e, de cara, o convida para formar uma banda de rock and roll. Mariano topa. Thildo, que era um dos irmãos Gama que integravam o “Relâmpagos do Rock”, participa dos planos. E eles começam a ensaiar, com Thildo na bateria. Raul ainda não está satisfeito com a formação da banda, por onde passam vários componentes. Certo dia, já estudando no Colégio Ipiranga, que ficava na casa onde morou Castro Alves, na Rua do Sodré, Raulzito viu um garoto batucando na carteira. Gostou e perguntou se o batuqueiro sabia tocar bateria.

 

A resposta automática foi sim, embora Carleba, na oportunidade, nunca tivesse tido qualquer experiência com o instrumento. A performance na carteira agrada Raul, que lhe revela a insatisfação com o baterista de sua banda e convida Carleba a participar dos ensaios. Pede para ele chegar mais cedo, no horário em que o dono da bateria, Thildo, estivesse ausente.

 

Carleba cumpre o combinado, aparece e aprende a tocar, tocando na bateria de Thildo, que acaba lhe flagrando, usando o instrumento de sua propriedade. Mas aí Raulzito já tinha decidido por Carleba. E Thildo passa a tocar guitarra. Ainda insatisfeito com a sonoridade da banda, o ainda projeto de Maluco Beleza busca outro guitarrista.

 

Um dia, passeando com Mariano pelo Campo Grande, eles veem um garoto com um violino na mão. Era Carlos Eládio, que saíra da aula de música. Aluno do Colégio Marista, integrante do Bando Alegre, conjunto da escola, Raulzito o vira tocar quando lá estudara. Mariano, por sua vez, tinha sido colega dele no primário, na Escola Jesus Maria José. Bateu nos dois a vontade de chamá-lo a participar do grupo.

 

O convite, no entanto, para integrar a banda só surge inusitadamente num final de semana, na piscina da Associação Atlética da Bahia, na Barra. Uma turma de jovens estava reunida à beira da piscina, tocando violão e cantando, quando um deles, Raulzito, puxa outro, Eládio, e o conduz em direção ao trampolim. Sem entender direito, Eládio pergunta o que estava querendo o conhecido. Raul pede para subirem até o último andar do trampolim.

 

Eládio imagina que Raulzito vá lhe desafiar a pular do topo do trampolim. Ledo engano. Ao chegarem ao derradeiro patamar, Raulzito lhe faz o convite para tocar na banda, que seria formada pelos dois e mais Mariano, Carleba e Thildo. Eládio aceita. O quinteto é formado e permanece assim até que Raul, influenciado pelos Beatles, decide tocar também guitarra e reduz a banda a quatro integrantes: Raulzito (vocal e guitarra), Mariano (baixo), Eládio (vocal e guitarra) e Carleba (bateria).

 

Embora Thildo fosse um dos mais entusiasmados, ele acaba sendo sacado dos Panteras. Mas o saudoso relâmpago e pantera, falecido em 2011, tornou-se um dos grandes divulgadores da obra e vida de Raul Seixas.

 

Salvador fica pequena para a pretensão do grupo, agora um quarteto como os Fab Four, que conquista o troféu de melhor conjunto de iê iê iê do estado. No segundo semestre de 1967, Raulzito, Mariano, Carleba e Eládio decidem encarar o Sul Maravilha. Desembarcam no Rio com o objetivo de gravar um disco. Mas essa é outra história.

Festa Sollares tem nova edição no Alto do Andu em setembro
Foto: Divulgação

A festa de música eletrônica Sollares realiza uma nova edição no dia 7 de setembro, a partir das 16h, no Alto do Andu, situado na avenida Paralela, em Salvador.


Com o tema Back To Roots (De Voltas Às Raízes), dois palcos e 12 horas de duração, o evento contará com a participação do duo Öwnboss, Chapeleiro, Gustavo Mota, Devochka, Beowuldf, Attractive Noise, Jama, Karielle Braga, Muska e Victor Alencar; [Palco Praia]: Fabrício Peçanha, Khainz, Louie Cut, Meca, Pirate Snake, Soldera, Zac, Diego Araújo, Rodrigo Bouzon, Jhon K e Tsant.


Os ingressos, que custam entre R$ 60 e R$ 150, estão à venda no Sympla.

 

SERVIÇO
O QUÊ:
Sollares - Back To Roots
QUANDO: Sábado, 7 de setembro, às 16h
ONDE: Alto do Andu – Paralela – Salvador (BA)
VALOR: R$ 60 (pista), R$ 90 (área VIP) e R$ 150 (backstage)

Quarta, 21 de Agosto de 2019 - 15:00

GastrôBahia: Festival do Risotto

por Cris Montenegro

GastrôBahia: Festival do Risotto
Risotto de polvo com linguiça defumada
O mês de agosto está sendo de novidades no La Pasta Gialla, na Rua São Paulo, 488, na Pituba. O restaurante apresenta o Festival do Risotto, oferecendo ao cliente três novas receitas exclusivas. Os Risottos de Carbonara (R$ 45/R$ 51), de polvo com linguiça defumada (R$ 51/R$ 57) e de camarão com burrata e limão siciliano (R$ 58/R$ 64) estão sendo apresentados a preços especiais de segunda a quinta-feira e são opções do menu também de sexta a domingo deste mês.

Risotto de camarão, burratta e limão siciliano

Centro Histórico de Salvador recebe programação especial para celebrar cultura popular 
Foto: Divulgação

Tem início nesta quinta-feira (22), Dia da Cultura Popular, o projeto Agosto da Cultura Popular, que leva uma programação especial ao Centro Histórico de Salvador. 


O evento, que inclui o projeto Ritmos e Ritos Populares e a Semana da Cultura Popular, contará com manifestações tradicionais da Bahia, como rituais, danças e música. 

 

Confira a programação:

Conferência de abertura – Agosto da Cultura Popular e Projetos Ritmos e Ritos Populares da Bahia
Quando: 22 de agosto, quinta-feira, 14h
Local: Cineteatro Góes Calmon / Museu Eugênio Teixeira Leal 

 

Palestra show | Sarau | Lançamento de Cordel – Zezão Castro e Antônio Barreto
Quando: 22 de agosto, quinta-feira, 15h30
Local: Cineteatro Góes Calmon / Museu Eugênio Teixeira Leal 

 

Abertura de Exposição Ritmos e Ritos Populares da Bahia
Quando: 22 de agosto, quinta-feira, 17h30
Local: Galeria Francisco de Sá / Museu Eugênio Teixeira Leal 

 

Caminhada Terno de Reis Eterna Juventude 
Quando: 22 de agosto, quinta-feira, 17h30
Local: Saída do Centro de Culturas Populares e Identárias 

 

Samba de Roda  - Geração do Iguape (Cachoeira/BA)
Quando: 22 de agosto, quinta-feira, 18h30
Local: Centro de Culturas Populares / Largo Quincas Berro D'Água

 

Mostra de filmes e debate – Batatinha e o Samba Oculto da Bahia / Mestre João Pequeno de Pastinha
Quando: 23 de agosto, Sexta-feira, 10h
Local: Cineteatro Góes Calmon / Museu Eugênio Teixeira Leal 

 

Oficina de Parlendas – Jéssica Jefoni
Quando: 23 de agosto, Sexta-feira, 10h
Local: Biblioteca Innocêncio Calmon / Museu Eugênio Teixeira Leal 

 

Mandioca - Raiz Brasileira – Zezão Castro
Quando: 23 de agosto, Sexta-feira, 14h
Local: Cineteatro Góes Calmon / Museu Eugênio Teixeira Leal 

 

Roda de Conversa - Cultura Popular Tradicional 
Quando: 23 de agosto, Sexta-feira, 15h
Local: Cineteatro Góes Calmon / Museu Eugênio Teixeira Leal 

 

Lançamento do Livro  'Cantigas de um Baile Pastoril' 
Quando: 23 de agosto, Sexta-feira, 18h
Local: Cineteatro Góes Calmon / Museu Eugênio Teixeira Leal 

 

Abertura da Exposição Afro Barroco, de Jomar Lima
Quando: 23 de agosto, sexta-feira, 17h
Local: Foyer Lina Bon Bardi / Centro de Culturas Populares e Identitárias

 

História Oral - Exibição de documentário
Quando: 24 de agosto, Sábado, 10h e 14h
Local:  Museu Eugênio Teixeira Leal 

 

Sussurros de Cordel
Quando: 24 de agosto, Sábado, 15h
Local: Ruas do Pelô

 

História Oral - Exibição de documentário
Quando: 25 de agosto, Domingo, 10h
Local:  Museu Eugênio Teixeira Leal

 

'Feita no Pelô'  - J. Velloso, Luciano Salvador Bahia e Manifestações culturais
Quando: 25 de agosto, Domingo, 13h
Local:  Largo Quincas Berros D’Água
Entrada: doação 01 kg de leite em pó

 

Oficina de Cerâmica 
Quando: 27 e 28 de agosto, terça e quarta, 10h
Local: Centro de Culturas Populares e Identitárias, Casa 12, Largo do Pelourinho

 

Exibição do vídeo sobre a Cultura Popular - Bahia Singular e Plural 
Quando: 27 de Agosto a 24 de Setembro – Ter a sab 10h e 15h
Local:  Museu Eugênio Teixeira Leal 

 

Oficina de Capoeira de Angola 
Quando: Segundas e Quintas, 16h
Local:  Largo Tereza Batista

 

Exibição do documentário: “Que fale Santo Amaro – Em busca da verdade sobre a dança do Maculelê”
Quando: 2ª quinzena de agosto
Local: Centro de Culturas Populares e Identitárias, Casa 12, Largo do Pelourinho

Quarta, 21 de Agosto de 2019 - 14:00

Giro: Novo programa multiplataforma

por Adriana Barreto e Cris Montenegro

Giro: Novo programa multiplataforma
Foto: Divulgação

O programa multiplataforma “Hiperconectados”, ?da Band Bahia, terá lançamento oficial nessa quinta-feira, 22, ?às 20h, durante uma première exclusiva para cerca de 170 convidados no Cine Imperial, localizado no Shopping Center Lapa, em Salvador. 

Artistas, jornalistas, executivos da emissora, produtores e convidados da direção do novo produto são esperados para assistir ao primeiro episódio do programa, uma coprodução do Grupo Bandeirantes com a Agência Criativa. 

Em uma estratégia transmídia, a nova atração promete trazer para a TV aqueles elementos com os quais passamos a interagir diariamente nas redes sociais. Interação, aliás, é o que não falta entre o ‘#dreamteam’ de influenciadores selecionados para conduzir todo o programa. 

Vindos de várias partes da Bahia e de Sergipe, Camila Quintela,Paty Básica, João Caldas, Nega Lu, Ícaro Almeida, Tami Thaynne, Jeane Passos, Naiara Pena e Nay Dantas representam não só diversas regiões, sotaques, culturas e costumes, como, também, se dedicam a um vasto leque de nichos que já se mostraram sucesso no mundo digital. 

Com roteiro de André Cunha e Matheus Pastori, moda, beleza, tecnologia, dicas de estilo, gastronomia, turismo, humor, empreendedorismo, baianidade, diversão e, claro, muito conteúdo sobre o universo das redes sociais é um pouco do que se pode esperar da nova atração multiplataforma. 

Hiperconectados tem data de estreia prevista para esta sexta-feira (23) nas redes oficiais ?da Band Bahia (@bandbahia). (Por Cris Montenegro)

 

Espetáculo 'Contando Raul Seixas' estreia nesta sexta em Salvador
Foto: Divulgação / Fabiana Passos

O espetáculo “Contando Raul Seixas – Músicas e Histórias do Maluco Beleza” estreia nesta sexta-feira (23) e segue em cartaz às sextas-feiras, sempre às 20h, até o dia 27 de setembro, no Teatro Módulo, em Salvador. 


Comandado pelo músico e produtor cultural Marcos Clement, o projeto leva ao palco músicas e histórias curiosas sobre a vida do artista baiano, que nesta quarta (21) completa 30 anos de morte. 


Nesta temporada o espetáculo conta com Jô Estrada na Guitarra, Zito Moura no teclado,  Lorena Martins na bateria e Alexandre Vieira no contrabaixo.


SERVIÇO
O QUÊ:
“Contando Raul Seixas – Músicas e Histórias do Maluco Beleza”
QUANDO: 23 de agosto a 27 de setembro. Sextas-feiras, às 20h
ONDE: Teatro Módulo – Salvador (BA)
VALOR: R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia)

Recém inaugurado, aeroporto de Conquista recebe exposição sobre Glauber Rocha
Foto: Divulgação

O Aeroporto Glauber Rocha, inaugurado no mês de julho em meio a desavenças entre o governador Rui Costa e o presidente Jair Bolsonaro (clique aqui e saiba mais), abrirá uma exposição em homenagem ao cineasta baiano que dá nome ao equipamento, nesta quinta-feira (22), às 16h.


Em cartaz até 20 de outubro, a mostra é composta por 16 totens que remontam a linha do tempo da trajetória de Glauber Rocha. No espaço, o público poderá conferir informações, fotografias, arquivos e material audiovisual sobre, não somente a carreira profissional do artista conquistense, mas também sua dimensão humana e pessoal. 


A exposição é uma pequena mostra do Acervo Glauber Rocha, que levará o Tempo Glauber Digital, de forma permanente, para o Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM-BA), em Salvador, além de dispor online o material com 50 mil itens digitalizados. A curadoria é de Paloma Rocha, filha do cineasta.


“Esta ação é a oportunidade de chamar atenção para um grande projeto que será implementado na Bahia. Ela presta homenagem a um filho ilustre da cidade e apresenta um pouco da sua história. É algo dele ali que vai sensibilizar e emocionar quem estiver vendo”, diz Paloma, que na ocasião da inauguração do aeroporto, decidiu cancelar sua participação em protesto à forma como se deu o evento (clique aqui).

'Matrix 4' é confirmado, com Keanu Reeves no elenco e Lana Wachowski na direção
Foto: Divulgação

A diretora Lana Wachowski confirmou o quarto filme da franquia 'Matrix', com Keanu Reeves no elenco.

Wachowski irá dirigir o filme junto com Carrie Ann-Moss, que interpretou a personagem Trinity nos filmes anteriores.

O primeiro 'Matrix' completou 20 anos em 2019.

"Muitas das ideias Lily [Wachowski, irmã de Lana, que codirigiu os três primeiros filmes da franquia] sobre a nossa realidade estão ainda mais relevantes agora", disse a diretora à Variety. "Estou muito feliz de ter esses personagens de volta à minha vida e grata por mais uma chance de trabalhar com meus brilhantes amigos."

O roteiro será dividido por Lana Wachowski com os escritores de ficção científica Aleksandar Hemon e David Mitchell.

Palacete das Artes recebe exposição 'O Gênio dos Gênios – Leonardo Da Vinci'
Foto: Divulgação

Para lembrar os 500 anos da morte do artista e cientista italiano, o Palacete das Artes recebe, a partir do dia 27 de agosto, a exposição “O Gênio dos Gênios – Leonardo Da Vinci”. A mostra será aberta às 19h, na Sala Contemporânea, e segue em cartaz até 29 de setembro, com entrada gratuita.


De autoria do engenheiro e artesão Thales de Azevedo Filho, a exposição é composta por cerca de 60 obras, entre maquetes, reproduções de pintura e de anatomia, além de uma “linha do tempo” de Da Vinci, e uma instalação de um Anemômetro de tubos cônicos (o modelo possui dois dutos cônicos com raios de aberturas diferentes, capaz de medir a intensidade do vento). 


“Esta é uma excelente oportunidade, em que observando os modelos, vão entender os seus fundamentos. Quem não conhece os princípios dificilmente irá entender as demais partes, os meios e os fins. Não existe limite de idade para vivenciar tantos experimentos e criações deste que foi sem dúvida o gênio dos gênios. Esta mostra é única no Brasil e a Bahia saiu na frente na construção dos modelos para as comemorações dos 500 anos de morte de Leonardo da Vinci. Assim não será necessário viajar à Itália para conhecer parte da sua fantástica obra e arte”, diz Thales. 

 

SERVIÇO
O QUÊ:
Exposição “O Gênio dos Gênios – Leonardo Da Vinci”
QUANDO: Abetura no dia 27 de agosto, às 19h. Visitação até 29 de setembro. Terça a sexta, das 13h às 19h e sábados, domingos e feriados, das 14h às 18h
ONDE: Sala Contemporânea do Palacete das Artes – Salvador (BA)
VALOR: Entrada gratutia

UFRJ deve R$ 669 mi a responsável por obras do Museu Nacional e atribui culpa ao MEC
Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

A Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), instituição à qual o Museu Nacional está vinculado, deve R$ 669 milhões para a empresa responsável pelas obras emergenciais do equipamento cultural.


De acordo com informações da coluna de Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo, o valor corresponde à última parcela da reforma, que tem como propósito recuperar as instalações destruídas em um incêndio ocorrido em 2018 (clique aqui).


Ainda segundo a publicação, a UFRJ confirmou a inadimplência, mas atribui a falta de pagamento pelo dato de o Ministério da Educação não ter repassado os recursos previstos para este fim.

Histórico de Conteúdo